Menu
2019-06-26T14:01:19-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Fica pra próxima

Joice Hasselmann admite que votação da reforma da Previdência em comissão pode ficar para a semana que vem

Líder do governo no Congresso afirmou que se a votação ficar para o dia 1º de julho não estragará o cronograma previsto para a tramitação da proposta

26 de junho de 2019
14:01
Joice Hasselmann
Joice Hasselmann - Imagem: Cleia Viana/Câmara dos Deputados

A líder do governo no Congresso, Joice Hasselmann (PSL-PR), afirmou nesta quarta-feira, 26, que, se a votação do relatório da reforma da Previdência na Comissão Especial ficar para a próxima segunda-feira, 1º de julho, isso não estragará o cronograma previsto para a tramitação da proposta. Mas a deputada ressaltou que o ideal é votá-lo até quinta-feira, 27.

"É possível votar entre hoje e amanhã, tudo depende dos acordos. Mas não vai estragar nosso calendário se tiver que ficar para segunda. Todo mundo já sabe o que está lá, o Brasil precisa da reforma. Então, para que deixar mais um fim de semana no meio do caminho para a aprovação?", disse ela.

Joice Hasselmann cobrou também maior envolvimento dos governadores, principalmente do Nordeste, no trabalho do convencimento dos deputados que ainda estão contrários à reforma. Para ela, os mandatários precisam colocar a digital e convencerem os parlamentares.

"Há um esforço conjunto para que coloquemos Estados e municípios no texto. Vai depender muito do trabalho efetivo de alguns governadores que lutaram contra a proposta até um passado recente e que ficaram de bracinhos cruzados aguardando que resolvêssemos tudo, nós Câmara. Então, os deputados que são desses Estados, especialmente do Nordeste, estão dizendo que não vão votar, pronto e acabou. Então os governadores terão que entregar esses votos. Terão que trabalhar com alguns partidos e também com a oposição", disse ela.

A deputada deu as declarações quando chegou para participar de um café da manhã com o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto. Participaram do encontro também o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), e outros 20 deputados.

*Com Estadão Conteúdo.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

Títulos públicos

Tesouro Direto tem emissão líquida recorde de R$ 1,57 bilhão em abril

Com a emissão recorde, o estoque do programa fechou abril em R$ 60,24 bilhões, um aumento de 3,1% em relação ao mês anterior (R$ 58,44 bilhões)

Em meio à pandemia

56,6 milhões de brasileiros já receberam auxílio emergencial, diz Caixa

Todos receberam o pagamento da primeira parcela do benefício, no valor total de R$ 39,9 bilhões, enquanto 44,2 milhões de brasileiros também já receberam a segunda parcela, em um total de R$ 30,9 bilhões

Em pronunciamento

Em pronunciamento, Maia faz convite à “pacificação dos espíritos”

Sem citar as crises institucionais do Executivo ou mesmo chefes de outros Poderes, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia, fez um pronunciamento nesta terça-feira

Renda imobiliária

Vitreo lança primeira carteira de fundos imobiliários e quer captar R$ 100 milhões

Após colocar em operação sua distribuidora de valores no início de maio, a Vitreo lança sua primeira carteira administrada composta de diferentes fundos imobiliários

Esperanças para o fim da crise

Conheça três dos principais estudos que buscam uma vacina contra o coronavírus – e que mexem com o mercado

Notícias do avanço de pesquisas sobre vacinas contra o coronavírus costumam impactar o mercado, que espera ansiosamente por uma solução que permita uma retomada das economias

Coronavírus na estatal

Petrobras tem 181 empregados com covid-19 e 510 recuperados, diz MME

A empresa não registra nenhum óbito entre os seus contratados, segundo o MME

De mãos dadas

Ministros militares agora negociam com o Centrão

Partiu do general reformado Augusto Heleno Ribeiro, o atual ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), na convenção do PSL que confirmou a candidatura de Jair Bolsonaro ao Planalto em julho de 2018, um dos mais duros ataques ao Centrão. Agora, andam de mãos dadas

ENERGIA

Aneel propõe empréstimo de R$ 15,4 bi a elétricas para evitar tarifaço

O financiamento visa cobrir custos gerados pela crise da covid-19 no setor elétrico e evitar um reajuste médio imediato de cerca de 12% no meio da pandemia.

em meio à crise

Governo pretende gastar R$ 44 mil com esteira ergométrica para Mourão

Justificativa para a procura é que o Palácio do Jaburu não tem aparelho “minimamente adequado” e que atenda aos “princípios da ergonomia e biomecânica”

dados do bc

Despesas de brasileiros no exterior foram as menores para abril desde 1999

Gastos de estrangeiros no País também caíram de forma dramática e somaram US$ 113 milhões em abril, o pior resultado para o mês de 1997

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements