Menu
2019-10-29T11:53:15+00:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
De olho nele

Crise cambial e eleições na Argentina fazem número de negociações do bitcoin crescer no país

Criptomoeda teve a segunda maior disparada no ano em termos de volume de negociações, às vésperas das eleições na Argentina

28 de outubro de 2019
16:49 - atualizado às 11:53
Ouro e bitcoin
Imagem: Shutterstock

Não é de hoje que a Argentina arrisca passos mais tímidos de tango por conta das incertezas que assolam o país. Diante de um ambiente mais temeroso, muitos investidores tem ido atrás do bitcoin para buscar formas alternativas ao dólar e ao próprio peso argentino.

Tal fato pode ser visto no volume de negociações da criptomoeda. Desde maio deste ano, a média do volume diário de negociações de bitcoin na Argentina foi de 12.239.400, segundo dados fornecidos pelo site Coin.Dance. Apenas para fins de comparação, a média diária de negociações do ano passado foi de 4.869.845.

E esse volume ficou mais intenso ainda às vésperas das eleições argentinas e que levaram à vitória da chapa Alberto Fernández e Cristina Kirchner. Na ocasião, houve a segunda maior disparada no ano em termos de volume de negociações diárias do criptoativo, que chegou aos 14.151.046 no último sábado (26).

A razão para a alta é simples e costuma ocorrer todas as vezes em que há crises. Quem explica é Safiri Felix, diretor executivo da Associação Brasileira de Criptoeconomia (ABCripto).

Segundo ele, houve um aumento no volume de negociações também durante a crise bancária no Chile e também com o acirramento da guerra comercial entre Estados Unidos e China.

Outro fator bastante único da economia argentina é que parte dela é bastante dolarizada. E diante da restrição de compra de dólares acima de US$ 200 por pessoa por mês que passou a valor hoje (28), a busca por bitcoins deve aumentar ainda mais no curto prazo, de acordo com o especialista.

"O bitcoin é cada vez mais visto como um ativo que possui baixa correlação com os demais ativos financeiros e que costuma se favorecer nos momentos de crise global, como um ativo "antifrágil."

Faz peso, mas há mais fatores envolvidos

Mas ainda que os argentinos tenham uma comunidade bastante forte de criptomoedas em termos de desenvolvedores e de entusiastas, o aumento no volume de negociações na Argentina não deve fazer preço sozinho.

Felix destaca que a crise cambial deve afetar mais em termos de expectativa do mercado, porém o que deve ajudar a fazer mais preço são alguns acontecimentos recentes mais favoráveis à valorização da moeda.

"Na semana passada, tivemos a declaração do presidente chinês, Xi Jinping [que disse que o país deve liderar o desenvolvimento do blockchain como uma tecnologia central de inovação], além do que venceram os contratos futuros de bitcoin em Chicago, o que ajudou na valorização do ativo", disse o diretor executivo.

Depois de bater quase os US$ 7.500 na última quinta-feira (24), a criptomoeda se recuperou e terminou o domingo (27) cotada em US$ 9.551, segundo informações do site CoinMarketCap.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

Novidades à vista

Bolsonaro anuncia a aliados saída do PSL e que trabalhará para criar novo partido

A deputada Bia Kicis (PSL-DF) disse esperar que Bolsonaro presida o novo partido. Segundo ela, a primeira convenção da sigla será realizada em 21 de novembro. Ainda de acordo com ela, o senador Flávio Bolsonaro (PSL-RJ) sairá de imediato do partido.

Seu Dinheiro na sua noite

Um buraco na estrada do céu

Uma súbita perda de altitude, seguida por uma forte turbulência, me pegou durante um voo com a família para a Europa, em 2015. Eu já havia passado por instabilidades do tipo antes, mas essa foi a primeira sem o aviso prévio do piloto. Éramos 20 pessoas entre adultos e crianças que partiam para celebrar as […]

Depois do fracasso

Área não arrematada no leilão de petróleo e gás deverá ser apreciada pelo PPI

De acordo com o governo, os parâmetros de bônus de assinatura e de lucro-óleo deverão ser revistos para baixo

Novidades

Fundação de Bill Gates e esposa estão de olho em projeto que cria metal que flutua

A iniciativa da Universidade de Rochester envolve o desenvolvimento de uma estrutura que pode ser utilizada para construir navios ou cidades flutuantes. As informações são da Business Insider

Relação mais que abalada

Trump volta a atacar Fed e diz que BC americano coloca EUA em desvantagem competitiva

Trump voltou a dizer que o Fed, que reduziu a taxa dos Fed funds três vezes neste ano, foi “muito lento” ao cortar juros

Tema mais do que esperado

CAE do Senado aprova projeto de autonomia do Banco Central

Relatório, do senador Telmário Mota (PROS-RR), confere a chamada autonomia formal ao BC, para execução de suas atividades

Comércio

Trump: Acordo com China está próximo, mas só aceitamos se for bom para os EUA

Presidente Donald Trump disse que não culpa a China pelas trapaças no comércio internacional, mas sim seus antecessores que não fizeram nada

Já que não vale PEC...

Alcolumbre levanta possibilidade de Assembleia Constituinte para discutir prisão em 2ª instância

Parlamentares pressionam o presidente do Senado a pautar uma Proposta de Emenda à Constituição autorizando a prisão após segundo julgamento

caso na justiça

Santander ganha causa no TST contra analista demitida por texto contrário a Dilma

Em junho de 2014, a funcionária do banco foi responsável por um documento divulgado a um grupo de clientes que afirmava que a reeleição da então presidente seria negativa para os mercados

Projeção do Fausto

Se passar dos R$ 4,20, dólar pode ir a R$ 5

Neste vídeo, o analista gráfico faz projeções para Ibovespa, S&P 500, dólar, ouro e petróleo, além de falar de 16 ações para ficar de olho

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements