🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Isabelle Santos
Isabelle Santos
Comunicóloga formada pela Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). É redatora do Money Times, Seu Dinheiro e Empiricus.
Conteúdo Empiricus

Colapso em Osasco: ‘Efeito Americanas’ tritura resultado decepcionante do Bradesco (BBDC4), enquanto este outro banco bateu recorde de lucro em 2022 e está barato; saiba qual

O balanço do 4T22 do Bradesco (BBDC4) surpreendeu negativamente o mercado e executivos da instituição avaliam que o cenário ainda pode piorar

Isabelle Santos
Isabelle Santos
10 de fevereiro de 2023
17:07
NÃO USAR! Bradesco – SD
(Imagem: Viviane Moos/Corbis via Getty Images) -

O mercado já esperava um resultado ruim para o Bradesco (BBDC4) no quatro trimestre de 2022, mas o banco ainda conseguiu surpreender negativamente os investidores. No período, a instituição apresentou um lucro líquido de R$ 1,6 bilhão

Isso representa um retorno sobre patrimônio líquido (ROE) de apenas 4%. Parte da perda expressiva da rentabilidade do Bradesco se deve ao caso Americanas, que afetou o setor como um todo. 

Entretanto, o desempenho ruim do banco não pode ser justificado apenas pelo imbróglio da varejista. Segundo os analistas da Empiricus Research, mesmo excluindo o fator Americanas, os resultados do Bradesco ainda teriam sido decepcionantes.

Por isso, os analistas avaliam que o melhor a se fazer neste momento é deixar as ações do Bradesco (BBDC4) fora da carteira. Em contrapartida, a ação de um outro “bancão” foi recomendada

Trata-se de uma instituição que é considerada uma rocha do setor e que bateu recorde de lucro em 2022. Além disso, é uma empresa sólida, rentável, que paga bons dividendos e cuja ação está barata.  

Um resultado ruim para além das Americanas 

O caso Americanas impactou empresas dos mais variados setores. Entre eles, os bancos foram um dos mais afetados, afinal, a varejista havia contratado empréstimos com as principais instituições financeiras do país. 

Nesse sentido, o mercado já projetava que o resultado dos bancos no quarto trimestre seriam afetados pelo rombo bilionário. No caso do Bradesco, o impacto foi de R$ 4,9 bilhões

A instituição era a maior credora da varejista e decidiu provisionar 100% da exposição à Americanas, isto é, considerar como perda. 

Entretanto, outras linhas do balanço mostraram que o resultado ruim da instituição vai além dos empréstimos à varejista. 

Em comparação com o 3T22, a carteira de crédito do banco expandiu apenas 2%, o que levou a crescimento semelhante para a margem financeira (diferença entre receita de juros e custo de captação).

Na linha de inadimplência, o resultado também piorou. Sem considerar o provisionamento integral da exposição a varejista, o índice de atrasos de mais de 90 dias aumentou 38% em comparação com o trimestre anterior. 

Durante a teleconferência de resultados, os executivos reconheceram que concederam mais crédito do que deveriam durante a pandemia e fizeram um alerta: os calotes devem continuar piorando ao longo de 2023.

Assim, diante do resultado ruim no 4T22 e da expectativa de que os números da empresa piorem nos próximos trimestres, a ação do Bradesco (BBDC4) chegou a cair mais de 7% na tarde desta sexta-feira (10). 

Em contrapartida, um outro banco tem sido recomendado pela Empiricus Research para quem deseja investir no setor. 

CONHEÇA A AÇÃO QUE É UMA ‘ROCHA’ NO SETOR DE BANCOS

Um ‘bancão’ melhor que Bradesco (BBDC4)

Trata-se de um banco que se mostrou mais cauteloso com relação à exposição às Americanas. Embora esta outra instituição tenha concedido empréstimos a varejistas, o montante concedido foi bem menor, e não impactou tanto os resultados. 

Além disso, estamos falando de uma empresa sólida com retornos consistentes e bons dividendos. Veja só este gráfico, ele mostra o desempenho desta ação durante a crise de 2015: 

Fonte: Empiricus Research
Fonte: Empiricus Research

Perceba que, mesmo em um cenário difícil, este ativo conseguiu entregar um desempenho bem acima do Ibovespa. 

A instituição conseguiu repetir o feito em 2022. Embora o cenário macroeconômico do ano passado não tenha sido dos melhores, a ação deste bancão rendeu o triplo do Ibovespa neste período. 

Além disso, ao longo de 2022, o banco conseguiu crescer e bater recorde de lucro. Apesar disso, a ação ainda está negociando a um preço sobre lucro (P/L) abaixo da média dos últimos 13 anos.

Ou seja, ela está barata. Por isso, os analistas da Empiricus Research acreditam que, além desta ação ser melhor que Bradesco, ela está em um excelente ponto de compra.

Os analistas revelaram o nome desta ação em um relatório da série “Vacas Leiteiras”. A princípio este conteúdo era exclusivo para os assinantes, contudo, a Empiricus Investimentos está oferecendo como cortesia o acesso gratuito à esta recomendação. 

Isto quer dizer que você pode conhecer o nome da ação melhor que Bradesco (BBDC4), sem ser assinante e sem desembolsar nenhum centavo

Para acessar basta clicar neste link ou no botão abaixo e seguir as instruções:  

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Vivo (VIVT3) ficou cara? Companhia divulga balanço positivo, mas não entra no ‘Top 5’ de pagadoras de dividendos; confira a lista

24 de fevereiro de 2024 - 12:00

Analista comenta balanço da Vivo e recomenda outras opções para investir agora em busca de dividendos; confira

Conteúdo Empiricus

60% das pessoas não gostam do próprio trabalho: está na lista? Esta profissão paga em média R$ 30 mil e tem 700 vagas abertas

24 de fevereiro de 2024 - 10:00

Empresas gigantes estão em busca de profissionais qualificados desse setor e aceitando pagar caro para preencher essas vagas – veja como ingressar

Conteúdo Empiricus

Cortes na Selic ainda não surtiram efeito? B3 (B3SA3) registra queda de 8% no lucro; veja se ainda vale a pena investir na ação

24 de fevereiro de 2024 - 8:00

Embora a companhia tenha registrado um crescimento de 11% nos setores de tecnologia, dados e serviços, os resultados gerais ficaram abaixo do esperado; veja a recomendação da Empiricus Research

Conteúdo Empiricus

Ainda não chegou a vez do Nubank (ROXO34): mesmo com 4T23 positivo, analista recomenda ficar de fora da ação (e revela o motivo)

23 de fevereiro de 2024 - 19:00

BDR do Nubank cai na bolsa em relação ao último fechamento apesar de resultados animadores no 4º trimestre – veja qual é o impeditivo para incluir o papel na carteira

conteúdo empiricus

Dividendos em perigo? Por que a Taesa (TAEE11) pode deixar de pagar proventos gordos em breve, segundo o Bradesco BBI

23 de fevereiro de 2024 - 17:00

A Taesa é conhecida por ser uma grande pagadora de dividendos mas, segundo o banco de investimentos, ela pode passar a remunerar bem menos os seus acionistas; entenda

Conteúdo Empiricus

Nvidia não é a única: veja as empresas de tecnologia mais indicadas para ter a chance de surfar o ‘boom’ da inteligência artificial

23 de fevereiro de 2024 - 15:00

Resultados da Nvidia mostraram que a narrativa em torno da inteligência artificial segue a todo vapor. Veja as apostas desse gestor para aproveitar o momento das empresas de tecnologia

Conteúdo Empiricus

Cuidado com a Oi (OIBR3): mesmo disparando 120%, existem 10 ações com maior potencial; veja

23 de fevereiro de 2024 - 13:00

Ação dispara em fevereiro, mas maior casa de análise independente do Brasil segue sem recomendar a empresa por acreditar que existem outras companhias melhores agora

Conteúdo Empiricus

‘A gente prefere estar na principal fonte de dividendos’: entenda por que Itaúsa (ITSA4) não está nas ações preferidas da Empiricus para proventos

23 de fevereiro de 2024 - 11:00

Segundo Larissa Quaresma, analista da Empiricus Research, esse ‘bancão’ é quem está por trás de parte dos dividendos entregues pela holding; entenda

Conteúdo Empiricus

‘Escolhi ser analista de ações’: como Thiago Salomão, fundador do Market Makers, mudou a rota para se tornar um dos nomes mais conhecidos do mercado financeiro

23 de fevereiro de 2024 - 9:00

Salomão decidiu abandonar o jornalismo para se tornar analista de ações. Agora ele quer ajudar outras pessoas que desejam fazer a transição de carreira para o mercado financeiro

Conteúdo Empiricus

Poxa, hermanos: hiperinflação na Argentina impacta resultados da Gerdau (GGBR4) no 4T23; saiba se é hora de comprar ou vender

22 de fevereiro de 2024 - 14:00

Números da América do Norte e a geração de caixa livre foram destaques positivos do balanço de Gerdau (GGBR4)

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies