🔴 RENDA MÉDIA DE R$ 21 MIL POR MÊS COM 3 CLIQUES – SAIBA COMO

Cotações por TradingView
Giovanna Figueredo
Giovanna Figueredo
Jornalista em formação pela Universidade de São Paulo (USP), já trabalhou com marketing e redes sociais em uma consultoria financeira e é redatora dos portais Seu Dinheiro e Money Times.
Conteúdo Vitreo

Dividendos: esta ação ganhou na alta e na baixa da bolsa e ainda distribui lucros generosos aos investidores

Sólida, rentável e barata: esta ação tem virado a ‘queridinha’ dos analistas, já valorizou mais de 25% neste ano e tem grande potencial de dividendos; descubra qual é o papel

Giovanna Figueredo
Giovanna Figueredo
17 de agosto de 2022
15:59
ação dividendos investidores gráfico oscilação
Imagem: iStock/Montagem: Julia Shikota

O primeiro semestre de 2022 não foi nem um pouco fácil para os investidores de ações. Inflação descontrolada, os efeitos econômicos da pandemia e da guerra na Ucrânia, eleições presidenciais à vista... é inegável toda a turbulência deste ano.

O desempenho do Ibovespa, principal índice de ações da bolsa brasileira, é um claro reflexo desse período conturbado. No primeiro semestre, o índice desvalorizou cerca de -6%, mas mesmo durante esses 6 meses mais complicados, algumas empresas tiveram destaque.

É o caso de uma companhia que foi na contramão da maioria das ações da bolsa e valorizou 8,2% enquanto o Ibovespa derretia no 1º semestre.

Mas se os números já estavam atrativos na primeira etapa do ano, agora estão melhores ainda. Com a sinalização de que o ciclo de alta dos juros está chegando ao fim, os investidores voltaram a olhar para a bolsa e o mercado acionário tem se recuperado aos poucos. 

Esse otimismo em relação a ativos da bolsa impulsionou ainda mais a ação que, desde o início de 2022 até o último fechamento (16), já subiu mais de 25%.

E não pense que, por já ter passado por um “salto” expressivo, ela não tem mais potencial de alta. Segundo analistas, a empresa continua extremamente barata, é considerada “uma verdadeira rocha no mercado brasileiro” e é resistente às instabilidades econômicas do país.

A ação está sendo negociada a apenas 1,4x o valor patrimonial e 6x o lucro. Mas, além do preço, essa empresa tem outro fator de destaque: o potencial de dividendos.

Rodolfo Amstalden, sócio-fundador da Empiricus e responsável pela série “Vacas Leiteiras” – que seleciona as melhores ações pagadoras de dividendos da bolsa –, acredita que esse ativo pode entregar dividend yield de 3,47% em 2022 e, em 2023, 5,28%. Ou seja, é uma chance de ter ganhos recorrentes além da possibilidade de valorização dos ativos.

Outro analista que também acredita no potencial dessa ação é Matheus Spiess, que faz parte da equipe da carteira “Double Income”, da Empiricus, focada em ações para geração de renda.

Para ele, a empresa é sólida, rentável, barata e paga ótimos dividendos. Portanto, o analista recomenda a compra desta ação. Mas ele não é o único.

Muitas outras empresas renomadas no mercado também confiam no potencial da companhia, como mostra a manchete abaixo do portal de notícias SpaceMoney:

Fonte: SpaceMoney (09/08/2022)

Com tantas recomendações de compra e o grande potencial da empresa, talvez você queira descobrir qual é essa ação. A seguir, dou mais detalhes sobre as características da companhia e, no botão abaixo, você pode ter acesso a um relatório gratuito completo que revela qual é esse papel:

FARTOS DIVIDENDOS E GRANDE POTENCIAL DE VALORIZAÇÃO: QUAL É ESSA AÇÃO PROMISSORA?

Entenda por que investir nessa empresa ‘queridinha’ dos analistas

Como dito anteriormente, a ação dessa empresa promissora tem chamado a atenção de investidores e analistas. Em pouco mais de 8 meses, o papel já valorizou 25% e tem potencial para ir muito além.

Mas o que torna essa companhia tão especial?

Um dos principais fatores é o segmento da economia no qual ela está inserida. A empresa faz parte de um setor que se deu bem com a alta dos juros. Mas muito além apenas do cenário econômico, essa instituição é uma das favoritas do mercado devido à sua solidez e ao histórico robusto.

Porém, até pouco tempo atrás, muitos investidores haviam deixado de olhar para esse “tesouro” da bolsa brasileira. Isso porque, enquanto os juros estavam baixos, empresas mais sólidas foram deixadas de lado e substituídas por companhias de “growth” (crescimento) com promessas de lucro exorbitante.

No ano passado, por exemplo, essa empresa promissora despencou cerca de -17%. No entanto, os juros subiram, a maioria das empresas de “growth” não conseguiu sustentar as promessas e essa empresa consolidada conseguiu provar, novamente, o seu valor.

O sucesso atual da companhia e a perspectiva de bons retornos no futuro se baseia, principalmente, em três pontos positivos: dividendos acima da média, resultados impressionantes no 2T22 e preços sendo negociados muito abaixo do que, de fato, deveriam.

1. ‘Chuva de dinheiro’ no balanço do 2T22

O setor do qual essa empresa faz parte é um dos mais fortes da economia brasileira. Em 2021, por exemplo, as companhias desse segmento somaram lucro líquido recorde de R$ 132 bilhões.

No mesmo período, é claro que algumas companhias se destacaram, como é o caso da empresa recomendada por Amstalden e Spiess. No ano passado, a instituição teve lucro líquido de R$ 26,8 bilhões. E 2022 não está ficando para trás.

Na divulgação dos resultados do 2º trimestre, a companhia registrou lucro líquido de mais de R$ 7 bilhões e logo levantou os ânimos dos investidores, que não param de comprar a ação. Desde a publicação do balanço, que ocorreu neste mês de agosto, os papéis da instituição já valorizaram cerca de 7,9%.

Felipe Miranda, estrategista-chefe e co-CEO da Empiricus, comentou os resultados da empresa no 2T22 e acredita, assim como os dois outros analistas da casa de análise, que a companhia tem um potencial indiscutível:

“Resultado forte e um investimento sem muito risco, crescendo quando o mercado esperava que não fosse crescer tanto. Boa ação para quem quer estar em bolsa com liquidez e upside”, diz Miranda.

2. Ação negociada a múltiplos excessivamente baratos

Como dito anteriormente, os papéis dessa empresa promissora estão sendo negociados a apenas 1,4x o valor patrimonial e 6x o lucro. Quanto mais próximo de zero forem esses números, mais barato está um papel.

Para efeito de comparação, um dos principais concorrentes dessa empresa está negociando a quase 9x o lucro. Esses números mostram que a empresa “queridinha” dos analistas não tem esse posto à toa. A companhia é muito mais barata do que seus pares e tem alto potencial de rendimentos.

Além disso, algumas análises estão apostando em altas acima de 30%, como é o caso dos estudos realizados por dois dos bancos de investimento mais conceituados do país.

DESCUBRA O TICKER DESSA AÇÃO BARATA E ATRATIVA EM UM RELATÓRIO GRATUITO

3. Dividendos de ‘encher’ o bolso

Além do potencial de valorização, essa ação pode gerar ganhos atrativos para o investidor através dos dividendos. Os bons resultados do 2T22 não são positivos apenas para a empresa, os números acima da expectativa também são um sinal de distribuição de lucros para os acionistas.

Essa companhia já é conhecida por ser uma boa pagadora de dividendos e os analistas Rodolfo Amstalden e Matheus Spiess acreditam que essa fama continuará. 

Os profissionais defendem que, por ser uma empresa equilibrada, sem muitos riscos e com foco em rentabilidade, a companhia tem as características completas de uma ação “vaca leiteira”. Ou seja, que gera uma boa renda recorrente.

“A empresa pode pagar dividendos polpudos mesmo que estejamos diante de um período de “vacas magras” para a economia, assim como aconteceu na década passada, quando os yields permaneceram elevados mesmo com uma grande recessão no Brasil”, diz Amstalden.

Nos últimos 12 meses, essa empresa pagou cerca de R$ 0,48 por ação em dividendos. Para o futuro, Amstalden estima um dividend yield de 3,47% em 2022 e, em 2023, 5,28%.

Saiba qual é essa ação promissora com bons dividendos em um relatório totalmente gratuito

Com tantas características atrativas, é provável que você tenha ficado ao menos um pouco curioso para descobrir qual é essa companhia tão promissora.

O analista Matheus Spiess defende que essa ação é um papel para dormir tranquilamente à noite, sabendo que, no longo prazo, continuará recebendo proventos e capturando ganhos de uma empresa sólida e barata.

Em um relatório escrito por Rodolfo Amstalden e disponibilizado gratuitamente como uma cortesia da corretora Vitreo, é possível ter acesso ao nome dessa instituição que pode gerar retornos tranquilos e recorrentes para o seu bolso.

Lá, você pode descobrir qual é essa empresa com alto potencial de rendimentos, entender toda a tese de investimento na ação e o que ela tem de tão especial frente a outros papéis do mercado.

Tudo isso sem gastar nem um centavo. O material é totalmente gratuito e produzido por um analista que tem, pelo menos, 15 anos de experiência no mercado financeiro. A carteira liderada por Amstalden, a “Vacas Leiteiras”, acumula valorização de 184,6% desde a criação, em fevereiro de 2014, contra 127,7% do Ibovespa no mesmo período.

Agora, é possível ter acesso a uma análise desse profissional de forma 100% gratuita. Para receber o conteúdo em seu e-mail, basta acessar o botão abaixo e seguir as instruções do link:

Compartilhe

Conteúdo Empiricus

Treinamento mostra como buscar até 100 mil reais investindo em opções que custam centavos; inscreva-se

26 de fevereiro de 2024 - 14:00

Pessoas comuns e que nunca investiram antes podem aprender a buscar ganhos com opções nesta iniciativa da Empiricus

Conteúdo Empiricus

Os assuntos mais relevantes do mercado financeiro e de capitais em um só lugar: conheça a newsletter ‘Giro da Semana’

26 de fevereiro de 2024 - 11:00

Ela é enviada semanalmente para seus assinantes e representa uma colaboração do Money Times com a Empiricus Research e o Seu Dinheiro

Conteúdo Empiricus

O ‘segredo’ dos bilionários foi desvendado: esse robô pode gerar lucro de 21.000 reais por mês, em média, na Bolsa; entenda

26 de fevereiro de 2024 - 9:00

Ferramenta pode ser usada com apenas 3 cliques por dia e é baseada em modelo criado pelo matemático Jim Simmons

Conteúdo Empiricus

‘O pior momento operacional da Vale parece ter ficado para trás’: VALE3 libera resultado trimestral e analistas definem se ação é compra ou venda

26 de fevereiro de 2024 - 7:00

Maior casa de análise independente do Brasil destrincha divulgação de resultados e dá direcionamento do que fazer com Vale (VALE3)

Conteúdo Empiricus

É amanhã: Empiricus Research lança MBA em Análise de Ações e Finanças; alunos poderão buscar prêmio de até R$ 30 mil após formação

25 de fevereiro de 2024 - 11:00

Além da bonificação, os candidatos terão oportunidade de fazer uma rede de contatos com a comunidade MarketPlace; conheça todas as outras vantagens aqui

conteúdo empiricus

Vale (VALE3), Mercado Livre (MELI34), Taesa (TAEE11) e mais 7 ações são as preferidas dos mais ricos, mas apenas 2 valem a pena agora

25 de fevereiro de 2024 - 9:00

Levantamento mensal feito pela Smartbrain revelou as ações preferidas dos mais ricos no mês de janeiro, mas nem todas elas valem o investimento, segundo casa de análise

Conteúdo Empiricus

Vivo (VIVT3) ficou cara? Companhia divulga balanço positivo, mas não entra no ‘Top 5’ de pagadoras de dividendos; confira a lista

24 de fevereiro de 2024 - 12:00

Analista comenta balanço da Vivo e recomenda outras opções para investir agora em busca de dividendos; confira

Conteúdo Empiricus

60% das pessoas não gostam do próprio trabalho: está na lista? Esta profissão paga em média R$ 30 mil e tem 700 vagas abertas

24 de fevereiro de 2024 - 10:00

Empresas gigantes estão em busca de profissionais qualificados desse setor e aceitando pagar caro para preencher essas vagas – veja como ingressar

Conteúdo Empiricus

Cortes na Selic ainda não surtiram efeito? B3 (B3SA3) registra queda de 8% no lucro; veja se ainda vale a pena investir na ação

24 de fevereiro de 2024 - 8:00

Embora a companhia tenha registrado um crescimento de 11% nos setores de tecnologia, dados e serviços, os resultados gerais ficaram abaixo do esperado; veja a recomendação da Empiricus Research

Conteúdo Empiricus

Ainda não chegou a vez do Nubank (ROXO34): mesmo com 4T23 positivo, analista recomenda ficar de fora da ação (e revela o motivo)

23 de fevereiro de 2024 - 19:00

BDR do Nubank cai na bolsa em relação ao último fechamento apesar de resultados animadores no 4º trimestre – veja qual é o impeditivo para incluir o papel na carteira

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies