Menu
2019-06-11T17:28:14+00:00

Petrobras contrata SBM para afretar 2º sistema de produção no campo de Mero

Acordo anunciado nesta terça-feira é o primeiro contrato da operadora de offshore com a petroleira brasileira

11 de junho de 2019
17:28
Plataforma da Petrobras
Plataforma da Petrobras - Imagem: Shutterstock

A Petrobras assinou, na segunda-feira, 10, contrato com a holandesa SBM Offshore para afretamento e operação do segundo sistema de produção definitivo do campo de Mero, localizado na área noroeste do bloco de Libra, informou nesta terça-feira, 11, a companhia.

É o primeiro contrato da operadora de offshore com a petroleira brasileira, após a companhia holandesa ter firmado acordo de leniência com autoridades nacionais ano passado, admitindo o pagamento de propina no passado.

A unidade afretada com a SBM será instalada no projeto Mero 2, a cerca de 180 quilômetros da costa do Rio e profundidade d'água média de 2.100 metros, no pré-sal da Bacia de Santos.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

A plataforma, do tipo FPSO (unidade que produz, armazena e transfere óleo), deverá interligar até 16 poços e terá capacidade de processar até 180 mil barris de petróleo por dia (bpd) e 12 milhões de m³/dia de gás, informou a Petrobras, em nota.

"O início da produção está previsto para 2022. A plataforma se juntará ao FPSO Pioneiro de Libra, dedicado a sistemas de produção antecipada, em operação desde novembro de 2017; e ao FPSO Guanabara, primeira unidade prevista para o sistema de produção definitivo do campo de Mero, com entrada em produção prevista para 2021", diz a nota da estatal.

Com a contratação da SBM, a Petrobras completará "a contratação do arranjo de produção previsto para o campo de Mero no Plano de Negócios e Gestão 2019-2023". Ao término do plano, a estatal terá dois sistemas de produção definitivos operando, "que poderão somar até 360 mil barris petróleo por dia à capacidade de produção operada pela Petrobras".

"Com as informações já obtidas nos testes em realização, confirmamos o elevado potencial de produção do campo de Mero, que tem reserva estimada entre 3 e 4 bilhões de barris", diz, na nota, Carlos Alberto Pereira de Oliveira, diretor executivo de Exploração e Produção da Petrobras.

A petroleira estatal é a operadora do Consórcio de Libra, bloco localizado na camada pré-sal.

Também integram o consórcio Shell (20%), Total (20%), CNPC (10%) e CNOOC Limited (10%).
A nova FPSO será operada pela SBM Offshore, empresa responsável pela construção, com duração de afretamento por 22,5 anos. Parte da construção será realizada no Brasil, em modelo semelhante ao adotado por outras unidades afretadas pela Petrobras, informou a companhia.

A SBM Offshore só pôde ser contratada porque, em julho do ano passado, assinou acordo de leniência com a Controladoria-Geral da União e a Advocacia-Geral da União (AGU). Como parte do acordo, a empresa holandesa pagou R$ 549 milhões à Petrobras em outubro. No total, a SBM Offshore pagará cerca de R$ 1,22 bilhão, entre valores de multa e ressarcimento de danos.

Operadora global de plataformas para exploração de petróleo, a empresa holandesa admitiu ter pago milhões em propina para conseguir contratos com a Petrobras. O caso, que envolvia o pagamento de propina em outros países, especialmente na África, veio à tona na imprensa holandesa no início de 2014, na mesma época em que a Operação Lava Jato era deflagrada.

Comentários
Leia também
OS MELHORES INVESTIMENTOS NA PRATELEIRA

Garimpei a Pi toda e encontrei ouro

Escolhi dois produtos de renda fixa para aplicar em curto prazo e dois para investimentos mais duradouros. Você vai ver na prática – e com a translucidez da matemática – como seu dinheiro pode render mais do que nas aplicações similares dos bancos tradicionais.

Seu dinheiro no domingo

O mercado sempre oscila entre o cenário perfeito e o desesperador. Saber onde estamos é o segredo para ganhar dinheiro

Se a percepção prevalente no mercado é de que as coisas só podem melhorar, o investidor deve encarar isso com cautela

DIÁLOGO CORDIAL

Presidente do BNDES conversou com ministro da Economia sobre demissão

Levy entregou seu pedido de demissão do cargo ao ministro após ser alvo de críticas do presidente Jair Bolsonaro neste sábado (15)

TCHAU

Presidente do BNDES confirma pedido de demissão após declarações de Bolsonaro

Levy foi alvo de críticas do presidente Jair Bolsonaro no sábado (15), em função da nomeação do advogado Marcos Barbosa Pinto para o cargo de diretor

REDUÇÃO DE DANOS

Nada impede que a capitalização seja aprovada no 2º semestre, diz Maia no Twitter

O presidente da Câmara defendeu que a questão pode até ficar de fora do primeiro texto da reforma, mas destacou propostas já em andamento na área

CABEÇA A PRÊMIO

Gustavo Franco e Salim Mattar são cotados para substituir Levy

A avaliação é a de que a permanência do atual presidente do BNDES tornou-se insustentável depois da bronca em público do presidente

OS 10 MAIS RICOS DO MUNDO

Larry Page, o bilionário que criou o Google, ama carros voadores e tem o salário de US$ 1

O Seu Dinheiro estreia hoje (16) um série com a história dos 10 homens mais ricos do mundo. Quem são? Como vivem? Como ficaram bilionários? E que lições você pode aprender com eles? Começamos a contagem regressiva de fortunas (haja dedo) com Larry Page, o décimo homem mais rico do mundo, e todo domingo traremos uma história nova.

O CLIMA ESQUENTOU

Bolsonaro ameaça demitir Levy por nomeação de diretor que trabalhou no governo PT

Na sexta-feira, 14, durante café da manhã com jornalista, Bolsonaro demitiu o presidente dos Correios, general Juarez Cunha

RALI

Nada de Bitcoin: criptomoeda que valorizou 330% em 2019 tem outro nome

Segundo analistas, há pelo menos duas razões claras para o movimento de alta do Litecoin. Entenda o que está causando esse fenômeno

ENTREVISTA

“Não vou impor uma solução e destruir a reforma”, diz Samuel Moreira

Relator da proposta conta ter abdicado inclusive de convicções próprias em favor da construção de um texto com apoio suficiente das lideranças

NOS TRILHOS

Rumo avaliará participar de Fiol e Ferrogrão

Ferrovias estão entre os mais importantes projetos ferroviários para o escoamento de commodities, como grãos e minério de ferro, do Brasil

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements