2021-09-22T08:48:47-03:00
Estadão Conteúdo
ARQUIVADO

CVM faz acordo de R$ 660 mil com BTG Pactual para encerrar processo

Ação da autarquia era relacionada à posição do banco em BDRs da PPLA Participations

22 de setembro de 2021
8:48
cvm
Imagem: CVM

A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) aceitou ontem a proposta de acordo apresentada pelo BTG Pactual Holding para encerrar um processo administrativo sancionador sobre divulgação de negociações relevantes. O banco se comprometeu a pagar R$ 660 mil para a autarquia.

O processo foi instaurado após a Superintendência de Relações com Empresas (SEP) da CVM ter identificado o aumento da participação do BTG Pactual nos BDRs (Brazilian Depositary Receipts, recibos de ações) da PPLA Participations, um veículo de investimentos proprietários do BTG Pactual, criado em Bermudas em 2010.

Os formulários de referência da PPLA mostram que a participação da holding cresceu de 12% para 29,7% em maio de 2018. Em julho daquele ano, chegou a 35,2%. Segundo a CVM, o BTG não divulgou, via o sistema empresas.net, quando a participação em BDRs da PPLA cruzou os limiares de 15%, 20%, 25% e 30%, infringindo as regras de divulgação da autarquia.

Propostas anteriores foram rejeitadas

Duas propostas anteriores de acordo foram recusadas pela CVM. Em uma primeira tentativa, o colegiado da CVM rejeitou, em outubro de 2019, por unanimidade, a proposta de termo de compromisso. Houve, então, uma segunda proposta, também recusada em junho do ano passado.

Ainda sobre a PPLA

O colegiado da CVM também aceitou uma proposta de acordo apresentada por Gustavo dos Santos Vaz, na qualidade de representante legal da PPLA Participations. Trata-se de um outro processo até então em curso na CVM. Santos Vaz se comprometeu a pagar R$ 400 mil para a autarquia.

Neste processo, o representante era acusado de não ter informado ao mercado, de forma imediata, um fato relevante na data de assinatura do contrato de empréstimo que permitiu ao BTG MB Investments LP a conversão de ações da PPLA Investments LP em dívida. A operação foi assinada em 26 de novembro de 2018.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

A SEMANA EM GRÁFICOS

Covid-19 pressiona aéreas, turismo, Ibovespa e bitcoin, mas inflação avança no mundo: entenda a última semana com estes gráficos

As companhias aéreas sofreram perdas significativas na bolsa esta semana e nem o bitcoin (BTC) conseguiu se salvar

O MELHOR DA SEMANA

Piora da covid no mundo e criptomoedas além do bitcoin (BTC): 5 assuntos mais lidos no Seu Dinheiro esta semana

O mercado já trabalhava amplamente com a visão do verdadeiro normal. Mas os mercados globais voltaram a entrar em pânico com a covid-19

PAPO CRIPTO #007

Tecnologia que criou o bitcoin (BTC) pode reduzir custo de captação de recursos em quase 70%, diz chefe de ativos digitais do BTG

“Empresas pequenas e médias têm menor possibilidade de acesso ao mercado de capitais, muito por causa dos custos envolvidos”, comenta

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Nova variante vira a mesa nos mercados, bitcoin entra em ‘bear market’ e outros destaques do dia

Se você já estava pronto para tirar o pó da sua fantasia de Carnaval, talvez seja melhor esperar mais um pouco. Além de algumas cidades brasileiras terem decidido adiar a festança por mais um ano, uma reviravolta no andamento da pandemia deixou mais uma vez o mundo em pânico. A variante B.1.1.529 (batizada de ômicron […]

FECHAMENTO DA SEMANA

Nova cepa do coronavírus pega mercado de surpresa; Ibovespa recua quase 4% no dia e apaga ganhos da semana

Ao longo da semana, o Ibovespa também foi pressionado pela indefinição em torno da PEC dos precatórios e a pausa para o feriado nos Estados Unidos