Menu
2019-01-20T16:24:43+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Indústria automobilística

Sindicato reage à ameaça de saída da GM do país, e montadora marca reunião com trabalhadores

Presidente da montadora para a América do Sul havia divulgado comunicado dizendo que “investimentos e o futuro” do grupo no país dependiam de volta da lucratividade em 2019

20 de janeiro de 2019
16:24
Fábrica da GM em São Caetano do Sul, no ABC Paulista
Fábrica da GM em São Caetano do Sul, no ABC Paulista - Imagem: Divulgação

O Sindicato dos Metalúrgicos de São José dos Campos e região divulgou nota neste fim de semana para repudiar declarações feitas pelo presidente da General Motors (GM) Mercosul, Carlos Zarlenga. Em comunicado aos funcionários, o executivo disse que "investimentos e o futuro" do grupo na região dependem da volta da lucratividade das operações ainda em 2019. Trabalhadores e montadora se reunião na próxima terça-feira, 22, para debater o tema.

Em nota, o sindicato informou que recebeu com "indignação" o comunicado interno. "A GM instaura um clima de apreensão entre os trabalhadores, afirmando que 2018 foi um ano de prejuízos para as plantas da América do Sul e que 2019 será decisivo para o futuro da fábrica. A empresa chega a mencionar a possibilidade de deixar a região", cita a nota da entidade que representa os trabalhadores. "Ressalte-se que a GM detém 20% do mercado brasileiro e não está em crise financeira", cita a nota.

O comunicado assinado por Zarlenga reproduziu reportagem publicada nos Estados Unidos que menciona que a presidente mundial da montadora, Mary Barra, deu sinais de que está considerando sair da América do Sul, onde mantém fábricas no Brasil e na Argentina.

Diante desse comunicado, os sindicatos de São José dos Campos e São Caetano do Sul (onde a General Motors mantém fábricas) irão se reunir com representantes da montadora para discutir o assunto na próxima terça-feira às 11h, em São José dos Campos.

*Com Estadão Conteúdo

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

De olho nos valores

Preço médio dos imóveis residenciais sobe 0,36% em junho em dez capitais

A pesquisa mostrou que, no mês, todas as dez capitais pesquisadas tiveram alta nos preços médios: Brasília (0,04%), Fortaleza (0,06%), Salvador (0,08%), Porto Alegre (0,16%), Rio de Janeiro (0,18%), Belo Horizonte (0,19%), Curitiba (0,19%), Goiânia (0,22%), Recife (0,38%) e São Paulo (0,68%)

DE OLHO NO GRÁFICO

Bitcoin em nova alta e S&P no sinal amarelo

Fausto Botelho está estupidamente otimista com o bitcoin, que pode ter uma nova onda de valorização. Já o S&P, principal índice americano, pode trazer um terremoto para o resto do mundo

De olho nos próximos recebidos

Preparação de atendimento pela Caixa contribuiu para adiamento de saque do FGTS

Em 2017, para que 25,9 milhões de trabalhadores retirassem R$ 44 bilhões das contas inativas (de contratos anteriores) do FGTS, a Caixa preparou um esquema de atendimento que previu a abertura das agências mais cedo e nos fins de semana no período, que foi de 10 de março a 31 de julho

Entenda o caso

Depois de fixar o preço dos papéis em R$ 1,10 no follow-on, ações da Tecnisa despencam mais de 9%

O mais provável é que a queda vertiginosa esteja associada ao fato de que o papel esteja se ajustando ao preço estipulado na oferta de ações

A hora é agora

Como consultar o seu saldo do FGTS

Medida que injeta até R$ 30 bilhões na economia deve ser anunciada na próxima semana. Saiba como consultar o seu saldo do FGTS

Novidades na prateleira

RCI Brasil, das montadoras Renault e Nissan, passa a oferecer CDB com liquidez diária e rentabilidade de 102% do CDI

A desvantagem é que o valor inicial de aplicação do investimento é um pouco alto. No caso do Banco Sofisa, por exemplo, o valor inicial de aplicação é de R$ 1. Já no Inter e no C6 Bank, a aplicação inicial é de R$ 100

Aos números

Economia com reforma da Previdência após 1º turno fica em R$ 914,3 bilhões

Impacto fiscal ao longo de 10 anos sobe a R$ 933,5 bilhões, considerando aumento CSLL sobre os bancos. MP de fraudes pode render outros R$ 200 bilhões

alteração na agenda

Anúncio sobre FGTS fica para a próxima semana, diz Onyx

Segundo o ministro, as equipes técnicas do Ministério da Economia ainda trabalham em cima dos ajustes necessários

dinheiro na mão

Economistas recomendam sacar recursos do fundo

Aprovada a medida do governo para o saque das contas do FGTS, a orientação dos especialistas é para que os trabalhadores quitem débitos ou invistam

controvérsia

Setor de construção critica liberação de saques do FGTS

Recursos para o trabalhador devem diminuir o total disponível para a construção, o que pode aumentar o déficit habitacional do País, diz vice-presidente de sindicato

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements