Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2020-02-19T18:06:24-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Tá bombando, tá bombando

Weg vem com tudo: após balanço, analistas do BTG classificam números como uma ‘batida forte’ e ações disparam na bolsa

Conjunto de toda a obra, com crescimento de dois dígitos em todas as principais métricas, agradou (e muito) aos investidores

19 de fevereiro de 2020
15:34 - atualizado às 18:06
Fábrica da Weg (WEGE3) em Santa Catarina
Fábrica da Weg em Santa Catarina. - Imagem: Jonne Roriz/Estadão Conteúdo

A fabricante de motores Weg virou uma verdadeira vedete do mercado nesta quarta-feira (19) depois que seu balanço do 4º trimestre de 2019 foi divulgado. Os números da companhia vieram tão fortes que as ações negociadas na bolsa (WEGE3) dispararam, superando os 7% de alta no pregão durante a tarde.

Ao que parece, o conjunto de toda a obra agradou (e muito) aos investidores. O banco BTG Pactual, por exemplo, chegou a afirmar em relatório de análise que os resultados do último período do ano passado vieram como uma ‘batida forte’ nas estimativas.

De fato, os números surpreendem. Todas as principais métricas do balanço tanto para o 4º trimestre como para o ano registraram altas de dois dígitos. O lucro líquido do 4º trimestre subiu quase 20%, alcançando os R$ 500,4 milhões. A receita líquida somou R$ 3,778 bilhões, alta de 20,9%. A geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização) então, nem se fala: alta de 36,1% (R$ 666,4 milhões).

  • Lucro (4ºtri19): R$ 500,4 milhões (↑19,7%)
  • Ebitda (4ºtri19): R$ 666,4 milhões (↑36,1%)
  • Receita líquida (4ºtri19): R$ 3,778 bilhões (↑20,9%)

No ano, o lucro líquido e o Ebitda registraram crescimento de mais de 20%, enquanto a receita líquida da Weg superava os R$ 13 bilhões.

  • Lucro líquido (2019): R$ 1,6 bilhão (↑20,6%)
  • Ebitda (2019): R$ 2,444 bilhões (↑23,1%)
  • Receita líquida (2019): R$ 13,347 bilhões (↑11,5%)

A boa está por aqui

O que mais surpreendeu os analistas do BTG foi o forte desempenho que a Weg apresentou nos seus negócios dentro do Brasil no 4º trimestre do ano. As receitas domésticas saltaram surpreendentes 30%, com vendas nacionais somando R$ 1,64 bilhão.

Entre os principais fatores que motivaram esse crescimento foram:

  • as vendas de equipamentos, que cresceram 23% e somaram R$ 574 milhões;
  • as vendas de produtos energéticos, que chegaram a R$ 741 milhões após alta de 43%

O BTG destacou ainda os bons números operacionais que a fabricante de máquinas entregou. A margem Ebitda atingiu 17,6% no 4º trimestre enquanto o ROIC consolidado da WEG atingiu um pico de 20,2%.

Nem tudo são flores

Com tanta notícia boa vinda do balanço, seria de se esperar que o BTG revisasse sua recomendação para as ações da Weg de neutra para compra, certo? Errado!

Apesar dos resultados mostrarem que a empresa está firme e forte no mercado, os analistas afirmam que os termos de valuation da companhia seguem pouco atraentes, o que sustenta a classificação neutra atual do banco.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

carreira e diversidade

Magazine Luiza abre inscrições para 2º programa de trainees exclusivo para pessoas negras

Programa aceita candidatos formados entre dezembro de 2018 e dezembro de 2021, em qualquer curso superior; fluência em língua inglesa e experiência profissional não fazem parte dos pré-requisitos

pós-brumadinho

Vale (VALE3) muda alto escalão e tenta reforçar discurso ESG

Luciano Siani Pires, que desde 2012 ocupa posição de vice-presidente finanças e RI, assumirá a vice-presidência de estratégia e transformação de negócios, cargo criado em março pela mineradora

Troca de comando

Gustavo Raposo renuncia ao cargo de presidente da Transpetro, subsidiária da Petrobras (PETR4); sucessor já foi escolhido

Com a saída de Raposo, o conselho da empresa deverá deliberar sobre a nomeação do atual diretor de Serviços para o comando

atenção, acionista

Dividendos: WEG (WEGE3) paga R$ 86,8 milhões em juros sobre capital próprio

Valor líquido é de R$ 0,017 por ação; terão direito aos proventos acionistas na base em 24 de setembro, segundo a companhia

Virou o jogo

Ação da Arezzo (ARRZ3) tem compra recomendada pelo Goldman Sachs, após sucesso na integração da Reserva e novas aquisições

Os analistas do banco de investimentos estão mais confiantes no potencial de lucro da empresa e elevaram também o preço-alvo dos papéis

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies