Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-10-19T16:02:18-03:00
Sofia Kercher
Conteúdo Vitreo

Renda Fixa, o Retorno: com a Selic a 6,25%, há oportunidades de investimento com rendimento de dois dígitos; veja

A Renda Fixa está de volta ao radar dos investidores brasileiros, trazendo rendimentos de até dois dígitos que estão superando os investimentos na B3

20 de outubro de 2021
8:00 - atualizado às 16:02
SD BLINK!
Imagem: Sofia Kercher

Caso de amor antigo dos brasileiros, a Renda Fixa está de volta com tudo este ano. Com a Selic a 6,25% ao ano, tendo previsão de ultrapassar os 8% até o fim de 2021, investidores têm firmado cada vez mais sua posição nessas aplicações. Já é possível encontrar títulos com rendimento de dois dígitos e acima da inflação.

Ao mesmo tempo, grande parte deles vêm sofrendo com as oscilações da bolsa brasileira, que viu em setembro seu terceiro mês seguido no vermelho. Apesar do Ibovespa estar se recuperando lentamente das perdas em outubro, o cenário de volatilidade está assustando até o investidor mais arrojado. 

Essas incertezas na bolsa somadas a taxas de juros maiores são um casamento perfeito para que os investidores busquem mais oportunidades na renda fixa.

É aquele clássico dilema do certo e do duvidoso. Neste momento, ninguém sabe quando ou quanto a bolsa vai subir. Mas o investidor sabe exatamente quanto vai receber em alguns títulos de renda fixa. Há opções que chegam a pagar rendimento de dois dígitos e com proteção do FGC (Fundo Garantidor de Crédito). 

Os investidores já estão migrando para a renda fixa 

Os investidores já estão aumentando sua posição em renda fixa. Um levantamento da SmartBrain, que inclui fundos dessa classe e títulos públicos e privados, mostrou que a Renda Fixa representou 30,9% da carteira dos investidores em setembro. Para comparação, em junho deste ano, esse valor estava em 28,4%.

Além disso, no ranking das aplicações em setembro, foram considerados os melhores investimentos do mês os ativos de proteção (dólar e ouro) e aqueles que se beneficiam da alta dos juros e das pressões inflacionárias, como é o caso das debêntures e, acima de tudo, dos ativos de renda fixa conservadora atrelada às taxas básicas de juros. 

Portanto, nesses momentos de crise e alta dos juros, os investimentos conservadores estão ganhando cada vez mais força e ocupando um espaço cada vez maior na carteira dos brasileiros.

Se engana, contudo, quem acredita que não é possível ser ambicioso nessas aplicações

A renda fixa vai além de aplicações conservadoras, como a poupança ou os fundos DIs. Quem sabe “garimpar” as melhores oportunidades (acesse aqui uma seleção exclusiva) consegue pegar boas taxas além de vantagens como proteção do FGC, retorno acima da inflação e até isenção de Imposto de Renda.

“Estamos vendo CDBs de quatro anos que estão pagando 12% ao ano, que daria em torno de 1% ao mês. Por mais que seja bruto, é um rendimento extremamente proveitoso”, explica Gabriel Mallet, head de Renda Fixa da corretora Vitreo.

“Títulos atrelados ao IPCA também têm sido o queridinho dos investidores”, conta o especialista. Por exemplo: existem títulos de quatro anos que estão pagando o IPCA + 6%. Em outras palavras, você tem a chance de se proteger da inflação, ainda ganhando um rendimento extra. "É uma baita oportunidade, e acredito que veremos títulos cada vez mais atrativos nesse modelo”. 

No mês passado, o Ibovespa terminou em queda de -6,5%. Até setembro, o Ifix, índice de referência dos fundos imobiliários, acumulava uma queda de -5,38% no ano. Em outras palavras: a Renda Fixa, neste momento, está “dando um banho” na renda variável. Se antes ela era uma alternativa para quem busca mais segurança, mais proteção e mais estabilidade, pode-se dizer que, em 2021, ela também está trazendo mais lucro.

A inflação está de volta… e o melhor a fazer é pegar carona na alta dos preços

A conjuntura é a seguinte: a inflação alta está pressionando o mercado, o preço dos bens de consumo e o bolso dos brasileiros neste segundo semestre de 2021. Mesmo com a alta dos juros pelo Banco Central, a perspectiva do mercado para a variação de preços continua indo para cima. 

A previsão mais atualizada é de que a inflação chegue ao fim de 2021 em 8,69%, de acordo com dados do boletim Focus desta segunda-feira (18), publicação do Banco Central que reúne estimativas de economistas. 

Além disso, são fortes as pressões nos custos de combustíveis e energia, com capacidade de disseminação. Em média, a gasolina e o diesel subiram mais de 25% nos sete primeiros meses deste ano.

O choque das commodities, que afeta preços das carnes e outros alimentos cotados em dólar, e as questões climáticas também estão complicando ainda mais o cenário. O país também enfrenta uma seca e teve geadas no Sul, que impactam o preço dos alimentos.

Para não perder poder de compra, o brasileiro precisa ter investimentos que rendam acima da inflação

É por isso que é preciso de atenção para escolher onde investir na renda fixa. 

Por mais que o juro tenha subido este ano, a maioria dos investimentos em renda fixa ainda pagam menos que a inflação projetada para o fim do ano (acima de 8%, como eu mostrei anteriormente). 

Veja a tabela feita pela reportagem do Seu Dinheiro com o rendimento das aplicações conservadoras com a Selic em 6,25% ao ano: 

Para ganhar dinheiro de verdade com renda fixa (ou seja, ganhar da inflação) é preciso escolher melhor. Os títulos que pagam uma taxa de juros fixa + IPCA são os que podem entregar rendimentos reais. Há opções no mercado que pagam taxas acima de 4% mais IPCA, o que, com o inflação nos atuais patamares, leva o rendimento a dois dígitos. Ou seja, em vez de “brigar” com a inflação, o jeito é pegar carona na alta dos preços para fazer seu dinheiro render.

Eleições 2022: um fator de incerteza a mais para a bolsa brasileira

Se você ainda está em dúvida se vale a pena investir em renda fixa e acha que pode ganhar mais na bolsa, vale um lembrete. 2022 já está quase diante de nós, e é um ano eleitoral. Nestes períodos, o mercado tende a ser diretamente afetado pela conjuntura política.

Observe este estudo, feito pela Economática, do retorno anual do Ibovespa de 1989 até 2017:

Com exceção de 2006, cujo bom desempenho foi impulsionado, em primeiro lugar, pela queda do juro brasileiro; pela relativa tranquilidade do cenário internacional e por compras de estrangeiros, todos os outros anos eleitorais tiveram o Ibovespa no negativo. 

Claro, é importante reiterar que as eleições não são o único motivo pelo qual isso aconteceu. E nada garante que esta tendência irá se repetir em 2022. Mas essa é apenas uma demonstração de como, historicamente, os investidores tendem a esperar uma performance adversa nestes períodos. 

Se você não tem estômago para aguentar os solavancos da bolsa em ano eleitoral, pode ser mais interessante buscar alternativas de investimento na renda fixa. Ou seja: mesmo para quem investe em bolsa, o investidor responsável costuma diversificar a carteira. 

Nesse sentido, faça chuva ou faça sol nos mercados, com inflação em alta ou sob controle e em qualquer cenário possível para a taxa de juros é fundamental que você mantenha parte do seu patrimônio em aplicações de renda fixa.

Rendimento extraordinário: invista com cashback de até 0,5%

Para trazer as melhores ofertas de renda fixa aos investidores brasileiros, a Vitreo, corretora que possui R$12 bilhões sob gestão e mais de 100 mil clientes, está promovendo uma Semana da Renda Fixa entre os dias 25 e 29 de outubro. Serão 5 ofertas exclusivas, uma nova a cada dia, para você poder investir em títulos de renda fixa que oferecem retornos maiores que a média do mercado.

Vale dizer que elas valerão apenas no dia que forem anunciadas. Um título para o dia 26, depois outro para o dia 27… e assim por diante.

Portanto, para aproveitar o momento do mercado e ter acesso a ofertas exclusivas, fica aqui o convite para se inscrever gratuitamente e receber as melhores ofertas de Renda Fixa.

Além disso, outra vantagem exclusiva para os investidores nesta semana é a oferta de cashback de até 0,5%. É um “rendimento extra” na sua conta na hora. Por exemplo: a cada R$ 10 mil investidos, você já recebe R$ 50 na sua conta, além do rendimento de cada título. 

Eu te pergunto: quanto você está ganhando na poupança? Só o 0,5% de cashback é o que rende o seu dinheiro na poupança em um mês. Com os títulos da Vitreo, você pode ganhar isso na largada e deixar o dinheiro rendendo mais.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

BC aumenta a Selic, Nubank conclui IPO e mercado reage bem à PEC dos precatórios; veja o que marcou esta quarta-feira

Conforme esperado pelos economistas após dados recentes mais fracos da atividade econômica brasileira, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central decidiu elevar a taxa básica de juros em 1,5 ponto percentual, a 9,25% ao ano, em sua última reunião do ano. Se em muitos momentos ao longo de 2021 o mercado acionário reagiu ao […]

2022 MAIS GORDO

Dividendos e JCP: Copel (CPLE6) engrossa a lista de pagamentos milionários aos acionistas; não fique fora dessa

Data da remuneração ainda não foi definida pela empresa, mas valerá para aqueles com posição até 30 de dezembro deste ano

FECHAMENTO DO DIA

Investidores tentam equilibrar noticiário e Ibovespa emplaca mais um dia de alta; dólar tem queda firme com ômicron no radar

Com o avanço da PEC dos precatórios, a pandemia se torna um dos únicos gatilhos negativos a rondar o Ibovespa

DOBRANDO A ESQUINA

Lucro das empresas com ações na bolsa deve cair 6,3% em 2022, diz BTG Pactual

Mesmo assim ainda é possível encontrar setores em que o cenário é positivo; saiba quem é quem

Bateu o martelo

IPO do Nubank sai no topo da faixa indicativa, a US$ 9 por ação; banco ultrapassa Itaú (ITUB4) e é a instituição financeira mais valiosa da América Latina

Com isso, os BDRs, que serão negociados por aqui a partir da próxima quinta-feira (09), saem valendo R$ 8,38

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies