Menu
2019-04-05T10:16:34-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
União rentável

Em jogada bilionária, Pfizer se une à dona do Sensodyne para criar joint venture

Com uma estimativa de faturamento de US$ 12,4 bilhões, a empresa terá foco em produtos de saúde e ficará responsável por medicamentos como Voltaren e Advil

19 de dezembro de 2018
10:42 - atualizado às 10:16
Pfizer
Imagem: shutterstock

As farmacêuticas britânica GlaxSmithKline (GSK) e americana Pfizer anunciaram a criação de uma joint venture. A informação foi divulgada pelas companhias nesta quarta-feira, 19.

Com uma estimativa de faturamento de US$ 12,4 bilhões, a nova empresa terá foco em produtos de saúde e ficará responsável por medicamentos como Voltaren e Advil, por exemplo.

A expectativa é que, após 3 anos de funcionamento, a nova empresa faça sua estreia na Bolsa de Londres.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Otimismo

Mercado reage bem a prévias da Cyrela, consideradas ‘impressionantes’ e ‘excepcionais’ por analistas

Ontem, após o fechamento, a incorporadora informou alta de 46% no número de lançamentos e de 58% nas vendas do terceiro trimestre, em comparação ao mesmo período do ano passado

Ações em queda

O alçapão no fundo do poço: Cielo tem preço-alvo reduzido pelo Goldman Sachs

Analistas do banco norte-americano mantiveram a recomendação de venda e reduziram o preço-alvo das ações da Cielo (CIEL3) de R$ 3,70 para R$ 3,30

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quarta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Saúde

Ações da Qualicorp disparam com interesse da Rede D’Or em elevar participação

Maior acionista da Qualicorp, com participação de 12,95%, Rede D’Or entrou com pedido de autorização no Cade para adquirir mais ações da companhia na bolsa

Exile on Wall Street

IPOs: O princípio da contraindução — voltamos a comprar powerpoints?

Podemos nos atrair por casos de crescimento. Não há o menor problema nisso. Mas que haja alguma substância. E, acima de tudo, que cometamos erros novos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies