Rumo ao milhão (ou mais)
Maria Clara Sandrini
Formada em Ciências Contábeis pela Universidade de São Paulo, é analista de investimentos da Empiricus.
2021-09-27T09:52:56-03:00
ESPECIAL DE ANIVERSÁRIO

Onde investir para os próximos 3 anos: 3 indicações para chegar, com consistência, ao primeiro milhão

E não se esqueça: é essencial começar o quanto antes, fazer aportes constantes e diversificar os investimentos

26 de setembro de 2021
7:15 - atualizado às 9:52
Bolo visto de cima com o número 3 nele e as palavras renda fixa, ações, fundos imobiliários, bitcoin, CDB, fundos, debêntures, dólar, Tesouro Direto, tecnologia, ESG e SD ao seu lado direito
Especial SD - 3 investimentos para os próximos 3 anos - Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock/Ruth Black

Nesta semana temática em que o Seu Dinheiro completa três anos de existência, resolvi também entrar no clima comemorativo.

Confesso que sou do time que ama aniversários, e sempre arranjo algumas desculpas para estender comemorações, mas a verdade é que uma trajetória tão bem sucedida como a deste portal realmente merece ser homenageada.

Por isso, preparei uma coluna especial.

3 indicações para chegar ao primeiro milhão

Num paralelo com os três anos de vida do SD, hoje trarei três indicações práticas de investimentos para aqueles que buscam atingir um patrimônio milionário.

Aqui, como em todas as nossas outras conversas, volto a frisar a importância dos aportes constantes, da paciência ao longo do processo e da simples iniciativa de começar o quanto antes.

Sair de R$ 100 mil para R$ 1 milhão é um processo que demanda uma multiplicação de dez vezes do capital investido.

Sair do primeiro para o segundo milhão é uma multiplicação de apenas uma vez.

Antes de continuar e ver as minhas 3 indicações, vale lembrar que o Seu Dinheiro apresentou no Instagram também as três ações mais promissoras para os próximos três anos na visão do analista Ruy Hungria, também colunista do site. Dentre elas está o único conglomerado de infraestrutura brasileiro, a Cosan (CSAN3).

Confira abaixo e aproveite para nos seguir no Instagram (basta clicar aqui). Lá entregamos aos leitores análises de investimentos, notícias relevantes para o seu patrimônio, oportunidades de compra na bolsa, insights sobre carreira, empreendedorismo e muito mais.

Por isso, tenha pressa

Abaixo, trago um exemplo para ilustrar essa dinâmica. Partindo de um aporte de R$ 100 mil, e assumindo um rendimento de apenas 6% ao ano, sem nenhum valor poupado no meio caminho, veja o tamanho da oportunidade perdida ao se esperar dez anos para começar a investir.

Sim, para que os juros compostos façam a sua parte, é preciso que você inicie a sua trajetória o quanto antes.

E, como parte importante de um portfólio se dá pela diversificação, hoje aproveito para trazer três indicações de investimentos em diferentes classes de ativos, sendo a primeira delas atrelada à renda fixa.


Este texto faz parte de uma série especial de aniversário do Seu Dinheiro sobre três investimentos para os próximos três anos. Eis a lista dos convidados:


1 - Tesouro Prefixado

A recente escalada dos juros naturalmente se reflete na ponta longa da curva de títulos prefixados.

Dinâmica que já nos confere taxas atrativas de dois dígitos para investimentos, tanto para o acúmulo de riqueza (Tesouro Prefixado 2026) quanto para geração de renda (Tesouro Prefixado com juros semestrais 2031).

Fonte: Tesouro Direto

Apesar do patamar atrativo, devemos entender que, num cenário repleto de incertezas, com eleições à frente, a volatilidade deve se fazer mais presente, empurrando as taxas pré para cima.

Ainda assim, o nível corrente já se apresenta como boa estratégia para um início de aportes constantes.

Do lado das ações, minha indicação recai sobre uma empresa ligada à reabertura econômica.

2 - Iguatemi (IGTA3)

Sendo o setor de shopping centers um dos mais impactados pela pandemia do coronavírus, ao considerarmos um horizonte dilatado de tempo, com a recuperação da normalidade, enxergo uma grande oportunidade de entrada nos papéis de Iguatemi.

Desde a sua máxima histórica aos R$ 55 por ação, atingida em janeiro de 2020, os papéis se desvalorizaram em cerca de 40%.

Fonte: Koyfin

Com a vacinação avançando em ritmo acelerado, em termos de resultado corporativo, as perspectivas para o quarto trimestre do ano e, principalmente, para 2022 são mais favoráveis do que nunca.

Para finalizarmos, claro, precisamos entender que a caminhada para o acúmulo de patrimônio nunca é simples e linear como o primeiro gráfico apresentado. 

Por isso, como comentei ao final de agosto, alocações estruturais em dólar devem fazer parte de uma carteira de investimentos diversificada — assim como de um patrimônio milionário de longo prazo.

3 - Dólar

Nesse sentido, uma exposição de, no mínimo, 2,5% do total de seus investimentos deve estar atrelada à moeda estrangeira.

Como os fundos de investimento são a maneira mais prática e menos burocrática para montar uma posição do tipo, deixo algumas sugestões de fundos cambiais a seguir.

Lembre-se, a melhor hora para começar e montar sua carteira de ações, fundos imobiliários, ETFs, dólar, previdência privada e assim por diante é sempre agora. 

Um abraço,

Maria Clara

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

CRIPTO INSTITUCIONAL

Real digital vem aí! Banco Central prepara versão virtual da moeda brasileira para 2022

A instituição lançou um laboratório para estudar as possibilidades de uso e de execução de projetos com a versão virtual da moeda brasileira

Clube do Livro

Para ter sucesso nos investimentos, é preciso fugir das armadilhas da mente – É o que mostra o livro “A arte de pensar claramente”, de Rolf Dobelli

Compreender como o nosso cérebro funciona no processo de tomada de decisões é essencial para ter mais assertividade na vida financeira e nos investimentos.

Trilhas de Carreira

O que os cursos sobre liderança profissional não contam para você

Já vi e participei de muitas capacitações, mas poucas me transformaram genuinamente. Isso me faz refletir bastante sobre a essência dos líderes, e observo que há um padrão bem recorrente

PLANEJAMENTO FINANCEIRO

Reserva de emergência é para todo mundo? Não segundo este planejador financeiro; entenda

Separar uma quantia para imprevistos não importa a sua situação é uma recomendação quase unânime entre os planejadores financeiros, mas esse profissional acredita no contrário

EMISSÃO DE AÇÕES

Marisa (AMAR3) vai aumentar o capital social — o que isso significa para os acionistas?

A varejista de moda emitirá até 81 milhões ações a R$ 3,08 cada, um desconto de cerca de 17,5% em relação ao fechamento dos papéis ontem.