Menu
Vinícius Pinheiro
O melhor do Seu Dinheiro
Vinícius Pinheiro
2020-08-06T20:59:38-03:00
seu dinheiro na sua noite

Ganhos de três vezes a Selic na renda fixa

6 de agosto de 2020
20:59
O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Andrei Morais/Seu Dinheiro

Com a redução da taxa básica de juros para o patamar quase inacreditável de 2% ao ano, falar em ganhos de três vezes a Selic pode não parecer muita coisa. Mas um retorno potencial de até 6,5% ao ano no mundo da renda fixa de hoje não é nada trivial.

Nas plataformas de investimento das corretoras, o melhor que você vai encontrar são CDBs de bancos de terceira linha pagando taxas perto de 4% para 12 meses — a maioria com possibilidade de resgate só no vencimento.

A perspectiva de retorno além desse percentual vem de um dos mercados que foram mais abalados pela crise do coronavírus: o de debêntures – os títulos de dívida emitidos por empresas.

Com o temor de um calote generalizado diante da parada súbita da economia, as debêntures chegaram a registrar uma perda de 8% no fatídico mês de março. Mas desde então vêm se recuperando e já ultrapassaram o retorno do CDI no acumulado do ano.

Nos cálculos de Ulisses Nehmi, sócio da gestora Sparta, as debêntures ainda contam com uma boa gordura no rendimento para quem estiver disposto a diversificar sua carteira de renda fixa – e correr alguns riscos. Eu explico para você nesta matéria tudo o que aconteceu nesse mercado e o que esperar daqui para frente.

MERCADOS

 A queda dos juros para 2% ao ano e, principalmente, a sinalização do Banco Central para o rumo da Selic, mexeram com as apostas do mercado financeiro e deram um novo gás para a bolsa e para o dólar. Saiba os detalhes na nossa cobertura.

 A Apple já vale mais do que o Brasil. Não sou eu quem diz, não. É isso que dá para deduzir depois de o valor de mercado da empresa de tecnologia superar o PIB do país. Nesta matéria você fica sabendo dos números da gigante.

 Quer receber comentários diários em áudio da nossa equipe sobre o que movimentou os mercados? Esse é um dos benefícios dos leitores do Seu Dinheiro Premium. Você pode destravar seu acesso aqui.

ECONOMIA

 O desemprego no Brasil subiu para 13,3% no segundo trimestre, informou o IBGE. O número de pessoas ocupadas no país teve redução recorde e o comércio foi o setor mais afetado

 A Aneel aprovou o edital para realizar leilão de transmissão de energia. Serão vendidas 25 linhas de transmissão e 12 subestações. O leilão terá 11 lotes em nove Estados, com investimentos de R$ 7,3 bilhões.

 O dia dos pais não anima os empresários. Só 19% deles estão otimistas com as vendas do varejo em 2020 na quarta data mais importante para o setor. Os comerciantes apostam no e-commerce para tentar estimular as vendas.

INVESTIMENTOS

 Com a queda da taxa de juros para as mínimas históricas, o investimento que mais ganhou espaço na carteira dos brasileiros foi a… poupança! Como assim? Saiba por que a velha caderneta roubou a cena em meio à crise.

 Devemos carregar nossos ativos seguindo a máxima do resgate de Júlio César, escreve o nosso colunista Rodolfo Amstalden. Ele conta para você a estratégia que pavimentou o caminho para César se tornar o imperador romano.

Este artigo foi publicado primeiramente no "Seu Dinheiro na sua noite", a newsletter diária do Seu Dinheiro. Para receber esse conteúdo no seu e-mail, cadastre-se gratuitamente neste link.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

FALTA DE PATRIOTISMO?

O Brasil é mesmo o pior país emergente para se investir?

A Bolsa russa cai 15% no ano, a mexicana 29% e a brasileira cai impressionantes 39%, todos em dólares.

Em 2009

Carlos Bolsonaro comprou imóvel por preço 70% abaixo do fixado pela prefeitura

A prática não é ilegal, mas costuma despertar suspeitas – por possibilitar, em tese, pagamentos “por fora”, sem registros oficiais.

Em expansão

E-commerce, mercado financeiro e delivery puxam contratações de executivos

Segundo dados do LinkedIn, houve 1.269 movimentações para cargos executivos entre março e agosto, 80% delas foram para esses setores.

Judiciário

Celso de Mello antecipa saída e acelera sucessão no STF

Com saída, abre-se a primeira vaga para indicação do presidente Jair Bolsonaro.

Mais lidas

MAIS LIDAS: De bolso cheio para brigar contra todos

Na semana em que o Seu Dinheiro completou dois anos no ar, refleti sobre quanta água rolou em tão pouco tempo. Foram muitos acontecimentos relevantes para os mercados, como eleição presidencial, guerra comercial de China e Estados Unidos, aprovação da Reforma da Previdência e a chegada do coronavírus. A Julia Wiltgen levantou o ranking de […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu