A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2018-09-26T13:59:26-03:00
Luis Ottoni
Luis Ottoni
Jornalista formado pela Universidade Mackenzie e pós-graduando em negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Atuou nas editorias de economia nos portais G1, da Rede Globo, e iG.
Vai uma milha aí?

O faturamento por trás das milhas

Resultados apontam que, entre janeiro e junho, foram emitidos 136,8 bilhões de pontos e milhas, volume 16,6% superior se comparado ao do mesmo intervalo de 2017

26 de setembro de 2018
13:57 - atualizado às 13:59
Passagem de avião
Imagem: Shutterstock

O faturamento das empresas de fidelização cresceu 9,8% no primeiro semestre deste ano, segundo levantamento da Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (Abemf). O resultado foi divulgado nesta quarta-feira, 26, e obtido pelo Broadcast, do Estadão.

Os dados incluem a Associação Brasileira das Empresas do Mercado de Fidelização (Abemf), que compilou os resultados de seis associadas (Dotz, LTM, Multiplus, Netpoints, Smiles e TudoAzul) em conjunto com a consultoria GS&MD.

Os resultados apontam que, entre janeiro e junho, foram emitidos 136,8 bilhões de pontos e milhas, volume 16,6% superior se comparado ao do mesmo intervalo de 2017. O grupo “varejo e bancos” segue como a principal fonte de acúmulo, com 88,9% do total. Os 11,1% restantes são das viagens.

Já os resgates de pontos e milhas somaram 117 bilhões no primeiro semestre, alta de 19,8% na comparação anual. As passagens aéreas se mantêm como as mais procuradas pelos usuários na hora dos resgates (73,9% no período), mas a Abemf destaca que a categoria "produtos e serviços" vem ganhando espaço, tendo atingido share de 26,1% (ante 23,8% no primeiro semestre de 2017).

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

TAP TON VAI AJUDAR?

Stone (STNE) sai do lucro para prejuízo de R$ 489,3 milhões no 2T22; mercado não perdoa desempenho e ações caem

18 de agosto de 2022 - 17:29

Vale lembrar que a base de comparação anual envolve um período conturbado para a história da Stone. Entre abril e junho de 2021, a empresa paralisou as concessões de seu produto de crédito e aumentou as provisões após um forte crescimento da inadimplência dos empréstimos que haviam sido concedidos.

MERCADO DE TRABALHO

Dia do estagiário: Saiba quais são as áreas e locais com mais vagas de estágio

18 de agosto de 2022 - 16:53

As oportunidades, em maior parte, são para áreas administrativa, recursos humanos, engenharia, comunicação e finanças

AO LADO DO REGULADOR

Mercado Bitcoin se une à CVM e lança grupo de estudos em criptomoedas para impulsionar setor no Brasil

18 de agosto de 2022 - 16:25

Quem representará o Mercado Bitcoin no grupo será Juliana Facklmann, diretora de Assuntos Regulatórios do MB

CASHBACK EM CRIPTO

Mercado Livre lança criptomoeda própria em programa de cashback, mas Mercado Coin vale a pena? Entenda aqui

18 de agosto de 2022 - 16:13

Quem auxiliará o Mercado Livre com a custódia das criptomoedas será a exchange Ripio, uma das maiores plataformas de criptoativos da América Latina

7ª RODADA DE CONCESSÕES

Em leilão sem concorrência, espanhola Aena arremata bloco com aeroporto de Congonhas por R$ 2,45 bilhões

18 de agosto de 2022 - 15:26

O ágio da proposta foi de 231,02% sobre o lance mínimo de R$ 740,1 milhões; bloco inclui Congonhas e outros 10 aeroportos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies