Menu
2019-04-04T14:01:21+00:00
Fernando Pivetti
Fernando Pivetti
Jornalista formado pela Universidade de São Paulo (USP). Foi repórter setorista de Banco Central no Poder360, em Brasília, redator no site EXAME e colaborou com o blog de investimentos Arena do Pavini.
Política monetária

A faxina geral da Argentina com as novas políticas do Banco Central

Novo presidente do BC, Guido Sandleris, anunciou que vai abandonar o regime de metas de inflação e apresentou uma alternativa

26 de setembro de 2018
19:31 - atualizado às 14:01
Peso argentino
Nova política monetária também buscará restringir o valor da moeda local - Imagem: Shutterstock

O novo presidente do Banco Central da Argentina chegou com o pé na porta e promete causar mudanças significativas na política monetária dos hermanos. Guido Sandleris tomou posse como chefe do BC ontem e já nesta quarta-feira, 26, anunciou novas medidas para reduzir a inflação do país.

Sandleris enterrou o regime de metas de inflação que vinha sendo adotado até o momento e lançará medidas conhecidas como "âncora nominal". Na prática, o BC vai deixar de ter uma meta para a inflação e passará a lidar apenas com o objetivo de reduzi-la. A medida entrará em vigor em 1º de outubro.

Dentro desse processo, o banco também vai deixar de intervir no câmbio argentino quando o dólar estiver cotado entre 34 e 44 pesos argentinos. A ação do BC por meio de leilões de dólares só voltará se o peso for negociado acima dos 44 dólares.

Além do novo regime, a política monetária também buscará restringir o valor da moeda local com o objetivo de determinar quais serão os preços do país e estabilizar a inflação.

Mais dinheiro no caixa

Mais cedo, foi a vez do ministro da Economia, Nicolás Dujovne, e da diretora-gerente do FMI, Christine Lagarde, anunciarem novas ações para recuperar a economia argentina. Além dos US$ 50 bilhões que estavam prometidos pelo fundo, a equipe econômica de Macri terá mais US$ 7 bilhões extras para recuperar suas situação fiscal.

Somente neste ano, o FMI vai emprestar US$ 13,4 bilhões à Argentina, ante US$ 6 bilhões previstos anteriormente. Para 2019, o valor repassado será de US$ 22,8 bilhões.

Dujovne também falou sobre o câmbio livre, reafirmando a política de não-intervenção na cotação do peso argentino que foi anunciada pelo BC, salvo em momentos de grandes oscilações.

*Com agências de notícias.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

A Política como ela é

Coaf de volta à Economia é derrota auto imposta pelo Congresso, não é derrota do Bolsonaro

Resultado apertado em votação na Câmara dos Deputados inflama redes sociais e deve engrossar manifestações do dia 26

Será que vem mudança?

Bolsonaro quer mecanismo para reavaliar patrimônio declarado no IR

Temática do projeto seria a reavaliação de patrimônios que “normalmente são declarados com valores históricos”

Agora passou!

Senado aprova MP que abre setor aéreo a capital estrangeiro

Senadores mantiverem o conteúdo como saiu da Câmara, retomando a franquia gratuita de bagagem

Foi por pouco

Câmara aprova texto base da MP da reforma administrativa

Votação de modificações como a volta do Conselho de Controle de Atividades Financeiras (Coaf) para o Ministério da Economia será feita separadamente

E vai adiando...

Maia assina prorrogação de envio de emendas para reforma da Previdência

Prazo de envio das emendas já havia sido postergada, mas dependia de um ato oficial do presidente da Casa

Crypto News

Falsatoshi ataca novamente

Piada da vez com Craig Wright foi ele dar entrada no pedido de direitos autorais do código original do Bitcoin e de seu white paper

Seu Dinheiro na sua noite

15 anos esta noite

Um dos grandes marcos do mercado de capitais brasileiro está para completar 15 anos. Trata-se da oferta de ações da empresa de cosméticos Natura. A abertura de capital aconteceu no dia 26 de maio de 2004 na antiga Bovespa – bem antes da fusão com a BM&F e da mudança de nome para B3. Desde […]

Estatal fará follow on

Petrobras bate o martelo: irá reduzir sua fatia na BR Distribuidora para menos de 50%

A Petrobras irá diminuir sua participação na BR Distribuidora por meio de uma oferta pública secundária de ações (follow on), mas a fatia exata a ser vendida ainda não foi definida

Investimento mais que bem-vindo

Fiat Chrysler vai investir R$ 500 milhões em nova fábrica de motores em Betim (MG)

Nova linha será instalada ao lado do prédio onde já funciona a fábrica de motores aspirados e pode gerar 1,2 mil empregos

Cedendo à pressão

Governo diz que vai apoiar reforma tributária do Congresso

Secretário da Receita Federal disse que o Executivo irá opinar sobre as medidas em “momento oportuno” na Comissão Especial

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements