Menu
Ricardo Mioto
Ricardo Mioto
CONTEÚDO PATROCINADO POR Empiricus

Quando o melhor fundo do Brasil é uma merda

3 de fevereiro de 2020
11:17 - atualizado às 11:18
Banrisul
Imagem: Divulgação

Hoje vai ser uma coluna divertida: vamos falar mal de um site concorrente e contar uma história de fracasso alheio.

No começo de 2019, um famoso portal de investimentos ligado a uma grande corretora fez sua premiação dos melhores fundos do ano anterior.

O líder do ranking de melhor fundo de ações era do Rio Grande do Sul e tinha conseguido a extraordinária rentabilidade de 62,6% em 2018, impressionantes 47 pontos percentuais acima do Ibovespa e 16 acima do segundo colocado. Um show.

Tal site enaltecia e recomendava os vitoriosos: “gestores experientes conseguiram entregar retornos substanciais”, dizia o texto, “surfando na ponta certa dos principais ativos”, o que quer que isso signifique.

A notícia teve um impacto imenso no fundo de ações campeão: ele dobrou de patrimônio e de cotistas no começo de 2019. Todo mundo quer colocar dinheiro no melhor.

Foi uma das piores decisões de investimento que essas pessoas podiam ter tomado.

No ano seguinte, 2019, o tal fundo campeão perdeu feio do Ibovespa: nove pontos percentuais a menos, um ano para esquecer.

Mas, meu Deus, como podem os dias de glória virar dias de dor tão rápido? O que deu tão errado?

Simples: o fundo é muito concentrado. Seu carro-chefe é há anos uma única ação: Banrisul, o banco estatal do Rio Grande do Sul. Recentemente o fundo chegou a ter mais de 75% do seu patrimônio nessa ação.

Em 2018, o Banrisul foi extraordinariamente bem. Após a ação andar de lado até outubro, disparou quando ficou claro que Eduardo Leite, um político liberal e supostamente simpático à privatização do banco, ganharia a eleição para governador.

Em 2019, porém, a cada mês ficou mais claro que o banco não seria privatizado tão cedo, frustrando o mercado e fazendo a ação encolher. O governador se concentrou na aprovação da reforma da previdência estadual e, recentemente, disse que pretende manter o banco na condição de estatal. A sorte virou e ficou ruim para o fundo. Foi a pior coisa que aconteceu no Rio Grande do Sul desde que os Engenheiros do Hawaii compuseram “Infinita Highway”.

É um absurdo completo o investidor pagar 2% de taxa de administração mais 20% de performance para ter 75% do seu dinheiro alocado em uma única ação -se você ama Banrisul, melhor comprar a ação diretamente.

Mas o problema principal nem é esse. Nem de longe.

É este: se você quiser ganhar dinheiro de verdade, precisa de informação detalhada e de qualidade sobre os ativos em que investe. Dicas superficiais como a recomendação do fundo citado só o farão perder dinheiro.

Mas como ir mais a fundo para não cometer erros grosseiros como o dessa história gaúcha?

O que eu sempre sugiro para o investidor pessoa física é que ele tenha alguém independente que faça um acompanhamento do seu processo de enriquecimento. Alguém para dizer “não, este fundo rendeu bem em 2018 mas é uma merda, foi pura sorte; ele é zero diversificado, só tem Banrisul, isso te expõe a um grande risco de acabar perdendo dinheiro muito em breve”.

Em quem confiar para ser seu senhor Miyagi dos investimentos?

Eu sugeriria que você não confiasse no gerente do banco. Ele só quer usar você para bater as suas metas de vendas, que envolvem passar adiante os produtos de maior rentabilidade para o banco, não para você.

O agente autônomo ligado a uma corretora também é suspeito. Ele recebe rebates, ou seja, comissões diferentes para cada produto que vende. Quanto pior o produto para você, em geral melhor o rebate. Se o seu agente autônomo sugerir um COE para você, recomendo que você dê um tiro… er, reclame com ele.

Ninguém que esteja oferecendo acompanhamento financeiro de graça é confiável. A não ser no caso altamente improvável de você ter achado o Mahatma Gandhi da Faria Lima, disposto a passar fome pelo patrimônio alheio, não se iluda: se você não está pagando, eles estão ganhando dinheiro de alguma forma, em geral roubando de você.

O que você precisa é de uma casa independente de pesquisa financeira, especializada em dar recomendações de investimentos sem nenhum tipo conflitos de interesse.

A maior casa do Brasil é, de longe, a Empiricus. O estrategista-chefe, Felipe Miranda, tem entregado rentabilidade com consistência há anos aos seus assinantes. Em nenhum ano desde 2014 a Carteira Empiricus, elaborada por ele, se saiu pior do que o mercado. Muito pelo contrário: desde a criação, ela rendeu 279% do CDI. Por quê?

Porque, ao contrário do citado fundo gaúcho, ela é altamente diversificada, com ações, fundos imobiliários, renda fixa, dólar, tudo que você precisa para ver seu patrimônio crescer.

Além disso, há na empresa 36 financistas de altíssima performance, muito bem remunerados, que monitoram todos os mercados do mundo 24/7 para oferecer as melhores ideias de investimentos.

A Empiricus está lançando agora o MasterPlan, que é um programa de acompanhamento de investimentos. “O MasterPlan hoje é a única atitude que um investidor vai precisar tomar na sua vida financeira de hoje em diante. Ele receberá todas as nossas instruções”, diz Felipe.

Mais do que isso: a empresa está oferecendo 20 dias de MasterPlan de presente, e sem compromisso, para os leitores do Seu Dinheiro. Se você não gostar, pode cancelar sem dar nenhuma explicação.

Como vai funcionar?

De agora até o fim de março, o mercado deve passar por um período de alta volatilidade. São tempos de coronavírus e, em 3 de março, haverá a SuperTerça, quando vários estados americanos vão votar para decidir quem será o candidato democrata à presidência dos Estados Unidos.

De modo que, nos dois primeiros meses, haverá podcasts com recomendações de investimentos três vezes por semana, às segundas, terças e sextas, com espaço para resolução de dúvidas.

Depois disso, Felipe Miranda vai recebê-lo na Empiricus em um café da manhã. O objetivo é entender os seus objetivos e permitir que você conheça toda a equipe de especialistas da casa. Vamos criar uma relação duradoura.

E o mais importante: você receberá acesso vitalício à Carteira Empiricus, onde você pode encontrar toda a nossa lista de recomendações de ativos para investir, além de análises e uma vastidão de conteúdos para se aprofundar conforme seu nível de interesse.

Sim, vitalício.

Por fim, você ganha completamente de graça um produto essencial da Empiricus à sua escolha: o Renda Imobiliária, o Melhores Ações da Bolsa, o Melhores Fundos de Investimento, qualquer um que você quiser.

A Empiricus está tão segura que isso será transformador na sua vida e no seu patrimônio que, se você não tiver lucro nominal com a Carteira Empiricus, seja nos próximos dois meses ou em um período maior, de 12 meses, a empresa vai devolver todo o dinheiro que você gastou com o MasterPlan.

Qual o valor para, após os 20 dias sem compromisso, garantir seu acesso vitalício ao MasterPlan?

Se você fosse comprar individualmente tudo que está contemplado neste pacote, pagaria R$ 15.396.

Em condição extraordinária, a Empiricus está lhe dando acesso ao MasterPlan por 12 vezes de R$ 299.

Libere aqui o seu acesso ao MasterPlan

“Essa é talvez a melhor oferta já feita pela Empiricus”, diz Felipe Miranda. “E estamos fazendo isso agora porque achamos que há uma chance inédita de ganhar dinheiro no Brasil em 2020, com a retomada do crescimento e da Bolsa. Não é nada fora do razoável imaginar o Ibovespa em 300 mil pontos em breve, e quem perder essa chance pode ter de esperar décadas até a próxima oportunidade.”

Libere aqui o seu acesso ao MasterPlan

Sobre aquele fundo do Rio Grande do Sul, preciso lhe contar que em 2020 já caiu mais 5,61%. Não vá atrás dos rankings ou dicas superficiais. Confie nos melhores especialistas para ter recomendações diversificadas e aprofundadas de investimento para multiplicar seu patrimônio. É o que eu faço.

Um abraço e boa semana!

Mioto

Conteúdo patrocinado

Só hoje: Carteira Empiricus com 65% off em promoção de Carnaval

Conheça as condições promocionais do produto de maior sucesso da publicadora de conteúdos de investimentos

CONTEÚDO PATROCINADO

660% do CDI em 2020? A melhor estratégia multimercado do Brasil conseguiu

Foram períodos desafiadores, com coronavírus, crise no Irã e outros problemas afetando o resultado das bolsas no mundo todo. Mas a carteira entregou resultados muito superiores à média.

Conteúdo patrocinado

E se você pudesse voar até 6 vezes mais alto que o Ibovespa apostando nas verdadeiras joias da bolsa?

Um dos maiores especialistas em Microcaps te mostra como pegar carona com empresas que podem ter alta valorização nos próximos anos

Conteúdo patrocinado

Não existe truque de mágica até o primeiro milhão… Mas existe um caminho mais curto

Com disciplina e seguindo uma estratégia pensada para caber no seu bolso é sim possível chegar ao primeiro milhão em menos de uma década

conteúdo patrocinado

As ações que podem estar a um passo de ‘disparar’ na bolsa brasileira

Não estamos falando em lucros de 10%, 20% ou 30% e sim de empresas com potencial de valorização superior a 1000% com gatilhos para início de alta em até 6 meses.

Conteúdo patrocinado

Quem viu isso há três anos triplicou o seu patrimônio… agora é a sua vez de tentar

Caso você não ganhe dinheiro com o método que vamos apresentar, a Empiricus irá devolver o dinheiro da sua inscrição acrescido de 10%.

Conteúdo patrocinado

Imóveis X Fundos Imobiliários: qual a forma mais inteligente de investir o seu dinheiro?

Ao contrário de um imóvel físico, você não precisa de algumas dezenas de milhares de reais e uma dívida de anos com o banco como investimento inicial. Com R$ 1.200 reais em mãos você tem a chance de entrar nesse mercado lucrando alto

CONTEÚDO PATROCINADO

Como comprar um carro top pelo preço de um popular

Você pode comprar o carro dos seus sonhos por um preço justo. Mas também pode ganhar dinheiro. Estou falando de retornos de 30%, 40% ou 50%.

Fechar
Menu