Menu
2019-07-26T13:43:23+00:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
na expectativa

Congresso não deve aumentar valor de saque do FGTS, diz Bolsonaro

Apesar disso, o presidente não descarta mudanças na MP que regula o assunto; ele ponderou que os congressistas terão que avaliar o impacto de eventuais alterações na construção de casas populares

26 de julho de 2019
13:35 - atualizado às 13:43
25/07/2019 Solenidade de entrega de medalhas da Olimpíada Inter
(Manaus - AM, 25/07/2019) Presidente da República Jair Bolsonaro. - Imagem: Isac Nóbrega/PR

O presidente Jair Bolsonaro não descarta que parlamentares façam mudanças na Medida Provisória (MP) que libera saques de até R$ 500 de contas ativas e inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS). Mas disse que dificilmente isso acontecerá.

"O Parlamento sabe muito bem, acho difícil eles (parlamentares) tomarem medida nesse sentido (de mudarem), mas têm todo o direito de tomar", disse o presidente a jornalistas na saída do Alvorada nesta sexta-feira, 26.

Bolsonaro falou que os congressistas terão que avaliar o impacto de eventuais alterações na construção de casas populares. A MP tem vigor imediato após a publicação, mas precisa ser confirmada por deputados e senadores em até 120 dias.

82%

Bolsonaro disse que o governo buscou atender 82% das pessoas cujo o saldo na conta do FGTS é abaixo de R$ 500. "Alguns falam que eu atendi interesse de construtoras. Não, eu atendi interesse do povo não majorando isso", afirmou.

A projeção do governo é que os saques do FGTS e também do PIS-Pasep (cujo calendário de liberação começa em agosto) injetem R$ 42 bilhões na economia até 2020.

Hoje, há cerca de 260 milhões de contas ativas e inativas no FGTS. Desse total, cerca de 211 milhões (80%) têm saldo de até R$ 500. Segundo o governo, 96 milhões de brasileiros serão beneficiados.

Na MP, o governo criou ainda uma nova batizada de saque aniversário. Essa opção só começa a valer a partir no próximo ano. Ela permite ao trabalhador retirar uma parte do FGTS, mas em troca é preciso abrir mão de resgatar o fundo na totalidade caso seja demitido sem justa causa.

Fique na sua

Ontem, Bolsonaro disse que quem está reclamando do valor que será liberado para o saque do FGTS deveria "ficar na sua". O presidente alegou que o recurso pode ser usado por muita gente para pagar dívidas.

"Tem muita gente reclamando que é só R$ 500, mas vou deixar bem claro: as condições para o saque do FGTS são 15 atualmente e colocamos uma 16ª, que é opcional", disse.

"Não precisa reclamar. Quem está reclamando é só ficar na sua, fica em casa, sem problemas. Para muita gente, R$ 500 faz falta, sai até da lista do SPC e outras", disse na transmissão semanal que realiza em sua página do Facebook.

*Com Estadão Conteúdo 

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

nasce uma gigante?

Anatel discute fusão de AT&T e Time Warner após lobby de Eduardo Bolsonaro

Fusão é defendida pelo presidente americano Donald Trump; filho do presidente iniciou o movimento a favor do negócio depois de ter sido indicado informalmente para a Embaixada nos EUA

saindo do atoleiro

Aviação executiva começa a dar sinais de recuperação após a crise

Executivos de empresas que chegaram a vender menos de cinco aeronaves nos piores anos de recessão afirmam que os seis primeiros meses de 2019 já foram melhores do que todo 2018

dinheiro que entra

Arrecadação em julho soma R$ 137,735 bilhões, diz Receita

Valor arrecadado foi o melhor desempenho para meses de julho desde 2011; resultado veio dentro do intervalo de expectativas de especialistas

olho nos números

Prévia da inflação de agosto tem menor taxa para o mês desde 2010

IPCA-15 variou 0,08%; no ano, o índice acumula alta de 2,51% e, em 12 meses, de 3,22%, informa o IBGE

atenção

Confiança do consumidor sobe em agosto, mas ainda há cautela, diz FGV

Índice de Confiança do Consumidor subiu 1,1 ponto no mês em comparação a julho, chegando a 89,2 pontos

segue a tensão

China promete novamente contramedidas em reação a tarifas dos EUA

Segundo o porta-voz, apesar da decisão do presidente americano, Donald Trump, de adiar algumas das cobranças, as tarifas violaram um consenso entre as potências

Títulos públicos

Veja os preços e as taxas do Tesouro Direto nesta quinta-feira

Confira os preços e taxas de todos os títulos públicos disponíveis para compra e resgate

Prudência

Cautela no exterior faz Ibovespa operar em queda; dólar sobe a R$ 4,05

O Ibovespa aparece no campo negativo e volta ao patamar dos 100 mil pontos, pressionado pelo tom de maior precaução que toma conta dos ativos globais

Câmbio

BC vende US$ 550 milhões em leilão à vista de dólar

Com venda integral do lote ofertado, não teremos, hoje, o leilão de swap tradicional. Mercado trocou swap por dólar de verdade

no documento

BCE discutiu pacote de estímulos monetários em reunião de julho, mostra ata

Banco Central Europeu também considerou examinar formas de fortalecer sua orientação futura (“forward guidance”) paras os juros

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements