Menu
2019-04-20T16:59:55+00:00
Marina Gazzoni
Marina Gazzoni
Jornalista formada pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) e com MBA em Informação Econômico-Financeira e Mercado de Capitais no Instituto Educacional BM&FBovespa e UBS Escola de Negócios. Foi editora de Economia do G1 e repórter de O Estado de S. Paulo e Folha de S. Paulo e do portal IG.
CARRO ELÉTRICO

O tuíte de Elon Musk que custou US$ 20 milhões e a presidência do conselho da Tesla

Musk afirmou que fecharia capital da Tesla nas redes sociais, mas informação não se confirmou. Acordo encerrou investigação por fraude na SEC.

30 de setembro de 2018
15:51 - atualizado às 16:59
Elon Musk, CEO da Tesla
Elon Musk, CEO da Tesla - Imagem: Wikimedia Commons

Quando eu vi o tuíte de Elon Musk no 7 dia de agosto anunciando que ele iria fechar o capital da Tesla (e já tinha dinheiro para isso), logo pensei: "isso vai dar m*". A decisão de tornar uma companhia aberta em uma empresa privada novamente é algo muito sério para ser divulgado pelo Twitter pessoal do seu fundador - e também CEO e presidente do conselho. Em geral, a informação sai via fato relevante protocolado no órgão regulador. O caso ficou mais grave ainda quando a empresa desmentiu a informação.

O tuíte de Musk fez as ações da Tesla dispararem. Os US$ 420 embutiam um prêmio aos acionistas - no pregão anterior a ação da Tesla fechou a US$ 341,99.  E foram o estopim na mais grave crise que o líder da colde carros elétricos enfrentou à frente da empresa. Musk foi investigado por fraude pela Securities and Exchange Commission (SEC), a CVM americana, e teve que fechar um acordo para encerrar o caso.

Custou caro: Musk foi obrigada a pagar uma multa de US$ 20 milhões e a renunciar do cargo de presidente do conselho da montadora. E mais - não pode concorrer ao cargo pelos próximos três anos. A Tesla também terá de pagar outros US$ 20 milhões em multa e nomear mais dois conselheiros independentes para a empresa - um deles provavelmente deverá ser nomeado o novo chairman.

Custou caro para o minoritário

O mercado não gostou da saída de Musk, considerado um visionário capaz de levar a Tesla a liderança no mercado automotivo no futuro. Mas o recado da SEC é que até os gênios precisam de limites quando colocam suas empresas na bolsa de valores.

A atuação da SEC foi na defesa dos minoritários da empresa. Afinal, muita gente perdeu dinheiro com essa irresponsabilidade de Musk.

Só na última sexta-feira (28), após a divulgação do comunicado da SEC, a ação da companhia derreteu 13,9%. A empresa vale hoje mais de 20% a menos do que valia antes de Musk falar o que não devia nas redes sociais.

As perdas podem ser ainda maiores diante da saída de Musk. Conhecido por ser uma pessoa difícil e centralizadora, sua presença deve fazer falta na empresa. Que sirva de lição para os outros executivos que aliam o cargo de CEO ao de influenciadores digitais.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

5º MAIS RICO DO MUNDO

Carlos Slim, o bilionário que lucrou com um monopólio e virou o ‘dono do México’

Com conglomerado de mais de 200 empresas, empresário acumulou fortuna de US$ 60 bilhões, que equivale a 6% do PIB do país, e se tornou o quinto homem mais rico do mundo.

MAIS UMA

Bolsonaro afirma que governadores do Nordeste tentam manipular eleitor

O uso de um termo pejorativo para se referir aos nordestinos provocou a reação de governadores da região, que manifestaram “espanto e profunda indignação”

BNDES

Com BNDES menor, pode faltar crédito para investimento

O patamar de desembolsos em torno de R$ 70 bilhões por ano, sinalizado pelo novo presidente, equivale a 1% do Produto Interno Bruto, menor nível em 20 anos.

Boa notícia

Risco volta ao nível de quando país tinha selo de bom pagador

Além do avanço na reforma previdenciária, contribuiu para a redução do risco país o cenário de um mercado internacional mais calmo

Bandeira eleitoral

Tema “corrupção” perde espaço no Twitter de Bolsonaro

Depois de assumir o poder, o assunto perdeu espaço em sua timeline e, segundo levantamento no perfil do presidente, apareceu em apenas 1,4% das postagens.

Uma dose de realismo

Bilionários garantem: este é o melhor momento para se estar vivo

Bill Gates, Warren Buffett, Elon Musk e Barack Obama são categóricos: se você pudesse escolher qualquer momento na história para nascer, seria este.

Promessa é dívida

MAIS LIDAS: Oi e FGTS foram as grandes promessas da semana

São elas: a liberação do saque do FGTS pelo governo Bolsonaro e o plano da diretoria da Oi de tirar a empresa do buraco. Confira

Dá para se arrepender?

Opção do saque do FGTS será reversível

A ideia é que a nova opção de saque permita ao trabalhador resgatar uma parcela em troca de abrir mão da retirada de todo o fundo caso seja demitido sem justa causa

o novo sempre vem

Novo Mercado, nível 1 ou 2: Diga-me a governança da ação e eu te digo quais são os direitos do investidor

Segmento da B3 estabeleceu maior nível de governança entre as empresas e amenizou conflitos entre minoritários e controladores; são hoje 142 empresas no Novo Mercado

De olhos bem abertos

Dez bancos serão investigados por supostos abusos na oferta de consignado a idoso

As empresas têm dez dias para apresentar defesa e, posteriormente, se confirmados os indícios de infração, poderão ser multadas em até R$ 9,7 milhões. As notificações estão formalizadas no Diário Oficial da União (DOU) em despachos do DPDC, órgão da Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements