2020-04-07T09:19:30-03:00
de olho no indicador

Vendas no varejo crescem 1,2% em fevereiro, diz IBGE

Houve aumento de 4,7% na comparação com fevereiro de 2019, puxado por atividades como hipermercados, móveis e eletrodomésticos e artigos de uso pessoal

7 de abril de 2020
9:03 - atualizado às 9:19
Imagem: Shutterstock

O comércio varejista nacional cresceu (1,2%) em fevereiro, após queda de 1,4% em janeiro, segundo informou o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) nesta terça-feira (7).

Segundo o instituto, a média móvel trimestral foi de queda de 0,2%, mas houve aumento de 4,7% na comparação com fevereiro de 2019. No acumulado no ano, contra igual período do ano anterior, o avanço foi de 3,0%. Já o acumulado nos últimos 12 meses foi de 1,9%

No comércio varejista ampliado - que inclui veículos, motos, partes e peças e de material de construção - o volume de vendas aumentou 0,7% em relação a janeiro, no segundo mês consecutivo de variação positiva.

Ainda segundo o IBGE, o varejo nacional está 4,5% abaixo do ponto mais alto da série, atingido em outubro de 2014. Considerando o varejo ampliado, a distância atual para o ponto mais alto da série, alcançado em agosto de 2012, é de 7,2%.

Em relação a fevereiro de 2019, as atividades com crescimento que se destacaram foram hipermercados, supermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo (4,1%); móveis e eletrodomésticos (11,7%); outros artigos de uso pessoal e doméstico (8,7%) e artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (7,9%), ainda conforme dados do IBGE.

*Conteúdo em atualização. Mais informações em instantes.

Quer nossas melhores dicas de investimentos de graça em seu e-mail? Clique aqui e receba a nossa newsletter diariamente
Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Análise SD

Jogou a toalha? Azul (AZUL4) critica plano de recuperação da LATAM e dá a entender que não vai aumentar a proposta

A Latam pretende injetar mais de US$ 8 bi com as medidas de seu plano de recuperação judicial, cifra superior à proposta pela Azul (AZUL4)

bitcoin (BTC) hoje

Alívio com variante da covid-19 chega primeiro ao mercado de criptomoedas e bitcoin (BTC) volta aos US$ 57 mil

O mercado de criptomoedas, que não para nunca, sentiu o alívio ainda no final do sábado (27) e segue em alta hoje

Radiocash

“Esses 4 milhões de pessoas na Bolsa vieram para ficar”, diz Gustavo Cerbasi

Com 16 livros publicados e 1,5 milhão de seguidores no Instagram, o ex-professor universitário encara com cautela a fama, e rejeita alguns rótulos

Ao acionista com carinho

Ação da Petrobras (PETR4) pode render 100% só em dividendos nos próximos cinco anos

Relação ‘risco-recompensa’ é como comparar um formigueiro ao Everest, avalia o UBS

EXILE ON WALL STREET

Felipe Miranda: Preocupe-se menos com a volatilidade e mais com os fundamentos em si

O que preocupa mesmo é uma eventual perda permanente do capital, e não propriamente se tal ação ou título vai subir ou cair hoje