2021-10-11T10:09:56-03:00
Maria Eduarda Nogueira
Tech

Quer ter a chance de lucrar mais do que o Bill Gates? Compre esta ação de games antes que a Microsoft

Esta empresa de jogos está deixando Nintendo e Sony para trás com sua valorização de mais de 400% em cinco anos. Você pode se posicionar e buscar os lucros antes que ela entre no radar do resto dos investidores; saiba mais

11 de outubro de 2021
10:03 - atualizado às 10:09
Imagem de Bill Gates
Bill Gates, fundador da Microsoft - Imagem: Shutterstock

Você pode até não gostar de games (como eu), mas seria burrice ignorar a dimensão deste mercado. A indústria de jogos, tanto mobile quanto de console (como PlayStation e Xbox), vale mais que a de música e de cinema juntas. Um estudo da DLC Intelligence diz que cerca de 40% da população mundial joga videogame. Como jogadora, ou player para ser mais atualizada, eu estou de fora. Mas como investidora, não poderia deixar de enxergar o enorme potencial do mercado de games

Então resolvi ir atrás de informações para saber como capturar uma parte dos lucros dessa indústria bilionária. Em entrevista com o analista de tecnologia, Richard Camargo, descobri uma ação que está deixando grandes nomes como Nintendo e Sony envergonhados de seus desempenhos.

Só para te dar uma dimensão: esta empresa de games valorizou 400% nos últimos 5 anos. Quem segurou seus papéis de 2001 até hoje, transformou R$ 1 mil em mais de R$ 68 mil. Estamos falando de uma valorização de 3.320%. 

Mas se esses números ainda não te convenceram sobre o potencial da ação, vamos falar de negócios. O Bill Gates tem interesse nessa empresa de games

Até a Microsoft tem interesse nessa empresa, então por que você ficaria de fora?

Não sei você, mas eu conheço pouquíssimas pessoas que seriam capazes de “peitar” o Bill Gates quando o assunto é tecnologia. O fundador de uma das empresas mais revolucionárias do mundo sabe bem mapear as possibilidades do mercado tech. E ele está de olho nessa oportunidade que vou te mostrar.

A Microsoft, dona do Xbox, foi uma das big techs pioneiras na indústria de jogos. Se ela de fato adquirir esta empresa, os lucros podem ser absurdos para os investidores “pioneiros”. E o melhor de tudo: o preço da ação, no momento, não está nem perto de refletir esses rumores e essa explosão que seria causada pela compra. 

A indicação de Camargo, portanto, não poderia ser mais clara: “Compre as ações desta empresa antes que a Microsoft compre.”

Mas e se a Microsoft não comprar essa empresa, no final das contas?

Esta é uma possibilidade, não podemos negar. Mas é aí que está o X da questão: o Bill Gates comprando ou não essa empresa de games, o Richard considera que ela ainda é uma boa oportunidade de investimento. Siga comigo para entender os motivos. 

Entenda por que a indústria de games pode ser uma ‘mina de ouro’ para seus investimentos

Como apresentei no começo desse texto, a indústria de games captura quase metade da população mundial: são aproximadamente 3,1 bilhões de pessoas jogando em celulares, computadores e consoles. Quantas empresas você conhece que têm esse tanto de gente como potenciais clientes? Pois bem.

Você pode até ver os jogos como coisa de criança ou um passatempo fútil. Mas a verdade é que esses “joguinhos” criaram uma indústria bilionária

LEIA MAIS: Empresa de games está deixando as gigantes Nintendo e Sony ‘no chinelo’ e o preço de suas ações não reflete isso

Diferente de outros mercados, a indústria de games tem uma dinâmica relativamente previsível, que nos ajuda a entender também a precificação de seus papéis. As empresas costumam anunciar o lançamento dos jogos com 2 a 3 anos de antecedência. Por quê? É parte da estratégia de marketing para criar uma certa ansiedade nos consumidores e aumentar o “hype”. Assim, quando o jogo é lançado, todo mundo vai correndo para comprar, porque já ficaram dois anos “esquentando”. 

Por esse motivo, o período de lançamento do jogo costuma ser o que as empresas mais vendem. E, curiosamente, o lançamento NÃO é o momento que os acionistas mais lucram. 

Você deve estar imaginando que é só comprar uma ação antes do lançamento do jogo e lucrar com a sua possível valorização quando o jogo começar a ser vendido. Mas não é bem assim. O “pulo do gato” está em se posicionar antes mesmo do anúncio do jogo

É fácil de entender por que o pré-anúncio é o melhor momento. Se a Apple anunciasse agora um dispositivo inédito, suas ações provavelmente subiriam, até mesmo antes da venda do tal produto. Funciona da mesma maneira com os games: se o mercado sabe que vem uma grande coisa por aí, ele já começa a precificar a ação.

Então, o que você precisa fazer é comprar os papéis antes que comece o “hype” do jogo. 
E eu não estou falando isso da minha cabeça. Os dados mesmo provam. Esta empresa de games anunciou o lançamento de um de seus jogos best-sellers em 2016. Depois do anúncio, suas ações subiram 119%, como mostra o gráfico abaixo:

Fonte: Tradingview

Ou seja: se você tiver esta ação em carteira antes de um anúncio acontecer, você provavelmente vai ganhar dinheiro. E se o jogo for um sucesso, você provavelmente vai ganhar mais ainda. 

Vou te dar um exemplo do que é exatamente o “sucesso” quando estamos falando desta tech de games. Em 2013, ela fez o lançamento de uma nova edição da sua franquia mais conhecida. Em 24 horas, tinha vendido 800 milhões de dólares. Recentemente, a empresa atingiu o marco de 1 bilhão de dólares de receita com este único produto. Ou seja: não entra nessa conta os outros games que ela desenvolve. 

Sorte a de quem estava posicionado na empresa antes desse “estouro”. 

Como você pode lucrar com o lançamento de novos jogos de videogame

Então, basicamente as empresas de games têm seu boom de receita no lançamento dos jogos. Os investidores, por sua vez, conseguem comprar barato antes do anúncio e lucrar depois que os jogos são vendidos. 

E se eu te falar que esta empresa de games está num cenário bem promissor para fazer seus próximos anúncios? Tradicionalmente, a indústria de jogos costuma se movimentar no mês de outubro, o que quer dizer que este costuma ser o momento ideal para comprar. Como eu expliquei: o segredo para buscar lucros é se posicionar antes da massa. 

Mas, se ainda assim, você quiser um spoiler… há indícios que apontam que o sucessor do “jogo de 1 bilhão de dólares” pode ser anunciado em breve. Mesmo que ele demore um pouco mais para chegar nas ruas, esta tech de games não depende apenas de um jogo para se sustentar. 

Recentemente foi divulgado para a base de acionistas que a empresa pretende fazer cerca de 60 novos lançamentos nos próximos 3 anos, segundo o site de notícias especializado The Enemy. É certeza de que todos esses jogos vão ser um sucesso de vendas? Não. Mas existem 60 chances. Falando de games, basta que 1 estoure para que você tenha a chance de capturar lucros expressivos.

Não sei você, mas eu gostaria de ter 60 oportunidades para lucrar em dólar… 

Então, recapitulando, isto é que recolhi de informações com o analista Richard Camargo:

  • As ações desta empresa tech costumam subir quando há novos anúncios que geram grande expectativa; 
  • Os anúncios acontecem por volta de outubro;
  • A empresa está prestes a lançar 60 jogos nos próximos 3 anos;
  • Há informações de que a Microsoft está à espreita para entrar na brincadeira.

Some tudo isso ao fato de que o mercado de games está super aquecido (veja abaixo). E mesmo quando os jogos atrasam, essa demanda reprimida que só fortalece o “hype”.

Fonte: Estadão
Fonte: TechTudo

Portanto, se você está em busca da ação de uma empresa de games que:

  • Já valorizou mais de 3.000% desde 2001;
  • Lançou o jogo mais bem sucedido da história da indústria (e pode estar prestes a lançar seu sucessor no futuro próximo);
  • Está “engatilhada” para fazer mais 60 lançamentos em 3 anos; 
  • Está “na mira” de uma das big techs (Microsoft).

ESTA É A SUA OPORTUNIDADE [CLIQUE AQUI E DESCUBRA COMO TER ACESSO AO NOME DESSA AÇÃO]

E se você quiser ir além e buscar ainda mais lucros no exterior…

Uma coisa é certa: o mercado gringo, principalmente os Estados Unidos, guarda as melhores oportunidades para ganhar dinheiro. As Bolsas americanas já estão mais maduras, as empresas mais lucrativas do mundo estão listadas por lá e o dólar é uma moeda fortíssima. 

É normal que tenhamos a tendência de querer “apostar dentro de casa”, ou seja, investir no Brasil. Existe até um nome para esse fenômeno: home bias. Mas é essencial ter exposição à terra do Tio Sam também, comprando ações bem escolhidas e capturando oportunidades como a desta tech de games. 

É importante dizer que investir em ações envolve sim correr alguns riscos, mas com análises sólidas e seguindo recomendações de quem atua há anos neste mercado, é possível saber quais são os riscos que, de fato, valem a pena. Por este motivo, o Richard Camargo resolveu liberar por 7 dias gratuitos a lista de ações gringas que podem transformar de vez sua carteira de investimentos. 

Além de receber o nome, a tese de investimentos e as instruções para se posicionar na empresa de games que está na mira da Microsoft, você também terá acesso a duas carteiras exclusivas:

“Coffee Can Portfolio”, ou “ações para a vida inteira”, que são as indicações de empresas gringas já bem estabelecidas em seus respectivos mercados ‒ as maiores e melhores empresas do mundo, o que torna o investimento mais seguro;

“Out-of-the-Box Ideas”, que são ações menores, fora do radar do mercado com um potencial de crescimento absurdo. É nessas ações que você pode conseguir aqueles retornos que mudam tudo do dia para a noite. PS.: é nesta lista que está inclusa a tech de games. 

Para complementar sua estratégia de investimentos, o Richard também vai incluir os seguintes itens:

  • Passo a passo para aprender como investir no exterior, morando no Brasil;
  • Publicações semanais com o acompanhamento dos resultados de cada uma das indicações;
  • Indicações de quando comprar e vender as ações indicadas;
  • Plantão de dúvidas quinzenal AO VIVO, para tirar dúvidas e detalhar as sugestões;
  • Guia especial “Como Investir no Exterior Morando no Brasil”;
  • Guia especial “Como Tributar seus Investimentos no Exterior”;
  • E-book “Gurus - Enriqueça com Ações”. 

Você pode aproveitar tudo isso gratuitamente por sete dias (liberei o acesso através deste link) e se não gostar, terá 100% do seu dinheiro restituído. Sem ressentimentos. Só peço que considere, de verdade, o que está sendo apresentado aqui. Mas se você não quiser, tudo bem… a Microsoft quer. 

QUERO DESCOBRIR QUAL É A EMPRESA DE JOGOS ‘NA MIRA DA MICROSOFT’ E RECEBER AS MELHORES RECOMENDAÇÕES DE AÇÕES GRINGAS

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar

O MELHOR DA SEMANA

Piora da covid no mundo e criptomoedas além do bitcoin (BTC): 5 assuntos mais lidos no Seu Dinheiro esta semana

O mercado já trabalhava amplamente com a visão do verdadeiro normal. Mas os mercados globais voltaram a entrar em pânico com a covid-19

PAPO CRIPTO #007

Tecnologia que criou o bitcoin (BTC) pode reduzir custo de captação de recursos em quase 70%, diz chefe de ativos digitais do BTG

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos”, comenta

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Nova variante vira a mesa nos mercados, bitcoin entra em ‘bear market’ e outros destaques do dia

Se você já estava pronto para tirar o pó da sua fantasia de Carnaval, talvez seja melhor esperar mais um pouco. Além de algumas cidades brasileiras terem decidido adiar a festança por mais um ano, uma reviravolta no andamento da pandemia deixou mais uma vez o mundo em pânico. A variante B.1.1.529 (batizada de ômicron […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Nova cepa do coronavírus pega mercado de surpresa; Ibovespa recua quase 4% no dia e apaga ganhos da semana

Ao longo da semana, o Ibovespa também foi pressionado pela indefinição em torno da PEC dos precatórios e a pausa para o feriado nos Estados Unidos