Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-08-28T09:55:32+00:00
tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Hoje tem festa surpresa?

28 de agosto de 2019
9:52 - atualizado às 9:55
O Melhor do Seu Dinheiro
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Você gosta de festa surpresa? Eu não sou muito fã. Tenho um certo pavor de que os convidados apareçam quando eu estiver de pijama ou descabelada. A internet está cheia de situações em que o aniversariante paga mico.


Mas o Banco Central não perguntou para o mercado se ele quer uma festa surpresa ou não. Ele simplesmente fez uma surpresinha ontem e deve organizar outras. É bom você ficar ciente de que esses eventos podem rolar a qualquer momento para não ser pego desprevenido.

Até então, a atuação do Banco Central no câmbio ocorria com leilões programados, com data e volumes anunciados previamente. Ontem o Banco Central fez uma venda surpresa de dólar à vista no pregão depois que a moeda foi a R$ 4,19. Assim conseguiu segurar o câmbio um pouco e o dólar encerrou o dia em R$ 4,15.

O Eduardo Campos está acompanhando o movimento do Banco Central. Ele lembra que há estudos que mostram que a “festinha surpresa” no câmbio é um instrumento mais efetivo do que os leilões programados. Quer saber mais? O Edu explica o que está por trás da estratégia do BC nesta reportagem.

Para onde vai o dólar?

Nosso colunista Fausto Botelho tem um palpite para os rumos do dólar. Neste novo vídeo, o especialista em análise gráfica também fala sobre o Ibovespa e os índices americanos S&P, Nasdaq e Dow Jones. Ele ainda recomenda a venda de 10 ações, entre elas os papéis de uma empresa do setor de educação e de uma companhia do setor agrícola.

A Bula do Mercado: sem rumo definido

A guerra comercial deve continuar ditando o ritmo dos mercados internacionais, mas a ausência de novos desdobramentos na disputa deixam os negócios sem rumo. É preciso estar preparado para um novo estresse, já que a chance de um acordo entre Estados Unidos e China segue remota.

Enquanto isso, as bolsas da Ásia encerraram a sessão com poucas variações, ao passo que as principais praças europeias amanheceram no vermelho. Em Nova York, o sinal positivo tenta prevalecer timidamente. Já o petróleo avança, em meio a relatos de queda nos estoques norte-americanos, enquanto o dólar mede forças em relação às moedas rivais.

Ontem, o Ibovespa fechou em alta de 0,88%, aos 97.276,19 pontos. O dólar à vista subiu 0,43%, aos R$ 4,1575. Consulte a Bula do Mercado para saber o que esperar de bolsa e dólar hoje.

Mais longe do acordo

Na Europa, a libra esterlina caía forte agora pela manhã, depois que o primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, anunciou que vai pedir à rainha Elizabeth II permissão para fechar o Parlamento até meados de outubro. Na prática, a iniciativa do premiê torna menos provável que o Brexit, a saída do Reino Unido da União Europeia, seja feito com acordo. Entenda.

Mais próximo de Marte

Teste realizado com o Starhopper, em Boca Chica, no Texas. - Imagem: SpaceX/ Divulgação

 

Saindo um pouco das preocupações terrenas, quem deve estar feliz da vida é o bilionário Elon Musk. Depois de ver sua empresa de carros elétricos, a Tesla, amargar um resultado trimestral abaixo do esperado, o americano deu mais um pequeno-grande passo rumo à colonização da Lua e de Marte. Ontem à noite, a SpaceX realizou uma bem sucedida decolagem de um protótipo de foguete que deve levar as pessoas ao espaço. Veja o vídeo da decolagem e saiba quais são os próximos passos do bilionário.

Um grande abraço e ótima quarta-feira!

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

quem disse que tá ruim?

Novatas de tecnologia na bolsa americana têm desempenho acima do S&P 500 – mesmo levando em conta Uber e Lyft

Levantamento feito por publicação americana leva em conta 13 IPOs de tecnologia deste ano nas bolsas e mostram que os papéis, juntos, valorizaram mais que o S&P 500

tensão

Drones atacam instalações de petroleira na Arábia Saudita

Reivindicado pelos rebeldes houthis que combatem a intervenção saudita no vizinho Iêmen, ataque atingiu duas refinarias da Aramco

oportunidades à vista

Brasil consegue abertura do mercado egípcio para lácteos e Bolsonaro comemora

Produtores brasileiros poderão exportar, já a partir de outubro, produtos como leite em pó e queijos para o mercado egípcio

unicórnio vai à bolsa

Startup de escritórios compartilhados WeWork reduz poderes do CEO

Prestes a estrear na bolsa, a WeWork enfrenta a preocupações de investidores por conta de seu modelo de negócio.

olha a dupla aí

Com IPO da C&A e avanço da Amazon, mercado espera aceleração de investimentos no varejo

Especialistas avaliam a oferta pública inicial de ações da rede de lojas de vestuário e a escalada da varejista fundada por Jeff Bezos

novela com o bilionário

Executivo das criptomoedas pagou US$ 4,6 milhões por almoço com Warren Buffett – mas encontro pode não acontecer

CEO da Tron, Justin Sun, venceu leilão beneficente que promove um encontro com o lendário investidor, mas história teve desdobramentos inesperados

olhos lá na frente

Mineradora tem projeto de R$ 9,1 bi com megabarragem no Norte de MG

Projeto prevê uma das maiores barragens de rejeitos do País, mas é condenado por entidades como o Movimento dos Atingidos por Barragens; empresa afirma que o modelo é seguro

o melhor do seu dinheiro

MAIS LIDAS: Uma empresa que vale zero?

Mais lida da semana, matéria conta as duras críticas de um analista quanto ao negócio da Tesla, do bilionário Elon Musk. Veja outras notícias que bombaram no Seu Dinheiro nos últimos sete dias.

agora vai?

CSN negocia retomada da ferrovia Transnordestina

Já foram investidos na obra R$ 6,2 bilhões e ainda faltam R$ 6,7 bilhões para concluir os 48% da ferrovia que restam para ser feitos

o futuro já chegou

Carros elétricos são estrelas em evento de Frankfurt

No Salão de Frankfurt, praticamente todos os estandes tem os automóveis movidos a energia elétrica ou híbridos como atrações principais

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements