Menu
2019-04-05T10:23:29-03:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Contratos expirados

Ações da CCR e EcoRodovias disparam após Doria anunciar que vai renovar concessões de rodovias em SP

Informação causou efeito imediato nos papéis das concessionárias de rodovias que fazem parte do Ibovespa

24 de janeiro de 2019
16:01 - atualizado às 10:23
João Doria
Em Davos, Doria abriu caminho para a renovação de contratos de concessão de rodoviasImagem: Shutterstock

Lá de Davos, João Doria conseguiu provocar movimentações extras no mercado brasileiro nesta quinta-feira, 24. O governador paulista anunciou que provavelmente renovará os contratos de concessão de pedágios que expiraram durante seu mandato. Na lista estão os pedágios operados pela ViaOeste (de propriedade da CCR), Renovias ( CCR / Encalso), Centrovias (Arteris) e AB Triângulo do Sol (Atlantia Bertin).

A informação causou efeito imediato nas ações das concessionárias de rodovias que fazem parte do Ibovespa. Por volta das 15h30, papéis ordinários da CCR (CCRO3) lideravam as altas do índice com ganhos de 6,50%. Ordinárias da EcoRodovias (ECOR3) também subiam com força, em alta de 3,68%.

Logo depois do anúncio de Doria, o BTG Pactual soltou um relatório avaliando a renovação como uma "surpresa positiva para as atuais operadoras". Segundo o banco, a continuidade desses contratos traria investimentos adicionais nas carteiras atuais e sem concorrência, já que a concessão seria estendida sem um processo de licitação competitiva.

Ainda de acordo com o BTG, as renovações podem ser firmadas com novos aditivos contratuais, com prazos de concessão mais longos e tarifas de pedágio mais baixas, beneficiando as concessionárias.

Em termos de avaliação, o BTG aponta para um movimento de compra dos papéis da CCR, mas ressalta que sua indicação principal segue com as ações da Rumo (RAIL3) que, segundo os analistas, possui uma TIR real mais alta, forte dinâmica de lucros e várias opções que não são precificadas.

Nem tudo está claro

Apesar do otimismo com relação aos novos prazos das concessões, o BTG avalia com cautela a medida anunciada por Doria. A falta de detalhes relacionados aos impactos econômicos das extensões, como o tamanho dos investimentos, as taxas e os termos de concessão, são algumas das incertezas colocadas na conta pelo banco.

 

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

agora vai?

Privatizações de Correios e Eletrobras ficam para o fim de 2021; veja os planos do governo

No caso dos Correios, o projeto de lei que irá permitir a desestatização da empresa ainda nem foi enviado pelo governo ao Legislativo

Privatização

No Brasil, 431 cidades adotaram iniciativas de desestatização nos últimos 24 meses

Das administrações que informaram desestatizações, 377 utilizaram o modelo de concessão.

Voando

Embraer aponta retomada difícil, mas reforça otimismo com jato de até 150 lugares

A retomada, ficará 19% abaixo do volume previsto pela Embraer ao longo da década, até 2029.

retomada

Vendas de veículos sobem 4,65% em novembro, diz Fenabrave

Volume ficou 7,12% abaixo do total vendido no mesmo mês do ano passado, uma queda em parte explicada por restrições de oferta

Dinheiro no caixa

C6 Bank recebe aporte de R$ 1,3 bilhão em rodada de captação com 40 investidores

Em uma espécie versão bilionária de “crowdfunding”, o C6 Bank foi avaliado em R$ 11,3 bilhões, o que significa que o grupo de investidores ficará com 11,5% do capital do banco

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies