Menu
2019-11-19T07:44:56-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
mudança na agenda?

Bolsonaro põe reforma administrativa em ‘banho-maria’

Presidente disse aos ministros que quer “espancar ao máximo” o projeto da reforma administrativa para evitar “ruído de ideias”

19 de novembro de 2019
7:44
23/10/2019 Coletiva à Imprensa no Hotel Imperial, Tóquio/Japã
(Tóquio - Japão, 23/10/2019) Presidente da República, Jair Bolsonaro conversa com a Imprensa. - Imagem: José Dias/PR

O presidente Jair Bolsonaro decidiu colocar em "banho-maria" a reforma administrativa que estava prevista para ser enviada ao Congresso nos próximos dias.

Contrariando a expectativa do ministro da Economia, Paulo Guedes, e da equipe econômica, que queria "aproveitar a onda" da aprovação da reforma da Previdência com deputados e senadores com "perfil reformista", Bolsonaro avisou a todos que a sua avaliação é de que este "não é o momento ideal" para encaminhar a proposta que reformula o RH do Estado, dando sinalização de que ela pode ficar para 2020.

Bolsonaro disse aos ministros que quer "espancar ao máximo" o projeto da reforma administrativa para evitar "ruído de ideias". A prática do "espancamento de projetos" era adotada pela ex-presidente Dilma Rousseff para verificar se cada um dos itens apresentados pelos ministros "ficava de pé".

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter

Desde cedo, ao sair do Palácio da Alvorada, o presidente Bolsonaro declarou que a reforma administrativa "está no forno", mas não confirmou se a proposta ainda seria enviada neste ano ao Congresso. "Para que tanta pressa?", questionou o presidente, sem prever nova data. Ao chegar de volta ao Alvorada, residência oficial, depois do expediente, o presidente disse que a reforma "será a mais suave possível".

A ideia da equipe econômica é alterar as regras sobre a estabilidade de futuros servidores e reduzir os salários iniciais. Para Guedes, seria importante enviar o texto neste momento para "surfar" na onda do "Congresso reformista" e levar adiante as mudanças consideradas fundamentais para controlar os gastos obrigatórios com a folha.

Quando questionado sobre a proposta por jornalistas, depois de uma coletiva no Palácio do Planalto, Guedes disse que a reforma administrativa "não sai tão cedo".

Bolsonaro já prometeu mandar o texto ao Legislativo na semana retrasada e passada, mas nesta segunda-feira, 18, disse que o texto "vai aparecer aí, mas vai demorar um pouco". Como o jornal O Estado de S. Paulo noticiou, a elite do funcionalismo público, composta por carreiras do Ministério Público, Banco Central, Receita Federal, entre outras, trabalha para barrar a iniciativa do Executivo.

O presidente disse ainda que "é lógico" que aguarda o melhor cenário para liberar o texto. "Tenho de mandar para lá para ter menos atrito possível. É só isso." Até 2022, fim do governo Jair Bolsonaro, cerca de 26% dos funcionários públicos vão se aposentar. Esse quadro é considerado, para a equipe econômica, uma janela de oportunidade para emplacar as mudanças.

De acordo com um ministro ouvido pelo jornal O Estado de S. Paulo, "o feeling político" do presidente aponta que "não é a hora" de encaminhar a proposta, apesar da pressão da equipe econômica. "Temos mais três anos pela frente", comentou o ministro, ao citar que essa reforma "vai incomodar muito" e dar argumento para a oposição. Por isso, Bolsonaro insiste em dizer que está fazendo o "cálculo político" do momento mais oportuno para o envio da proposta.

Uma das preocupações do governo é que tem de ficar claro e bater na tecla de que as mudanças só acontecerão para os futuros servidores para que não entrem em desvantagem na "batalha da comunicação".

*Com informações do jornal O Estado de S. Paulo e Estadão Conteúdo 

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

MUDANÇAS À VISTA?

Concessionária de Viracopos ‘sinaliza’ com processo de devolução, diz ministro

No fim de novembro, a Aeroportos Brasil, administradora de Viracopos, protocolou na Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) as considerações finais do processo de caducidade (extinção) do terminal de Campinas

Leilões

Governo projeta até 44 leilões para 2020, incluindo a rodovia presidente Dutra

Em 2019, segundo o ministro, o governo realizou 27 licitações. Foram 13 terminais portuários, um trecho da Ferrovia Norte-Sul, as rodovias BR-364 e 365 e 12 aeroportos

O Ibovespa e o eu do futuro

A Helena, minha filha de nove anos, e os amigos da escola decidiram escrever uma carta para o “eu do futuro” como trabalho de final de ano – hoje é o último dia de aula. Eu nunca tive esse tipo de atividade quando criança, mas já pensei várias vezes em como seria fazer algo do […]

Pelos poderes de Grayskull

Com corte na Selic e alívio na guerra comercial, o Ibovespa teve a força nessa semana

Sinalizações amigáveis do BC em relação à taxa de juros, visão positiva da agência de risco S&P quanto ao Brasil e acordo comercial entre EUA e China: eis os superpoderes do Ibovespa nesta semana

ENERGIA

Eletrobras e Ande fecham acordo sobre divisão de energia de Itaipu

Ainda de acordo com a nota, agora será possível a formalização dos contratos entre a entidade binacional e as empresas compradoras

OUÇA O QUE BOMBOU NA SEMANA

Podcast Touros e Ursos: Mais um corte na Selic. Será o último?

Os repórteres do Seu Dinheiro comentam o novo corte de 0,5 ponto na Selic e discutem os próximos passos do BC em relação à taxa de juros

Ação sobe forte

Investidor vê descoberta de fraude contábil na Via Varejo como parte da “faxina” da nova gestão

Apesar do prejuízo que pode chegar a R$ 1,4 bilhão no balanço do quarto trimestre, as ações da companhia (VVAR3) registram forte alta hoje na bolsa

Última forma

Agora que o governo voltou atrás, saque aniversário do FGTS ficou mais vantajoso

Há mais ou menos um mês eu publiquei aqui no Seu Dinheiro uma matéria sobre em quais situações o saque aniversário do FGTS valeria a pena. Trata-se de uma nova modalidade de saque do fundo de garantia em que o trabalhador pode escolher receber uma parte dos seus recursos depositados no fundo uma vez por […]

IPO À VISTA

Bahia pretende abrir capital da Embasa em 2020 e arrecadar de R$ 4 bi a R$ 5 bi

Segundo ele, o tema já está sendo discutido com bancos nacionais e internacionais, como Banco do Brasil, Caixa e Santander

enfim uma trégua

China e EUA fecham ‘fase 1’ de acordo comercial

País presidido por Trump deve retirar tarifas sobre produtos chineses em fases; novas tarifas previstas para entrar em vigor no dia 15 não mais serão levadas adiante

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements