Menu
2021-04-14T08:06:35-03:00
Renan Sousa
É repórter do Seu Dinheiro. Cursa jornalismo na Universidade de São Paulo (ECA-USP) e já passou pela Editora Globo
Esquenta dos Mercados

Bolsa deve ficar de olho em Livro Bege e balanço de bancos no exterior; CPI da Covid pode atrapalhar

Em dia cheio, investidor deve se esquivar de todas as notícias ruins – e algumas podem ser bem difíceis de ignorar

14 de abril de 2021
8:03 - atualizado às 8:06
Professional,Box,Match,.,Mixed,Media

Soa o gongo para o embate entre dois boxeadores. De um lado, Brasília, com seu noticiário conturbado, entre CPI, Orçamento e PEC “fura-teto”. Do outro, o Ibovespa, que fará de tudo para se manter de pé até o final do dia. No córner, ao lado do índice brasileiro, estão os balanços dos grandes bancos no exterior, tentando manter nosso herói animado.

Esse é o cenário que o investidor brasileiro encontra na manhã desta quarta-feira (14).

O início da temporada de balanços dos grandes bancos deve movimentar Nova York, cujos futuros apontam para um dia de ganhos. Mas a divulgação do Livro Bege, com dados da economia dos EUA pode trazer um fortificante para as bolsas pelo mundo. Se os números apontarem para uma retomada mais consistente da economia, os índices mundiais devem reagir positivamente. Caso contrário, o nocaute pode vir. 

Por outro lado, o Senado brasileiro aceitou o pedido de instauração da CPI da Covid, que terá como foco a atuação do governo federal no combate à pandemia de covid-19 e a omissão no caos da falta de oxigênio no Amazonas. E ainda de olho no Orçamento, a PEC “fura-teto”, que veio como uma alternativa para resolver o impasse da peça orçamentária para 2021, deve ser vista como um soco no estômago do investidor. 

Ponha suas luvas, faça um aquecimento, e fique por dentro dos principais destaques para o dia de hoje:

Fechamento

O Ibovespa fechou o segundo dia de altas, encerrando o pregão com ganhos de 0,41%, aos 119.297 pontos. Os títulos do tesouro também recuaram, o que fez as moedas emergentes se valorizarem frente ao dólar, fazendo a moeda americana à vista fechar em recuo de 0,08%, a R$ 5,717.

CPI da Covid

O presidente do Senado federal, Rodrigo Pacheco (DEM-MG) autorizou a formação do colegiado que investigará ações do governo federal contra a covid-19, chamada de CPI da Covid. 

O requerimento, editado pelo senador Randolfe Rodrigues (Rede-AP), pretende “apurar as ações e omissões do governo federal no enfrentamento da pandemia da Covid-19 no Brasil e, em especial, no agravamento da crise sanitária no Amazonas com a ausência de oxigênio para os pacientes internados” nos primeiros meses de 2021.

O presidente da República, Jair Bolsonaro, pretendia incluir estados e municípios nas investigações, que foram incluídos na proposta, mas apenas as verbas destinadas pelo governo central aos demais entes federativos. 

Ainda é preciso que a medida seja publicada no Diário Oficial para que os trabalhos possam começar. Outro impasse é referente À maneira em que se dará a CPI: se de maneira presencial ou remota. 

PEC fura teto

Tentando resolver outro impasse, a peça orçamentária pode ganhar uma Proposta de Emenda à Constituição para chamar de sua. A ideia de uma PEC teria vindo do próprio ministro da Economia, Paulo Guedes, que foi chamado de “liberal de Taubaté” pelo Centrão, por propor uma emenda que extrapola o teto de gastos, tão defendido pela ala liberal. 

A ideia principal seria abrir caminho para as emendas parlamentares que eventualmente possam extrapolar o teto instaurado pelo Orçamento, que precisa da sanção presidencial para ser aprovado. Enquanto a equipe econômica afirma que Bolsonaro deva retirar alguns pontos por abrirem espaço para pedaladas fiscais, o Congresso pressiona pela aprovação do Orçamento integralmente. 

No lado gringo da força

Hoje é um dia especialmente importante para a economia dos Estados Unidos, com o início da temporada de balanços dos grandes bancos e a divulgação do Livro Bege, que trará dados da economia americana. Somando a isso, o presidente do Federal Reserve (Fed, o Banco Central americano), Jerome Powell, deve comentar os resultados, mas manter a política de estímulos monetários.

Os dados da inflação americana de ontem vieram levemente acima do esperado, mas não chegaram a afetar o bom humor dos investidores. Diferentemente do Brasil, onde a disparada da inflação fez o BC elevar a Selic mais rápido do que o esperado, Powell afirmou que não pretende uma alta da taxa de juros para este ano. 

Além disso, o pacote de estímulos do presidente americano, Joe Biden, segue em debate. O aumento de impostos para empresas é mal visto pelos investidores, apesar de parte dos esperados US$ 2 trilhões irem para o setor de desenvolvimento em novas tecnologias. 

Bolsas pelo mundo

Os principais índices da Ásia fecharam em alta na manhã desta quarta-feira (14), impulsionados por empresas chinesas de internet, que se comprometeram a cumprir leis antitruste. 

Na mesma direção, as bolsas europeias subiam majoritariamente durante a manhã, de olho no balanço dos grandes bancos americanos e nas falas dos dirigentes do Fed sobre os resultados da economia norte-americana. 

Agenda do dia

Confira os principais eventos e indicadores econômicos para o dia de hoje:

  • Banco Central: Roberto Campos Neto, presidente do BC, participa de webinar promovido pela embaixada da Índia (11h)
  • FGV: Indicador Antecedente Composto da Economia Brasileira (IACE) de março e Indicador Coincidente Composto da Economia Brasileira (ICCE) serão divulgados (12h)
  • EUA: Presidente do Fed, Jerome Powell, participa de evento do Clube Econômico de Washington (13h)
  • STF: Plenário julga liminar de Luís Roberto Barroso sobre abertura da CPI do Senado (14h)
  • EUA: Divulgação do Livro Bege (15h)

Empresas

  • Wells Fargo divulga seu balanço nos EUA (antes da abertura da bolsa brasileira)
  • JPMorgan Chase divulga seu balanço nos EUA (8h)
  • Goldman Sachs divulga seu balanço nos EUA (8h30)
  • Dois vice-presidentes do Banco do Brasil, Carlos André e Mauro Neto, deixam os cargos
  • Luciana Casasanta renuncia ao cargo de conselheira da Eletrobras
  • Marfrig e Minerva suspenderam abates em algumas unidades após disparada de preços da arroba bovina
  • A Gol informou ao mercado que a média de voos diários caiu 31%
Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

Rapidinhas da semana

BLINK: Itaúsa, B2W, Eletrobras e mais recomendações rápidas

Felipe Miranda, sócio-fundador e CIO da Empiricus, fala sobre Alpargatas, Eletrobras, Itaúsa, Lojas Americanas e muito mais no Blink

Reserva de emergência

Jeff Bezos, o homem mais rico do mundo, vende ações da Amazon e põe US$ 5 bi na conta

O bilionário Jeff Bezos vendeu cerca de 1,5 milhão de ações da Amazon nos últimos dias e pode vender outros 500 mil papéis em breve

Reduzindo a participação

CSN começa a se desfazer de suas ações da Usiminas

Aproveitando o bom momento do setor siderúrgico na bolsa, a CSN vendeu mais de 50 milhões de ações preferenciais da Usiminas

O melhor do Seu Dinheiro

A limonada da bolsa e do dólar, as ações mais indicadas do mês e outros destaques da semana

A semana que passou tinha tudo para ser bem azeda para os investidores. No cardápio de notícias dos últimos dias tivemos: A alta da taxa básica de juros e a sinalização de que novos ajustes vêm por aí; Muito barulho político com a CPI da Covid; O projeto da reforma tributária de volta à estaca […]

Seu Dinheiro na sua noite

O grande respiro do câmbio e mais…

“Ih, vai ser uma semana daquelas”, pensei eu na segunda-feira, ao olhar a agenda de eventos previstos para os dias seguintes. Teríamos decisão do Copom e relatório de empregos nos EUA — e isso sem contar os inúmeros balanços corporativos. Em semanas assim, eu gosto de traçar alguns cenários na minha cabeça: se o BC […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies