Menu
2019-06-14T16:10:40-03:00
Nada de Estados e municípios?

Bolsonaro diz que foco da reforma da Previdência é a economia para a União

Presidente voltou a criticar a postura de governadores, que não têm ajudado a empurrar a reforma no Congresso

14 de junho de 2019
16:10
Jair Bolsonaro durante visita aos Estados Unidos
Jair Bolsonaro - Imagem: Marcos Corrêa/Presidência da República

O presidente Jair Bolsonaro afirmou nesta sexta-feira, 14, que o foco do governo é garantir no Congresso a economia para a União com a reforma da Previdência e que, se for possível incluir Estados e municípios no texto, "melhor". Segundo o presidente, se "forçar a barra" há risco de "não se aprovar nada".

"É natural ceder, mas que seja no limite curto da economia", disse Bolsonaro durante café com jornalistas no Palácio do Planalto, ao qual o jornal O Estado de S. Paulo foi convidado.

Bolsonaro voltou a criticar a postura de governadores, que não têm ajudado a empurrar a reforma no Congresso. "Tem governador que quer aprovar, mas sem voto de suas bancadas", afirmou.

Ele disse que "não acredita em contagem de votos" e que o governo segue conversando com o Congresso. "Nossa base é diferente de antigamente. Vamos pelo convencimento. A bola não está com o Executivo", comentou, referindo-se à reforma da Previdência.

Segundo o presidente, a aprovação do PLN 4, que autorizou crédito suplementar de R$ 248,9 bilhões, mostrou que o Congresso entendeu que se tratava de uma medida para atender à população.

Ele disse que, no ano que vem, "vai ter buraco também" a cobrir, embora creia que será menor. "O parlamento entendeu que não é um projeto meu, mas dos mais pobres", comentou sobre o credito suplementar.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

crise da covid

Desempenho do agronegócio tem evitado queda maior da economia, diz Campos Neto

“O contexto atual da pandemia trouxe desafios para todos”, lembrou Campos Neto, citando ainda medidas recentes tomadas pelo governo com foco no setor do agronegócio

No país do juro baixo

BTG, XP ou B3? Goldman Sachs aponta ação favorita para surfar crescimento do mercado de capitais

As três empresas estão entre as vencedoras do processo de desenvolvimento do mercado de investimentos no país. Mas a ação favorita dos analistas do banco norte-americano é a do BTG. Saiba por quê

balanço da crise

Abertura de novas empresas cai 23% no 2º trimestre, diz Boa Vista

Por setores, a pesquisa mostra que as empresas de serviços representaram 61,5% do total de novos negócios criados no segundo trimestre

Expansão recorde

PMI industrial sobe para 58,2% em julho ante 51,6 em junho, diz IHS Markit

O resultado ficou quase seis pontos acima do nível de junho, quando havia atingido 51,6, na série com ajuste sazonal

ajuste da estatal

Petrobras reduz preço de gás para distribuidoras em 48% em dólar e 35% em reais

Redução no preço reflete os novos contratos de venda com as distribuidoras em que o preço da molécula de gás está atrelado à variação do preço do petróleo no mercado internacional

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements