Menu
Vinícius Pinheiro
Vinícius Pinheiro
Formado em jornalismo, com MBA em Derivativos e Informações Econômico-Financeiras pela FIA. Trabalhou por 18 anos nas principais redações do país, como Agência Estado/Broadcast, Gazeta Mercantil e Valor Econômico. É coautor do ensaio “Plínio Marcos, a crônica dos que não têm voz" (Boitempo) e escreveu os romances “O Roteirista” (Rocco) e “Abandonado” (Geração).
Casamento inusitado

Itaú faz aporte de R$ 600 milhões e vira sócio de subsidiária da Energisa

Maior banco privado do país passa a deter 12,3% do capital de empresa que controla as distribuidoras do Grupo Rede e da Energisa Mato Grosso

28 de dezembro de 2018
12:03 - atualizado às 16:07
Imagem: Divulgação/Energisa

Um casamento inusitado foi sacramentado no último dia de funcionamento dos mercados. Com um aporte de R$ 600 milhões, o Itaú Unibanco vai virar sócio de uma subsidiária da distribuidora de energia elétrica Energisa.

Com o negócio, o maior banco privado do país passa a deter 12,3% do capital da Energisa Participações. A participação será apenas em ações preferenciais (PN, sem direito a voto). Os outros 87,7% do capital da subsidiária permanecerão com a holding Energisa.

A empresa da qual o Itaú virou sócio detém o controle das distribuidoras do Grupo Rede e da Energisa Mato Grosso. O acordo prevê ainda que a holding de energia terá a opção de recomprar a participação vendida para o banco.

Conversão de dívida?

O comunicado da Energisa não deixa claro, mas tudo indica que o aporte do Itaú foi feito a partir de uma conversão de dívida.

"Os investimentos realizados no contexto da operação contribuirão para a preservação da liquidez financeira do Grupo Energisa e para a sua desalavancagem geral", diz a empresa, no documento encaminhado à Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Em setembro, a dívida líquida consolidada da empresa era de R$ 8,656 bilhões, o equivalente a 2,9 vezes a geração de caixa medida pelo Ebitda (lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização).

O fato de se tratar de uma conversão de dívida, e não um aporte com dinheiro novo, também explicaria o fato de o negócio não ter sido realizado pela Itaúsa, que é a holding de investimentos do Itaú.

Eu procurei o banco e a empresa de energia, mas ambos me informaram, via assessorias de imprensa, que não comentariam o assunto.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
Conteúdo patrocinado por Startse

Milionária sem sair da cama

O caso da inglesa que ficou milionária trabalhando de pijama no quarto – e o número de brasileiros que querem enriquecer da mesma forma.

Venham para o Brasil!

Em discurso na Câmara de Comércio dos EUA, Guedes faz chamado aos investidores americanos

Ministro da Economia disse que o Brasil vive um novo momento econômico e citou as mudanças fiscais que o governo tem promovido como exemplo

Viagem aos Estados Unidos

Citando o recorde na bolsa, Bolsonaro fala em “amor à primeira vista” por Guedes

Presidente parabenizou o ministro pelo seu trabalho e colocou nas mãos dele a responsabilidade pelos 100 mil pontos do Ibovespa

Seu Dinheiro na sua noite

100 mil razões para celebrar

Ibovespa rompe marca dos 100 mil pontos pela primeira vez na história; na economia, governo já lança novo pacote de concessões de aeroportos

Pente-fino

Governo encaminha projeto contra grandes devedores da Previdência este mês

Membros do governo Bolsonaro acreditam que será possível recuperar em torno dos R$ 150 bilhões com o novo sistema

Mercado aquecido

Volume de operações de fusões e aquisições cresce 28% em 2018, diz Anbima

De acordo com dados da associação, a alta foi puxada pela transação entre a Suzano Papel e Celulose e Fibria

Aproximação comercial

Guedes diz que exportações e importações com dos Estados Unidos devem aumentar

Ministro destacou, no entanto, que as relações comerciais com a China, principal parceiro do Brasil, não sofrerão cortes

Presidente em exercício

Em encontro com Doria, Mourão fala em convergência de ideias

Presidente em exercício afirmou que o governo federal buscará estreitar relacionamento com os Estados para atrair investimentos

Seu mentor de investimentos

Encontro em Washington

Em minha opinião, será muito mais um encontro de Bolsonaro com um dos seus ídolos do que uma reunião de trabalho

Congresso está esperando

Governo corre para protocolar proposta de Previdência dos militares no dia 20

Ministro Paulo Guedes disse nesta segunda-feira que o texto será avaliado por Bolsonaro e em seguida enviado para o Congresso

Dois focos dentro de casa

Proposta de Guedes sobre Orçamento pode atrapalhar trâmite da reforma, diz Maia

A proposta de emenda constitucional de desvinculação do Orçamento feita pelo ministro da Economia, Paulo Guedes, gera algumas polêmicas no curto prazo que podem atrapalhar o trâmite da reforma da Previdência no Congresso, disse nesta segunda-feira, 18, o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia. Ele observou porém, que se for desejo do presidente do […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu