Menu
2018-10-17T06:43:51+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Investigado

PF indicia Michel Temer em inquérito dos portos

Presidente é investigado em inquérito de 2017 que apura se houve favorecimento a empresas do setor portuário

17 de outubro de 2018
6:43
O ex-presidente Michel Temer
O ex-presidente Michel Temer - Imagem: shutterstock

A Polícia Federal indiciou nesta terça-feira, 16,  o presidente Michel Temer, a sua filha Maristela de Toledo e o ex-deputado federal Rodrigo Rocha Loures (MDB-PR) no âmbito das investigações do inquérito dos Portos, que apura se houve favorecimento a empresas do setor portuário na edição de um decreto de 2017. Entraram na lista da PF o coronel reformado da Polícia Militar João Baptista Lima Filho (amigo do presidente conhecido como coronel Lima) e arquiteta Maria Rita Fratezi (mulher do coronel), além de executivos da Rodrimar e do grupo Libra.

Ao todo, 11 pessoas foram indiciadas pela PF, que entregou a conclusão das investigações ao gabinete do ministro Luís Roberto Barroso, relator do caso.

A PF também pediu a Barroso o bloqueio de bens de todos os indiciados, inclusive de Temer, e a prisão preventiva de quatro deles: do coronel Lima e sua mulher, além de Carlos Alberto Costa e Almir Martins Ferreira, que atuaram respectivamente como sócio e contador do coronel. O ministro vai aguardar um parecer da Procuradoria-Geral da República (PGR) para decidir sobre esses pedidos, que tem 15 dias para se manifestar.

Segundo Barroso, o relatório da PF aponta a ocorrência dos crimes de corrupção passiva e ativa, lavagem de dinheiro e organização criminosa. A organização criminosa seria dividida em quatro núcleos: político, administrativo, empresarial (ou econômico) e operacional (ou financeiro).

Em seu despacho, o ministro destaca que a PF afirmou ter produzido provas de "naturezas diversas" que "incluíram colaborações premiadas, depoimentos, informações bancárias, fiscais, telemáticas e extratos de telefone, laudos periciais, informações e pronunciamentos do Tribunal de Contas da União" sobre as irregularidades no decreto dos Portos.

A PF, diz Barroso, teria apurado fatos ao longo do inquérito "envolvendo propinas em espécie, propinas dissimuladas em doações eleitorais, pagamentos de despesas pessoais por interpostas pessoas - físicas e jurídicas -, atuação de empresas de fachada e contratos fictícios de prestação de serviços, em meio a outros." A reportagem está entrando em contato com os indiciados para saber se eles vão se pronunciar.

'Repasses Ilícitos'

O inquérito dos Portos foi instaurado em setembro de 2017 a pedido do então procurador-geral da República, Rodrigo Janot. Ao autorizar a abertura da investigação, Barroso pontuou que "os elementos colhidos revelam que Rodrigo Rocha Loures" menciona pessoas que poderiam ser intermediárias de repasses ilícitos para o próprio presidente da República, em troca da edição de "ato normativo de específico interesse de determinada empresa, no caso, a Rodrimar S/A".

*Com Estadão Conteúdo

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

um unicórnio entre os jovens

Tiktok: o app que faz sucesso entre a geração z e fez da sua dona a startup mais valiosa do mundo

ByteDance é considerada a startup com o maior valor de mercado do mundo – são US$ 75 bilhões; estratégia se divide em diversas frentes, incluindo um app que ganha cada vez mais força entre jovens nascidos em meados dos anos 90 para cá

guerra comercial não para

Trump ameaça usar autoridade de emergência contra a China

Anúncio chinês de elevar as tarifas sobre US$ 75 bilhões em importações norte-americanas deixou o presidente dos EUA enfurecido

analisando a conjuntura

Recuperação esperada da economia global não aconteceu, diz presidente do Banco da Inglaterra

Mark Carney falou logo depois que o presidente Trump anunciou que estava endurecendo as tarifas sobre as importações chinesas

vem mais mudanças por aí?

Equipe econômica estuda atrelar remuneração da poupança à inflação

Após criar crédito imobiliário corrigido pelo IPCA, governo quer dissociar a rentabilidade da caderneta da Selic, para que a poupança acompanhe os indicadores usados nos empréstimos para a compra da casa própria

bombou na semana

MAIS LIDAS: Loucura, loucura, loucura!

De todos os programas criados pelos governos petistas, um dos mais polêmicos sem dúvida é o Bolsa Empresário, como ficou conhecida a política de financiamentos do BNDES a grandes empresas com juros bem camaradas. A estimativa é que os subsídios, ou seja, os recursos públicos usados para tornar esses empréstimos mais baratos, superaram os de […]

dinheiro na conta

Zuckerberg vende US$ 296 milhões em ações do Facebook em um mês

Desde abril, o CEO do Facebook não disponibilizava os papéis que detinha ao mercado; no ano, o bilionário vendeu 2,9 milhões de ações

olhos lá na frente

SulAmérica vende operações à Allianz por R$ 3 bi e ganha fôlego para crescer

Investimento é o maior já feito pela seguradora no Brasil e a coloca no patamar mais alto do que já teve

acusação de jornal

Amazon vende milhares de produtos irregulares nos EUA

Wall Street Journal diz que identificou na loja online brinquedos e medicamentos que eram vendidos sem os devidos avisos sobre os riscos de saúde a crianças

na tv

Bolsonaro pede que incêndio não seja pretexto para sanções ao Brasil

Em tom mais ameno, presidente disse em rede nacional que número de queimadas está “na média”, mas que governo atuará para conter os focos

Novas regras

Afinal, quanto rende o FGTS? Saiba o que mudou no retorno do fundo

Com nova regra de remuneração, fundo de garantia pode superar a caderneta de poupança, mas retorno não é garantido

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements