Menu
Marina Gazzoni
O melhor do Seu Dinheiro
Marina Gazzoni
2019-09-25T10:24:32+00:00
Tudo que vai mexer com seu dinheiro hoje

8 ações para vender…

25 de setembro de 2019
10:24
O Melhor do Seu Dinheiro
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Estamos em um daqueles momentos em que não há consenso sobre o que esperar para a economia global (ou seria a falta de consenso um padrão?). Veja o caso da economia americana: há quem enxergue os Estados Unidos a caminho de uma recessão e o urso na porta de Wall Street. Mas também há quem pense que tudo isso é um exagero. O Fed ainda tem bala na agulha e vai segurar as pontas na terra do Tio Sam. Será?

Eu também tenho minhas dúvidas sobre isso. Antes de chegar a uma conclusão, estou ouvindo todo mundo, sem preconceitos ou pré-conceitos. Tenho acompanhado o que falam os gestores de fundos, economistas-chefes, CEOs de grandes empresas e também os analistas técnicos.

O Fausto Botelho, colunista do Seu Dinheiro e um dos maiores especialistas em análise técnica do país, está acompanhando esse assunto. No seu último vídeo na coluna De Olho do Gráfico, ele vê o S&P 500 no caminho para baixo e um risco potencial de o mundo perder um terço da sua riqueza. Caramba!

E tem mais: se os Estados Unidos mergulharem no bear market isso pode mexer com o Ibovespa e com demais ativos. No vídeo de hoje, o Fausto avalia os rumos do S&P 500, do Ibovespa, do dólar, do ouro, do petróleo e ainda recomenda oito ações para vender. Sugiro fortemente que você assista e depois avalie se esse trade é para você.
Se você quiser se aprofundar e aprender a encontrar por conta própria as oportunidades nos diferentes mercados, o Seu Dinheiro está oferecendo um curso inédito com o Fausto. Ele vai ensinar o método que utiliza há 42 anos e que tenho certeza que pode te levar a outro patamar como investidor. Se quiser dar esse passo, sugiro que você se cadastre logo, pois a oferta em condições promocionais só vale para 97 leitores. Veja o vídeo com os detalhes da oferta:

 

Desce mais, desce mais um pouquinho?

Já que resolvi abrir o baú de dúvidas dos mercados, lá vai mais uma resposta para uma “pergunta que não quer calar”. Até onde o Banco Central vai cortar os juros? Ô se há controvérsias…

Essa questão é muito importante para quem investe no Tesouro Direto. No início do ano, as taxas do mercado estavam altas e quem comprou títulos públicos prefixados ou atrelados à inflação ganhou uma bolada com a sua valorização.

Para Marco Aurelio Freire, sócio da gestora de fundos Kinea, controlada pelo Itaú, os juros ainda vão cair mais e ficar lá embaixo por um bom tempo. Se ele estiver certo, há uma oportunidade aí para lucrar mais no Tesouro Direto. Em entrevista exclusiva ao Vinícius Pinheiro, Freire falou em quais títulos aposta suas fichas.

Azedou por aqui...

O clima azedou nos mercados. Por aqui, o discurso realizado ontem na Assembleia Geral da ONU pelo presidente Jair Bolsonaro continua repercutindo. A expectativa era de que o presidente conseguisse melhorar a imagem do Brasil no exterior após as polêmicas recentes, mas a fala voltada ao público interno e com viés ideológico estragou o humor dos investidores.

O adiamento da votação do parecer da reforma da Previdência na CCJ do Senado, que estava previsto para esta quarta-feira, também pesa nos mercados. Ontem, o Ibovespa fechou o pregão com queda de 0,73%, aos 103.875,66 pontos. O dólar encerrou o dia com baixa de 0,05%, a R$ 4,1692. Consulte a Bula do Mercado para saber o que esperar de bolsa e dólar hoje.

...e também lá fora

O clima pesado nos Estados Unidos também deve ajudar a puxar os mercados para baixo. Ontem, a presidente da Câmara dos Representantes dos EUA abriu um processo de impeachment contra o presidente americano, Donald Trump. O republicano é acusado de ter pressionado o presidente da Ucrânia a abrir um processo contra o filho do pré-candidato democrata à presidência, Joe Biden, em troca de ajuda econômica ao país.O Victor Aguiar traz todos os os detalhes nesta matéria.

Baque no governo

Em Brasília, o Congresso impôs mais uma derrota ao governo. Em sessão conjunta, o Senado e a Câmara derrubaram 18 vetos de Bolsonaro ao projeto de lei de abuso de autoridade - aquele que endurece a punição a juízes, promotores e policiais. Com a decisão, agentes públicos - incluindo juízes e procuradores - poderão ser punidos criminalmente por diversas condutas, incluindo algumas práticas da Lava Jato. Entenda melhor o assunto e veja todos os vetos que foram derrubados pelos parlamentares.

Mais um tijolinho

A Eztec definiu o preço por ação da sua oferta subsequente - o valor chega a R$ 978 milhões. Com os recursos, a empresa quer comprar terrenos para novas incorporações e aumentar sua participação em novos projetos. Saiba aqui o valor da ação definido pela Eztec.

Agenda

Indicadores 
- Governo divulga Caged de agosto
- Banco Central divulga resultados de operações de crédito em agosto e dados semanais sobre o fluxo cambial
- Argentina divulga resultado de sua balança comercial em agosto
- Estados Unidos publicam dados semanais sobre o mercado de petróleo

Política
- Assembleia Geral da ONU continua com discurso de líderes mundiais
- Ministro da Fazenda da Argentina, Hernán Lacunza, e o presidente do BC do país, Guido Sandleris, fazem segundo dia de reuniões com representantes do FMI

 

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Cadastre-se agora em nossa newsletter
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

De olho na economia

Armínio Fraga vê ‘obscurantismo’ e ambiente ‘envenenado’ como entraves à economia

Fraga destacou que o Brasil nunca investiu tão pouco na sua história e que para destravar o investimento será preciso dar mais clareza em áreas que vão além da econômica, como “temas de natureza distributiva”

Novidades à vista?

Petrobras negocia potencial consórcio para leilão de pré-sal, diz presidente

Muitas das maiores petroleiras do mundo, entre elas ExxonMobil, Royal Dutch Shell e BP, além da própria Petrobras, estão registradas para participar da disputa, marcada para 6 de novembro

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

As duas faces do dólar

No filme “As duas faces de um crime”, o eterno canastrão Richard Gere faz o advogado oportunista que defende um jovem acusado de assassinato. A coisa complica quando ele descobre que o garoto interpretado por Edward Norton sofre de múltiplas personalidades. Eu me lembro do filme toda vez que tento encontrar alguma explicação para o […]

Na gringa

Campos Neto: O que foi prometido está sendo entregue

Em encontros no exterior, presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, passa a mensagem de que existe um plano de reinvenção do país com dinheiro privado

OUÇA O QUE BOMBOU NA SEMANA

Podcast Touros e Ursos: O cabo de guerra no PSL

Repórteres do Seu Dinheiro trazem em podcast semanal um panorama sobre tudo o que movimentou os seus investimentos nesta semana

Situação delicada

Papéis da Boeing caem 7% em NY com notícia de que companhia pode ter “enganado” FAA

De acordo com o periódico, o piloto Mark Forkner teria reclamado que o sistema conhecido como MCAS, na sigla em inglês, o teria deixado em apuros dois anos antes dos acidentes que tiraram a vida de várias pessoas

Boas novas

Ações da Eletrobras sobem após MME dizer que pode encaminhar PL sobre privatização da empresa até início de novembro

De , a proposta do governo federal para a privatização da Eletrobras ainda é a capitalização, com a diluição da participação da União na holding elétrica

nos eua

Reservas são vistas como seguro e não se fala em mudar isso, diz presidente do BC

Campos Neto mencionou que o que se lê sobre os altos custos para se manter as reservas internacionais no Brasil “não é a realidade” e que nos últimos 15 anos, os custos se igualaram às receitas

no velho continente

Há ‘sinais leves’ de supervalorização dos mercados, diz presidente do Banco Central Europeu

Draghi destaca ainda que o setor financeiro não bancário da zona do euro continua tomando risco, mas pontua que a resiliência do setor bancário permanece “sólida”

entrevista

‘Huck vai deixar de ser celebridade e ser líder?’, questiona FHC

Ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) assiste com ceticismo as articulações do apresentador global

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements