Menu
2019-04-05T10:23:34+00:00
Indo pro mercado

Governo de São Paulo anuncia que fundo imobiliário do Estado sairá em março

Segundo o governador João Doria, comercialização do fundo terá início em março deste ano

18 de janeiro de 2019
17:11 - atualizado às 10:23
Governador do estado de São Paulo, João Doria
Governo paulista espera receitas de cerca de R$ 300 milhões com a venda de ativos imobiliários - Imagem: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou nesta sexta-feira, 18, três projetos de desestatização de sua gestão frente ao governo paulista. Dando início ao plano de se desvencilhar de cerca de 22 mil imóveis atualmente sem utilidade, o Estado começará a comercializar na bolsa, em março, seu primeiro fundo imobiliário. Com potencial de até R$ 1 bilhão, o primeiro fundo tem um portfólio de 264 imóveis.

Para 2019, o governo espera receitas de cerca de R$ 300 milhões com a venda desses ativos imobiliários, estimou o secretário da Fazenda do Estado, Henrique Meirelles. Os recursos levantados serão investidos nas áreas prioritárias ao governo, como saúde e educação, destacou a administração paulista.

Doria também anunciou nesta tarde que todos os tributos paulistas poderão ser pagos via cartão de crédito - projeto antecipado pela Coluna do Broadcast na semana passada.

Segundo Meirelles, o Estado está em fase final de negociação com os bancos para assegurar o recebimento "o mais rápido possível" dos recursos e também para possibilitar o parcelamento dos tributos no cartão.

Presídios

O governador lançou ainda parcerias público-privadas para operação de quatro presídios que já estão em construção no Estado. A partir de agora, toda a expansão do sistema prisional se dará via PPPs, e o governo já pretende se associar ao setor privado para construção de três novos complexos, afirmou Doria.

Os 171 presídios já existentes no Estado de São Paulo e outros 8 que estão em construção continuarão sob gestão estatal, garantiu a administração paulista.

Segundo o governo, a modelagem para as PPPs dos presídios será atualizada com experiências ouvidas de Minas Gerais e dos Estados Unidos. A ideia é lançar ao mercado um edital para consulta pública ainda em 2019 e o projeto das PPPs será integralmente concluído nos quatro anos de sua gestão, assegurou Doria.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

o novo sempre vem

Novo Mercado, nível 1 ou 2: Diga-me a governança da ação e eu te digo quais são os direitos do investidor

Segmento da B3 estabeleceu maior nível de governança entre as empresas e amenizou conflitos entre minoritários e controladores; são hoje 142 empresas no Novo Mercado

De olhos bem abertos

Dez bancos serão investigados por supostos abusos na oferta de consignado a idoso

As empresas têm dez dias para apresentar defesa e, posteriormente, se confirmados os indícios de infração, poderão ser multadas em até R$ 9,7 milhões. As notificações estão formalizadas no Diário Oficial da União (DOU) em despachos do DPDC, órgão da Secretaria Nacional do Consumidor do Ministério da Justiça e Segurança Pública

Seu Dinheiro na sua noite

E o Oscar vai para…

As histórias que mexeram com seus investimentos hoje

OUÇA O QUE BOMBOU NA SEMANA

Podcast Touros e Ursos: O FGTS no centro das discussões, os planos da Oi e os balanços dos bancos

Seu Dinheiro traz o cenário esperado para bolsa, renda fixa, imóveis, fundos imobiliários, criptomoedas e câmbio

De olho na Ásia

AB Inbev, de Jorge Paulo Lemann, vende filial australiana e quer retomar IPO na Ásia

Depois de desistir de vender uma participação de 15% em suas operações na Ásia e Austrália na semana passada, a companhia pode fazer uma nova tentativa de oferta inicial de seus negócios asiáticos para reduzir o seu endividamento

Novo negócio

BTG Pactual reforça atuação no varejo com compra de 80% da plataforma de investimento da Ourinvest

Banco manterá a Ourinvest como empresa independente do BTG Pactual digital, plataforma de investimentos voltada para o público de varejo

Balanço surpreendente

Sabe quem é a bola da vez no mercado americano? A boa e velha Microsoft

A Microsoft reportou resultados trimestrais fortes e, com isso, suas ações atingiram uma nova máxima histórica. E analistas veem mais espaço para as ações da empresa fundada por Bill Gates continuarem subindo

Com pouco apetite para consumir

Intenção de consumo das famílias recua 1,7% em julho, na 5ª queda consecutiva

“O consumidor segue cauteloso, condicionado pelo nível de endividamento e pelo mercado de trabalho, em que o desemprego vai se mostrando persistente”, avalia o presidente da CNC, José Roberto Tadros em nota

Vish!

Decisão de Toffoli pode travar 6 mil inquéritos e ações contra facções e tráfico

Entre janeiro de 2014 e junho de 2019, o Conselho de Controle de Atividades Financeiras, braço do Ministério da Economia, produziu 1.586 Relatórios de Inteligência Financeira (RIFs) sobre organizações, inclusive as que controlam presídios

promessa

Usando tecnologia e patriotismo, vamos prestar serviços para o Estado, diz novo presidente do BNDES

Segundo Gustava Montezano, a ideia é assessorar governos a fazerem privatizações, concessões ao setor privado e reestruturações financeiras. 

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements