Menu
2019-10-29T18:20:05+00:00
Em alta

Crédito imobiliário soma R$ 7,59 bilhões em setembro

Resultado, o mais elevado desde maio de 2015, é 13,2% maior que o de agosto e 54,5% maior que o de setembro de 2018

29 de outubro de 2019
18:20
Imagem mostra pontos que formam saco de dinheiro
Imagem: Shutterstock

A Associação Brasileira das Entidades de Crédito Imobiliário e Poupança (Abecip) divulgou os dados de financiamento de imóveis com recursos da poupança no mês de setembro. O volume chegou a R$ 7,59 bilhões, maior valor mensal desde maio de 2015. O valor é 13,2% maior que o de agosto e 54,5% maior que o de setembro de 2018.

No acumulado deste ano, já foram aplicados R$ 54,7 bilhões no financiamento para aquisição e construção de imóveis, segundo a Abecip, crescimento de 34,1% na comparação com o ano passado. Em 12 meses, o valor chega a R$ 71,3%, alta de 39% na comparação com o período anterior.

Em setembro, foram financiados 27,2 mil imóveis, 3% a mais que em agosto e 31,5% acima do número de setembro de 2018. De acordo com a Abecip, foi o melhor resultado mensal desde setembro de 2015, e o melhor de 2019. No acumulado desde o início do ano, são 207,7 mil imóveis financiados, alta de 28,1%.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

A captação da poupança em setembro ficou positiva em R$ 8,09 bilhões, mas o resultado acumulado no ano ainda é negativo em R$ 3,09 bilhões.

Em relação ao ranking de bancos, a Caixa aparece em primeiro no ano, com R$ 17,178 bilhões, seguido de Bradesco, com R$ 13,28 bilhões, Itaú Unibanco, com R$ 11,562 bilhões, e Santander, com R$ 8,721 bilhões.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

no boletim focus

Mercado financeiro eleva estimativa de inflação de 3,21% para 3,33%

Expectativa registrada no Boletim Focus, do BC, continua sendo que a Selic encerre 2019 em 4,50% ao ano e que o PIB cresça 0,92%

novidade nos ares

Embraer anuncia acordo com Boeing para promover C-390 Millennium

Em 2009, a FAB contratou a Embraer para projetar, desenvolver e fabricar a aeronave, em substituição à sua frota de C-130

olho nas taxas

Apesar de corte no juro, cheque especial ainda é opção mais cara

Taxa do produto na Caixa está em cerca de 79,3% ao ano; juros médios do crédito não consignado da instituição eram de 45,3% ao ano na última semana de outubro

Come to Brazil

Reformas empolgam investidor local, mas estrangeiro resiste a voltar à B3

Em meados de agosto, o acumulado superou as perdas no mesmo período de 2008, ano da crise econômica global. Em outubro, o saldo foi pior do que no mesmo mês de 2018, período eleitoral: R$ 8,4 milhões no vermelho ante R$ 6,2 milhões de um ano atrás.

a dona do pedaço

Marfrig compra 31% da National Beef por US$ 860 milhões

A companhia já detinha 51% da americana e passa agora a ter 81,73%; não haverá alteração na atual administração da National Beef

dinheiro na mão

Receita paga nesta segunda-feira as restituições do 6º lote do Imposto de Renda 2019

Lote contempla também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2018; crédito bancário atende a 1,3 milhão de contribuintes

Prós e contras

Vale a pena optar pelo saque aniversário do FGTS?

Nova modalidade permite ao trabalhador ter acesso a uma parte dos recursos do fundo de garantia ainda que não se enquadre em outros pré-requisitos, mas é preciso abrir mão de sacar o fundo em caso de demissão sem justa causa

Nova modalidade

Você já pode optar pelo saque aniversário do FGTS; confira as regras atualizadas

Opção de saque de parte do FGTS anualmente já pode ser feita desde outubro e não é obrigatória; também não há prazo

A Bula do Mercado

Mercado tem ajuste positivo na volta do feriado

Recorde triplo em Nova York, em meio à otimismo com negociações comerciais entre EUA e China, contrata ajuste positivo no mercado doméstico

A Bula do Mercado

A Bula da Semana: Os sinais da economia

Varejo e serviços no Brasil crescem acima do esperado em setembro, sinalizando expansão mais forte do PIB no 3T19

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements