Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-07-30T10:36:07+00:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

Bom para o meu cabelo e para o seu dinheiro

Veja os destaques do Seu Dinheiro nesta manhã

30 de julho de 2019
10:36
O Melhor do Seu Dinheiro
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Como você vê na fotinho ao lado, sou adepta dos cachos. É bem verdade que agora estou ruiva e preciso atualizar essa foto aí, mas quem me conhece há anos sabe que sempre mantive as ondas na cabeça mesmo quando todo mundo fazia chapinha. Não critico quem alisou. Antigamente você quase não encontrava produtos para cabelo cacheado no supermercado. O que tinha nas prateleiras eram simples variações de “normal, oleoso ou ressecado”. Naquela época domar os cachos era quase uma missão impossível. Frequentemente o tratamento dava errado e você saia de casa com uma “juba de leão” na cabeça.

O mercado começou a mudar lá no fim dos anos 90. Lembro claramente do lançamento de uma linha para cabelo cacheados da Seda, amplamente divulgada com um comercial embalado pela música do Roberto Carlos “Debaixo dos Caracóis dos Seus Cabelos”. Foi a primeira de muitas. Hoje você encontra opções para todos os bolsos e gostos no supermercado. Nada como a concorrência para estimular a inovação e a queda de preços. Meus cachos agradecem…

O que aconteceu com os xampus lá atrás está ocorrendo agora com o setor financeiro. E isso é uma ótima notícia para você. As fintechs e os bancos digitais estão chegando no mercado com inovações e custos menores. É bem verdade que tem muita firula, como cartão colorido, que até agrada um certo público descolado. Mas o que importa mesmo é a simplificação dos serviços e a redução de custos que essas novidades trazem. E, claro, a pressão que fazem nos grandes bancos, que tendem a melhorar seus serviços para não perder clientes.

Estamos de olho aqui no Seu Dinheiro para te apresentar o que vem pela frente. O Vinícius Pinheiro conversou com o Eduardo Prota, executivo responsável pelo N26 no Brasil, um banco digital que vem sendo chamado de “Nubank alemão”. Ele conta os planos desse banco novo e o que acha que pode ser fundamental para conquistar a preferência dos brasileiros na batalha dos bancos digitais que se forma.

A Bula do Mercado: no aguardo dos BCs

Os investidores seguem de olho no que pode acontecer com a política monetária do Brasil e dos Estados Unidos. A expectativa é que as quedas nas taxas de juros finalmente se concretizem. Será que o Federal Reserve cederá à pressão de Donald Trump e cortará mais de 0,25 ponto percentual? Tanto o Copom quanto o Fed divulgam amanhã suas resoluções, mas a cautela deve ditar o tom dos mercados hoje.

Enquanto os bancos centrais decidem, a temporada de balanços e as negociações entre China e EUA continuam mexendo com a cabeça dos investidores. Na Ásia, os mercados mostraram otimismo e quase todas as bolsas fecharam em alta. Em Nova York, os índices futuros amanheceram no vermelho, refletindo também no mercado europeu.

Ontem, o Ibovespa fechou com alta de 0,65%, aos 103.482,63 pontos. O dólar subiu 0,28%, para R$ 3,7831. Consulte a Bula do Mercado para saber o que esperar de bolsa e dólar hoje.

De olho nos balanços

A temporada de balanços segue firme. Ontem à noite saíram os números de Itaú, Multiplan e Beyond Meat. Você também pode acompanhar um compilado com os resultados divulgados ao longo do dia neste link.

Itaú Unibanco: o bancão “pintou o sete” - R$ 7 bilhões de lucro, uma alta de 10% na comparação com o mesmo período do ano passado. Com isso, manteve por mais um trimestre a posição de banco mais rentável entre os grandes do varejo, com retorno sobre o patrimônio de 23,5%. O crédito, no entanto, segue patinando. O Itaú aumentou em 12,3% as despesas para cobrir os custos com crédito, como as provisões para calotes, e ainda anunciou um programa de desligamento voluntário (PDV).

Beyond Meat: é o primeiro balanço divulgado pela companhia que produz hambúrguer vegano desde que estreou na bolsa de Nova York. A empresa, que se valorizou mais de 780% em três meses, divulgou um prejuízo de US$ 9,4 milhões no segundo trimestre, por conta da alta dos custos. Ela ainda informou que fará uma oferta subsequente de 3,25 milhões de papéis. As ações caem no pré-mercado de Nova York.

Encomenda a fusão

O mercado de entregas anda quente por aqui, com a atuação de empresas como iFood e Rappi. Mas hoje o que chama atenção é uma grande negociação na Europa. Você já ouviu falar da Takeaway.com? Pois é, a empresa holandesa acertou a compra da dinamarquesa Just Eat, por U$ 10 bilhões. A fusão deve criar uma das maiores plataformas online de entrega de alimentos do mundo. Saiba mais.

Ninguém sai

Os saques liberados do FGTS ainda nem começaram, mas já movimentam os corredores da Caixa Econômica Federal. Para atender a demanda extra de atendimento, o banco estatal vai ter de adiar parte dos desligamentos previstos no seu programa de demissão voluntária (PDV). Segundo o Estadão de hoje, alguns funcionários estão buscando até aconselhamento jurídico sobre o tema. Confira.

Primeiro os cabelos…

Eu me importo bastante com o meu cabelo, como você deve ter percebido. Bolsonaro também… Alegando falta de tempo, o presidente cancelou a reunião que teria na tarde de ontem com o ministro de Negócios Estrangeiros da França, Jean-Yves Le Drian. Mas conseguiu encaixar na sua agenda um espaço para cortar o cabelo. Enquanto recebia o barbeiro, Bolsonaro fez uma live no Facebook. Na ocasião, falou de Le Drian e deu novas declarações envolvendo o presidente da OAB. Saiba mais.

Agenda

Índices 
- FGV divulga IGP-M de julho
- França publica resultado de seu PIB no 2º trimestre
- Estados Unidos divulgam dados semanais de petróleo
- NBS divulga PMI da China de julho

Balanços 2º trimestre
- No Brasil: CSN, Lojas Renner, Smiles e TIM
- No exterior: Apple, ConocoPhillips, Mastercard, Pfizer, P&G, Sony e Samsung
- Teleconferências: Itaú Unibanco

Bancos Centrais
- Copom inicia reunião de política monetária
- Fed inicia reunião de dois dias sobre juros
- Japão anuncia decisão de política monetária

Política 
- Estados Unidos e China fazem novas negociações sobre comércio entre os países

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Seu Dinheiro no domingo

Liberais não fazem pacotes

Dentro de mais alguns dias conheceremos o Produto Interno Bruto (PIB) do segundo trimestre. O resultado será magro e há quem fale em recessão técnica. Na sequência veremos uma nova onda de críticas e demandas na linha: “o governo tem quem fazer alguma coisa! Tem que impulsionar a demanda! Esse BC está errado!”. Sinto desapontar […]

Trilhando caminhos

Jovens precisam ter resiliência e iniciativa, dizem executivos sobre ser um novo empresário

Executivos falam sobre os comportamentos que um jovem ingressante numa grande empresa deve ter para trilhar um caminho profissional de sucesso

Crise partidária

Pedro Simon, ex-governador do RS: ‘existe o risco de o MDB desaparecer’

Em entrevista ao Estadão, o filiado ao MDB desde 1965 diz que seu partido precisa fazer uma “profunda reflexão”

Barrado na embaixada?

Consultoria do Senado diz que indicação de Eduardo Bolsonaro configura nepotismo e senadores se articulam para rejeitar seu nome

Parecer foi embasado no entendimento da Súmula Vinculante nº 13, do Supremo Tribunal Federal, que trata sobre nepotismo

Analisando a situação dos hermanos

Crise Argentina, feitiço do tempo

Os grandes desafios econômicos de Maurício Macri também parecem reimpressões de velhos e bem conhecidos problemas argentinos

O HOMEM MAIS RICO

Jeff Bezos: paciência para esperar o lucro da Amazon fez o maior bilionário do mundo

Como o empresário transformou uma pequena livraria online em uma das maiores varejistas do mundo e desbancou Bill Gates da lista da Forbes com uma fortuna estimada em US$ 148 bilhões.

Demissão anunciada

Ministro da Fazenda da Argentina renuncia ao cargo e traz novas turbulências ao mercado internacional

Anúncio foi feito por meio de uma carta enviada a Mauricio Macri em que Nicolás Dujóvne justifica a necessidade de uma renovação na área econômica

Bandeira branca no radar?

EUA devem estender licença da chinesa Huawei para atender clientes do país

Movimento dos EUA pode ser visto como positivo para o fim da guerra comercial com a China já que a companhia foi um dos focos de tensões entre os gigantes

Governador de Minas

‘Governo entra em pautas minúsculas’, avalia Romeu Zema

Em entrevista, governador de MG nega que esteja sendo “tutelado” pelo partido Novo e avaliou que o presidente Jair Bolsonaro deveria “focar em coisas maiores, grandiosas”

Corrida contra o tempo

Tarifa de importação do Mercosul pode cair já em 2020

Com receio de que o grupo político da ex-presidente da Argentina Cristina Kirchner volte ao poder, o governo brasileiro tem pressa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements