Menu
Caio Nascimento
Caio Nascimento
Jornalista em formação pela Universidade de São Paulo (USP) e com passagens pelo Estadão e Jornal da USP.
CONTEÚDO PATROCINADO POR positivo

Positivo reduz gastos das empresas com locação de eletrônicos e suporte técnico a baixo custo

Modelo ‘As a Service’ ajuda empresários a focarem nos negócios, melhorarem o fluxo de caixa e reduzirem gastos em momentos de crise e de crescimento; solução facilita tomada de decisões e evita prejuízos com maquinário

2 de outubro de 2020
11:35 - atualizado às 13:25
positivo

O sonho de qualquer empresário é focar mais no crescimento do negócio do que em problemas. Assim, torna-se cada vez mais estratégico o empreendedor terceirizar burocracias para não lidar com assuntos alheios ao seu business, como a tecnologia.

Afinal, por que uma empresa precisa se preocupar com manutenção, equipes de TI e compra de computadores se alguém de fora pode administrar tudo isso a baixo custo?

É com esse pensamento que a Positivo Tecnologia criou a Positivo As a Service, um serviço de aluguel e suporte técnico de PCs e outros eletrônicos para companhias de diferentes áreas e tamanhos. Há opções de contratos de curto prazo (meses) e longo prazo (três a cinco anos). 

O serviço foi tema de uma live promovida pelo Seu Dinheiro e o Estadão na última terça-feira (29) com a participação do Head do Positivo As a Service, Rafael Oliveira, e o jornalista Daniel Gonzales. Veja a íntegra do vídeo neste link.

O objetivo é tirar do empresário o ônus de lidar com a migração de dados, troca de parque tecnológico, mudanças de um lugar para o outro, consertos e atualizações. De acordo com Oliveira, isso é importante para evitar que a companhia deixe centenas ou milhões de reais presos num ativo imobilizado.

“Hoje é fácil o empresário comprar um computador, mas e se precisar de muitos? O custo disso para a empresa é alto e envolve ainda ir ao banco pedir financiamento [e pagar juros]. Então nossa solução é financeira e técnica”, explica. 

Na Positivo As a Service, todas as máquinas oferecidas são novas e têm garantia. O cliente paga a partir de R$ 50 mensais por máquina (já considerando a assistência técnica) e, ao final do contrato, se quiser continuar com a parceria, pode escolher se quer estender o contrato dos equipamentos ou trocá-los por modelos novos.

Locação de computadores alivia perdas em momentos de crise

Coordenando uma equipe com mais de 300 clientes na Positivo, Oliveira avalia ainda que além de se descapitalizar para montar a própria estrutura, uma empresa com maquinário próprio corre o risco de perder dinheiro no longo prazo, visto que os PCs se depreciam e dificilmente são vendidos a preço justo na hora da troca. 

De acordo com ele, isso fica nítido em momentos de crise como a provocada pelo coronavírus. Empresas que têm um ativo imobilizado grande e tiveram de demitir ficaram com uma série de computadores ociosos. 

“Vão fazer o que com esses bens? É muito difícil conseguir vender pelo preço justo. Quando você adota a Positivo As a Service, você consegue contratar novas máquinas ou devolvê-las de acordo com a necessidade. Então torna-se um negócio de menor risco”, afirma.

ENTENDA MAIS SOBRE A POSITIVO AS A SERVICE E VALORIZE SEU NEGÓCIO

Oliveira destaca também que a locação evita dores de cabeça até mesmo quando a empresa está crescendo. Isso porque é natural, em processos de expansão, que ela aumente o número de computadores e, muitas vezes, engorde a folha de pagamento com mais técnicos de informática.

“Se a empresa está crescendo, podemos enviar novas máquinas sem que o empreendedor se preocupe em gastar com equipe de TI. Fica tudo sob nossa responsabilidade”, diz.

Modelo atende qualquer tipo de empresa

Vale ressaltar que não importa se você é dono de um pequeno escritório ou de uma multinacional: a Positivo As a Service oferece um atendimento personalizado de acordo com a necessidade da sua empresa e ajuda o empresário a decidir, por meio de uma consultoria especializada, quais equipamentos têm o melhor custo-benefício.

“Temos clientes com 10 máquinas, outros com mais de três mil. E ambos têm ao seu dispor técnicos para ajudar a empresa a crescer e focar no negócio. Nosso papel não é só resolver problemas, mas ajudar no crescimento da companhia”, afirma.

‘As a Service’ é uma tendência global

Oliveira analisa ainda que cada vez mais empresas estão optando por pagar não por bens físicos, mas pela disponibilidade em prol da redução de custos. Ele acredita que a transformação digital dos negócios vem fazendo as empresas lidarem cada vez mais com dados e inteligência artificial.

Assim, torna-se imprescindível ter um suporte especializado se quiser ficar à frente da concorrência. “Pagar pelo uso melhora a situação econômica, pois só assim o empresário terá sempre bens atualizados com redução de custos, sem precisar se preocupar com processos operacionais e queima de caixa”, diz.

O especialista enxerga também que a Positivo As a Service é uma solução que se adequa às novas necessidades da economia. A rapidez na tomada de decisões e implementação de ideia é um diferencial para os negócios.

Isso porque o empreendedor não precisa ficar pensando no que fazer com equipamentos antigos se tiver a seu dispor o serviço de aluguel. Basta ele contatar a equipe do serviço que os técnicos fazem a troca o mais rápido possível. 

“Quando você paga por algo que não é seu, fica mais ágil a tomada de decisão, porque tira de você a dúvida se vale a pena trocar e qual investimento fazer. Facilitamos o ciclo de vida do parque tecnológico da sua empresa”, explica.

Quer conhecer mais sobre o serviço da Positivo As a Service? Acesse o link da Positivo e veja todas as soluções disponíveis. 

Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies