Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-12-04T08:37:54-03:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Vender ou não vender, eis a questão

4 de dezembro de 2019
8:37
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Muitos leitores nos escreveram para perguntar o que fazer com seus títulos públicos, depois de ganhar uma bolada com sua valorização neste ano. Eles estão preocupados porque seus “campeões” tiveram retorno negativo no último mês. O Seu Dinheiro traz hoje a resposta.

Nos mercados, o clima continua tenso lá fora. As bolsas internacionais prenunciam um dia de baixas. A conferir se o Ibovespa resistirá.

O que você precisa saber hoje:

Mercados 

• O Ibovespa andou de lado ontem e fechou com leve alta de 0,03%, aos 108.958,94 pontos. O dólar à vista caiu 0,15%, para R$ 4,2056.

• As ações do setor de construção civil foram os destaques positivos, especialmente os ativos da MRV. Já o Smiles foi o destaque negativo, com queda de  8,85%. As estimativas de resultado para 2020 reforçam a tese de que a empresa virou uma estrela cadente, após se envolver em um conflito com o próprio controlador, a Gol. 

• E o que vai pautar os mercados hoje? O pessimismo toma conta das bolsas no exterior. As principais bolsas asiáticas fecharam em queda. Os índices futuros em Nova York também estão no vermelho, pressionando a abertura do pregão na Europa. 

Investimentos 

• A festa acabou para os títulos públicos prefixados e atrelados à inflação? Quem comprou esses papéis no Tesouro Direto teve a alegria de ver uma grande valorização neste ano, mas começou a perder dinheiro agora. A Julia Wiltgen explica o que está acontecendo com esses papéis e o que fazer com eles agora.

Empresas 

• Os fundadores do Google Larry Page e Sergey Brin renunciaram aos seus cargos executivos na Alphabet, a holding controladora do Google. Eles permanecem apenas no conselho de administração da empresa e Sundar Pichai, que comanda o Google desde 2015, passa a ser o CEO da holding.  

• A Petrobras vai sair totalmente da TAG em 2020, diz o presidente da Engie Brasil, Maurício Bahr. A ex-subsidiária da estatal foi adquirida em junho deste ano pela companhia de energia franco belga. 

Política 

•​​​​​​​ Quem é o verdadeiro alvo de Donald Trump? Ações do presidente americano contra Brasil ou mesmo China podem mirar o Fed, o banco central americano. Essa é a análise do Eduardo Campos.

•​​​​​​​ Uma decisão do TSE pode ser um entrave para a criação do partido de Jair Bolsonaro, o Aliança pelo Brasil. O tribunal decidiu que a criação de partidos com assinatura, como está fazendo o grupo de Bolsonaro, depende de regulação. 

•​​​​​​​ O Supremo Tribunal Federal decide hoje se muda ou não o sistema de compartilhamento de dados bancários e fiscais do antigo Coaf, agora rebatizado de Unidade de Inteligência Financeira (UIF). O órgão investiga movimentações financeiras suspeitas que possam ser indícios de crimes como lavagem de dinheiro.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

UM DOS IPOs DO ANO

Presidente da XP diz que não descarta listar a companhia na bolsa brasileira

O executivo disse que a ideia sempre foi fazer uma listagem no Brasil, visto que a empresa sempre se posicionou “como disruptora do mercado local, democratizando investimentos”

POLÍTICA

Justiça derruba suspensão de deputados do PSL; Joice pode perder liderança

Nesta quarta-feira, Joice foi confirmada líder do PSL na Câmara e em sua primeira coletiva no cargo afirmou que vai buscar uma pacificação na bancada

Até que enfim!

Agência de risco S&P eleva perspectiva para nota do Brasil para “positiva”

Embora atrasada, a decisão da S&P abre caminho para a recuperação no selo de bom pagador do país, perdido em setembro de 2015

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

A última superquarta do ano

Nesta última superquarta de 2019, o mercado ficou em compasso de espera pelas decisões de política monetária do Federal Reserve (Fed), o banco central americano, e do Banco Central brasileiro. No meio da tarde, o Fed anunciou a manutenção das taxas de juros, interrompendo um ciclo de três reduções consecutivas. Mas como o resultado já […]

Sessão tranquila

Sem surpresas com o Fed, dólar cai a R$ 4,11 e Ibovespa fecha em leve alta

A primeira parte do script imaginado pelos mercados foi cumprida à risca: o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) manteve a taxa de juros no país na faixa de 1,50% e 1,75% ao ano, conforme era esperado pelos agentes financeiros. E, sem nenhuma surpresa, o dólar à vista encontrou espaço para continuar caindo, enquanto […]

Menor juro da história

Como ficam os seus investimentos em renda fixa com a Selic em 4,5% ao ano

Veja como fica o retorno das aplicações conservadoras de renda fixa agora que o Banco Central cortou a Selic mais uma vez

Juros

Banco Central reduz juros para 4,5% ao ano, mas não garante novos cortes

Com a nova redução de 0,5 ponto percentual em decisão unânime tomada pelo Copom, a Selic renova a mínima histórica

Antes tarde do que nunca?

No dia do IPO da XP, CVM lança proposta para facilitar listagem de BDR

Se já estivesse em vigor, a regra permitiria a listagem de recibos de ações da XP na bolsa brasileira. CVM também pretende liberar investimento em BDR para o varejo

SEM BUROCRACIAS

Em evento na CNI, Bolsonaro faz acenos ao empresariado ao criticar “burocracias”

“Cada instrução normativa deve ser muito bem pensada. Deve atender ao interesse do Brasil. Não de grupos”, disse o presidente

MAIS MAGRINHA

Venda de 51% da Gaspetro com 20 distribuidoras deverá ser por IPO, diz Petrobras

“As conversas continuam com a Mitsui e a nossa expectativa é realizar a transação no mercado de capitais. Em 2015 a Petrobras vendeu 49% da empresa para a Mitsui e agora vamos vender nossa parte em bolsa”, disse Castello Branco

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements