Menu
2019-11-01T17:21:40+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Sinais vindos de fora

Superávit da balança comercial em outubro é o menor para o mês desde 2014

Saldo positivo de US$ 1,206 bilhão é 79,2% menor do que o registrado em outubro do ano passado

1 de novembro de 2019
16:01 - atualizado às 17:21
porto-santos
Imagem: Shutterstock

A balança comercial brasileira registrou superávit de US$ 1,206 bilhão em outubro , de acordo com os dados divulgados pela Secretaria de Comércio Exterior, do Ministério da Economia. O valor é 79,2% menor do que o registrado em outubro do ano passado e é o menor valor registrado para meses de outubro desde 2014.

No mês passado, as exportações somaram US$ 18,231 bilhões, uma queda de 20,4% ante outubro de 2018. Já as importações chegaram a US$ 17,025 bilhões, uma alta de 1,1% na mesma comparação.

De janeiro a outubro, o superávit comercial soma US$ 34,823 bilhões, saldo 26,7% menor do que o registrado no mesmo período do ano passado.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Na quarta semana de outubro (21 a 27), o saldo comercial foi de um superávit de US$ 585 milhões. Já na quinta semana (28 a 31), o resultado foi positivo em R$ 193 milhões.

No mês, houve uma queda nas vendas de produtos manufaturados (-26,5%), semimanufaturados (-20,6%) e básicos (-15,3%). Entre os manufaturados, houve queda principalmente nas exportações de máquinas e aparelhos para terraplanagem (-48%), automóveis de passageiros (-41,8%), polímeros plásticos (-32,1%) e suco de laranja não congelado (29,8%).

Pelo lado das importações, houve alta nas compras de bens intermediários (9,3%), de capital (7,5%), enquanto caíram as importações de combustíveis e lubrificantes (- 29,2%) e bens de consumo (-8,9%).

Petróleo bruto puxa queda

A queda de 20% nas exportações em outubro foi motivada principalmente pelo recuo nas vendas de petróleo bruto, aço semimanufaturado, soja em grão, automóveis de passageiros e minério de ferro. Juntos, esses cinco produtos responderam por mais de 55% do recuo.

Houve redução de US$ 1,6 bilhão nas vendas de petróleo em bruto, reflexo das cotações internacionais e baixo crescimento da produção brasileira. Houve recuou ainda de US$ 449 milhões em aço semimanufaturado e de US$ 294 milhões em soja em grão.

No caso dos automóveis, o recuo foi de US$ 139 milhões, causado pela crise da Argentina, onde a economia deve encolher 3% neste ano.

Por outro lado, houve crescimento nas exportações de produtos como milho, carne bovina, algodão e carne suína no mês de outubro.

Apesar do recuo nas exportações e do pior saldo comercial em cinco anos registrado em outubro, o subsecretário de Inteligência e Estatísticas da Secretaria de Comércio Exterior, Herlon Brandão, disse que o mês de outubro veio em linha com as previsões do órgão.

No ano, a expectativa é de um recuo de 7,1% nas exportações e de um saldo de R$ 41,8 bilhões.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

SUGESTÃO DE LEITURA

Estou interessada nesta criptomoeda…

Da lista de 12 criptomoedas citadas pela Helana Margarido, uma delas deve entrar em um ótimo ponto de compra nos próximos dias

Acusações de corrupção

Ex-presidente da Braskem é preso em Nova York

José Carlos Grubisich foi acusado de conspiração por violar uma lei de corrupção estrangeira dos EUA e por conspiração para lavagem de dinheiro

Próxima fase

CCJ da Câmara aprova PEC da 2ª instância

Por 50 votos a 12, comissão admitiu a proposta que abre caminho para prender condenados após a segunda instância

Ricos e famosos

Saiba como 5 celebridades entraram no clube dos bilionários

Nos últimos anos o grupo dos bilionários passou a contar com nomes bem conhecidos do público. Dois deles passaram a fazer parte da lista em 2019

Dinheiro entrando

Carlos Slim Domit anuncia plano de investimento de R$ 30 bilhões no Brasil em 3 anos

Aporte de recursos será feito para ampliar a infraestrutura necessária para o desenvolvimento de novos serviços e de armazenamento em nuvem

De cara nova

BNDES elege dois conselheiros e informa que poderá devolver até R$ 200 bilhões ao Tesouro até 2022

Marcelo Serfaty e Marcelo Sampaio foram eleitos para o Conselho de Administração do banco de fomento em Assembleia Geral Extraordinária

Esclarecendo

Campos Neto: Se câmbio contaminar inflação, atuação será via taxa de juros

Presidente do BC, Roberto Campos Neto, diz que foi mal interpretado e faz esclarecimento sobre relação do dólar com inflação e resposta do BC

Juros bancários

BC vai divulgar novo plano para mudar cheque especial ainda neste ano

Em audiência na Câmara dos Deputados, o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, disse que é preciso fazer uma “reengenharia” do cheque especial

É dólar que sai

Fluxo cambial total em novembro até dia 14 é negativo em US$ 1,1 bilhão

Banco Central também informou que, no ano, o fluxo cambial até 14 de novembro ficou negativo em US$ 22,628 bilhões

Impeachment de Trump

Embaixador dos EUA na UE confirma que Trump pressionou Ucrânia a investigar democratas

O diplomata Gordon Sondland implicou ainda outros membros da alta administração do governo em audiência sobre o processo de impeachment do presidente

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements