Menu
2019-11-11T19:26:40-03:00
Desacelerou

Ministros de comércio dos Brics observam perda de impulso na economia mundial

Autoridades dizem concordar que a “liberalização do comércio é um elemento essencial para liberar o potencial de crescimento econômico

11 de novembro de 2019
19:26
BRICS
Imagem: Shutterstock

Reunidos nesta segunda-feira em Brasília, os ministros de Comércio do Brics observaram aumento de incertezas e de perda de impulso na economia mundial, que afetam a possibilidade do comércio global, desde o último encontro do grupo.

"Nesse contexto, reconhecemos o importante papel do Brics como plataforma de cooperação que pode melhorar as oportunidades de comércio e investimento", diz o comunicado conjunto divulgado após a 9ª Reunião de Ministros de Comércio do Brics. O encontro é uma preparação para a 11ª Cúpula, que ocorre nos dias 13 e 14 de novembro, sob o tema "Brics: Crescimento econômico para um futuro inovador".

Os ministros participantes do encontro afirmam concordar que a "liberalização do comércio é um elemento essencial para liberar o potencial de crescimento econômico e desenvolvimento sustentável". Eles também enfatizaram a necessidade de um ambiente de comércio internacional transparente, baseado em regras e aberto.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

"Reiteramos nosso total apoio ao sistema de comércio multilateral baseado em regras, com a OMC em seu núcleo. É essencial que todos os membros da OMC evitem medidas unilaterais e protecionistas que são contrárias ao espírito e às regras da OMC", diz o comunicado.

Os ministros do Brics reconheceram a importância da reforma na OMC, para garantir a eficácia e a relevância da organização e de sua capacidade de enfrentar melhor os desafios atuais e futuros. "Nossos países trabalharão com todos os membros da OMC para avançar em um processo de reforma necessária, equilibrada, aberta, transparente e que promova a inclusão e o desenvolvimento. A reforma deve, entre outras coisas, preservar a centralidade, os valores centrais e os princípios fundamentais da OMC e considerar os interesses de todos os membros, incluindo países em desenvolvimento e PMDs."

No comunicado, o grupo destaca que o mecanismo de solução de controvérsias da OMC, incluindo seu órgão de apelação, "é uma pedra angular do sistema comercial multilateral".

"Seu trabalho é essencial para o funcionamento adequado e eficaz da Organização. Continuamos comprometidos com a preservação de um sistema de adjudicação vinculativo em duas etapas para disputas na OMC. Instamos todos os Membros da OMC a se engajarem construtivamente, como uma questão prioritária, no esforço de garantir a continuação de um Órgão de Apelação totalmente operacional."

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

momento de tensão

Ações da Oi e da Vivo caem após nova fase da Lava Jato

Por volta das 12h desta terça-feira, os papeis ON da Oi (OIBR3) recuavam 2,15%, enquanto os papéis PN da Vivo (VIVT4) caíam 1,09%

polícia nas ruas

Lava Jato investiga relação de repasses da Oi para Gamecorp/Gol

Procuradoria identificou movimentação de R$ 40 milhões entre a Movile Internet Móvel, empresa do grupo Telefonica/Vivo, e a Editora Gol entre 15 de janeiro de 2014 e 18 de janeiro de 2016

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta terça-feira

As taxas do Tesouro Direto abriram com sinais mistos nesta terça-feira (10). O Tesouro IPCA+ 2024 (NTN-B Principal) é negociado com taxa de 2,24% ao ano mais IPCA, por um valor mínimo de R$ 58,86. O Tesouro IPCA+ com Juros Semestrais 2050 (NTN-B) é negociado com taxa de 3,47% ao ano mais IPCA e aplicação […]

Um acordo no fim do túnel?

EUA e China planejam adiar tarifas programadas para o dia 15, dizem fontes

Nos últmos dias, autoridades em Washington e Pequim têm sinalizado que domingo não é a data final para fechar a chamada “fase 1” de um acordo comercial

Mercados hoje

Ibovespa opera em queda, reagindo ao ambiente mais cauteloso no exterior; dólar sobe a R$ 4,14

O possível fechamento de um acordo para que os EUA posterguem a aplicação de novas sobretaxas sobre produtos chineses dá ânimo às bolsas globais e faz o Ibovespa se afastar das mínimas

polícia nas ruas

Lava Jato mira corrupção e lavagem em contratos de telefonia e internet

Ação é um desdobramento da 24ª etapa da Lava Jato, que, em março de 2016, levou de forma coercitiva o ex-presidente Lula para depor

Exile on Wall Street

Uma tentativa de Teoria das Cordas, aplicada às finanças

Eu trabalho muito. Tenho uma dedicação apaixonada e até mesmo obsessiva com a Empiricus. Nem sei se isso é bom. Mas é o que é

Em busca da alta renda

BB lança crédito imobiliário com correção pelo IPCA

Taxas de juros começam em 3,45% ao ano mais IPCA e variam conforme o prazo da operação e o nível de relacionamento do cliente com o BB

Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

No radar: IPO da XP e Mourão na posse do presidente argentino

Sai hoje o preço das ações da XP Investimentos que serão ofertadas na bolsa americana Nasdaq. Hoje também será definido quem conseguirá entrar na oferta. Será que os fundos brasileiros vão ganhar um pedacinho deste bolo?   No lado político, o destaque é uma espécie de trégua do governo de Jair Bolsonaro com o presidente eleito […]

Mais uma oferta no exterior

Madero deve desembarcar nos EUA em junho com o seu IPO, diz jornal

Segundo informações do Valor Econômico, a rede de hamburgueria já contratou o Bank of American e J.P. Morgan para coordenarem a oferta

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements