Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2021-09-14T12:57:37-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Novas condições de mercado

Com fim de monopólio do refino, Petrobras flexibiliza contratos com distribuidoras

Apesar das alterações contratuais, não há mudança na política de preços da companhia

10 de setembro de 2021
9:56 - atualizado às 12:57
Petrobras
Imagem: Divulgação

A Petrobras anunciou hoje a aprovação de novos modelos de contrato para a venda de gasolina tipo A e de óleo diesel rodoviário e marítimo para as distribuidoras de combustíveis.

A proposta de flexibilização dos contratos com as distribuidoras ocorre na esteira dos desinvestimentos promovidos pela Petrobras no setor de refino com o objetivo de pôr fim ao monopólio da estatal no setor.

No fim de agosto, a Petrobras vendeu a Refinaria Isaac Sabbá (REMAN) ao Grupo Atem por US$ 189,5 milhões. O contrato de compra e venda da refinaria situada no Amazonas foi o segundo assinado pela petroleira entre oito cujos trâmites estão em andamento.

Diante da perspectiva do fim de seu monopólio no setor de refino, a empresa informa que a alteração visa a “simplificar alguns processos, aumentar a competitividade e trazer flexibilidade para a Petrobras na adoção de novas estratégias comerciais”.

Ainda segundo a Petrobras, as alterações contratuais baseiam-se no feedback dos clientes e na experiência durante a vigência dos atuais contratos e não envolvem nenhuma espécie de mudança na política de preços da empresa, que se mantém atrelada às oscilações dos preços internacionais do petróleo.

“No cenário atual do mercado, caracterizado pela entrada de produto importado por terceiros e pelo processo de desinvestimento de ativos de refino, torna-se necessário promover aperfeiçoamentos em algumas cláusulas comerciais e operacionais”, argumenta a Petrobras no comunicado.

Os novos contratos ainda precisam ser homologados pela Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Exile on Wall Street

O que faz as empresas falharem? Conheça as cinco “assassinas silenciosas” que podem impactar nos seus investimentos

O verdadeiro início da derrocada de uma empresa não pode ser devidamente noticiado pelas finanças ou pelas operações, mas somente dentro do núcleo de cultura corporativa

CAPTAÇÕES BILIONÁRIAS

Localiza, Unidas e Movida vão a mercado em busca de R$ 5 bilhões com emissões de debêntures

Locadoras de veículos se recuperaram rapidamente da crise da covid-19 e buscam recompor o caixa em meio à escassez de componentes no setor automotivo

De olho no dragão

Ministério da Economia eleva expectativa para inflação em 2021; veja qual a nova projeção

A pasta também atualizou as estimativas para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor, utilizado para a correção do salário mínimo

MERCADOS HOJE

Com precatórios e queda do minério de ferro no radar, Ibovespa opera em queda de 1%; dólar avança

Em Brasília, os investidores acompanham de perto as discussões em torno do pagamento dos precatórios e repercutem mais uma queda expressiva do minério de ferro

Logística

MSC quer comprar controle da Log-In (LOGN3), que tem a gestora Alaska como maior acionista; papéis disparam

A proposta da MSC Mediterranean equivale a R$ 25 por ação LOGN3 e pode chegar a R$ 1,8 bilhão; Alaska e Tarpon estão entre os principais acionistas da empresa

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies