Menu
Ruy Hungria
Sextou com o Ruy
Ruy Hungria
É formado em Física e especialista em bolsa e opções na Empiricus
2021-05-20T13:25:51-03:00
SEXTOU COM RUY

Como se aproveitar de uma falha grotesca do mercado para se expor a ganhos assimétricos

Guarde essa dica para sempre: o momento de comprar seguro é justamente quando ninguém está preocupado. É por esse motivo que faz sentido colocar um pouquinho de dinheiro em puts (opções de venda)

7 de maio de 2021
5:59 - atualizado às 13:25
cisne negro entre cisnes brancos e moedas
Imagem: Shutterstock

Imagine que você decidisse a roupa com a qual iria sair de casa para trabalhar de acordo com o clima do dia anterior. 

Se no dia anterior o céu estava azul e fazia um calor exorbitante em sua cidade, você nem se preocupa com a previsão de tempo chuvoso no jornal nem com aquela enorme nuvem cinza que está vendo pela janela: coloca logo uma roupa leve, passa um protetor solar, deixa o guarda-chuva bem guardado dentro do armário e parte para o trabalho. 

Por outro lado, se o dia anterior foi de chuva forte, você nem liga para o sol de rachar e os mais de 30ºC lá fora: só sai de casa depois de vestir a galocha e ter certeza que está levando um guarda-chuva com você.

Essa parece uma estratégia sensata pra você?

Por mais absurdo que pareça, muitos financistas acham que essa é, sim, uma ótima ideia.

Futuro é igual ao passado? 

Acredite se quiser, o modelo mais utilizado para calcular o preço justo de opções foi baseado justamente nessa premissa: de que o passado pode, sim, servir como um guia fiel do que está prestes a acontecer no futuro. 

Isso quer dizer que, de acordo com os modelos de precificação de opções, se o mercado apresentou um comportamento rebelde na última semana, essa situação continuará assim na semana seguinte e as opções deveriam custar mais caro, já que o risco é maior. 

Por outro lado, se a bolsa está calminha, sem grandes movimentos e com poucas novidades, o modelo espelha essa calmaria para o futuro e julga que as opções deveriam custar pouco, já que o risco neste caso é menor. 

O mercado prefere o mapa errado

Eu nem preciso dizer que esse tipo de modelo costuma levar muitos investidores a erros gigantescos, não é?

Aliás, foi com base nesse tipo de julgamento que a Long Term Capital Management quebrou e quase levou o mundo inteiro a uma crise financeira no final dos anos 90.

Mesmo assim, isso não impede que a maioria dos traders siga esse modelo capenga cegamente na hora de negociar opções. Ao contrário do que recomenda Nassim Taleb, muita gente ainda prefere ter um mapa errado do que não ter mapa algum.

O que nós podemos fazer é entender esse erro de julgamento do mercado e utilizar isso a nosso favor. 

Se fevereiro foi calmo, então março também será

Em fevereiro de 2020, antes da pandemia, o Ibovespa estava numa calmaria danada. O índice nas máximas e a volatilidade bem abaixo da média induziu os traders de opções a acreditar que a calmaria dos meses anteriores era um ótimo indício de que as coisas permaneceriam assim nos meses seguintes, o que os levou a vender opções por preços bem baratos. 

Nem preciso dizer que eles estavam errados — muito errados. Quando os lockdowns começaram a acontecer, o preço das opções começou a disparar e eles tiveram que assumir prejuízos enormes. 

Por outro lado, quem se aproveitou desse erro de julgamento para comprar opções baratinhas em fevereiro, quando tudo ainda estava calmo, acabou ganhando muito dinheiro com a disparada da volatilidade nas semanas seguintes. 

Cerca de um ano depois do início da pandemia, a Bolsa brasileira está de volta às máximas, o plano de vacinação está caminhando relativamente bem e o mercado, crente de que a calmaria passada é sinônimo de que as coisas permanecerão tranquilas no futuro, voltou a cobrar bem pouco pelas opções. 

Isso quer dizer que alguma coisa inesperada vai acontecer e fazer o preço das opções disparar?

Não temos como saber!

O que sabemos é que o potencial de retorno de quem compra opções aumentou significativamente nos últimos dias. Esse é o tipo de assimetria que eu gosto!

Apostas assimétricas com baixo capital investido

É por esse motivo que, neste momento, faz sentido colocar um pouquinho de dinheiro em puts (opções de venda). Pouco dinheiro mesmo! Coisa de 0,1% ou 0,2% do seu patrimônio em BOVAR101, por exemplo. Importante: tem que ser uma grana que você topa perder.

Se nada de ruim acontecer e o mercado continuar subindo, ótimo, você perdeu o pequeno valor investido nas puts mas seu investimento em ações (espero que você tenha pelo menos 40% do seu patrimônio investido nelas) mais do que compensou essa pequena perda. 

Por outro lado, se algum evento inesperado acontecer e voltar a fazer o mercado chacoalhar, essas opções estão em níveis tão baixos que podem se multiplicar com certa facilidade e trazer um grande lucro para você.

É se aproveitando dessa ineficiência dos modelos que o Flash Trader conseguiu construir um histórico bastante lucrativo desde a sua criação, especialmente quando surgem esses eventos impactantes em momentos totalmente inesperados:

Se você quiser se aprofundar no tema, todas as semanas eu sugiro cerca de quatro opções para aqueles que têm disposição de colocar apenas uma fração do portfólio em apostas altamente assimétricas.

Caso tenha interesse, deixo aqui o convite

E guarde essa dica para sempre: o momento de comprar seguro é justamente quando ninguém está preocupado. 

Um grande abraço e até a próxima!

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

atenção, acionista

Carrefour paga R$ 175 milhões em juros sobre capital próprio e altera valor de dividendos

Cifra equivale a R$ 0,088148225 por ação em circulação; também anunciou uma modificação do valor por ação dos dividendos aprovados em abril, de R$ 0,382372952 para R$ 0,382361396

maior apetite por risco

Empresas do Brasil captam US$ 4,6 bilhões; montante deve aumentar com ofertas de Stone e Light

Emissores brasileiros haviam paralisado planos de captar no exterior nos últimos meses, em meio à turbulência interna com a pandemia e o aumento do juro norte-americano

em meio ao aumento de consumo de frango

SuperFrango, de Goiás, retomará IPO de R$ 1 bilhão

Após resolver adiar a operação, a empresa fará uma apresentação mais cuidadosa de seu negócio aos analistas; oferta é estimada entre R$ 1 bilhão e R$ 1,5 bilhão

levantamento

Estatais descumprem critérios do marco do saneamento

GO Associados calculou que as companhias públicas do Rio Grande do Norte, Santa Catarina, Alagoas, Maranhão, Amazonas, Pará, Piauí, Roraima, Rondônia e Amapá não atendem a todos os critérios da “etapa 1” do decreto – que prevê o cumprimento de índices mínimos dos indicadores econômicos-financeiros

questionamentos em brasília

Novo marco de saneamento é alvo de ofensiva no Supremo e no Congresso

No Supremo, mais de 20 empresas estatais que prestam hoje serviços no setor querem a volta da possibilidade de fechar os chamados “contratos de programa”, diretamente com as Prefeituras e sem licitação

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies