Menu
2019-10-14T16:24:00-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Os queridinhos

Os melhores países para se investir nesse momento (e o Brasil está na lista!)

Empreendedores e executivos listaram os melhores países para se investir analisando aspectos econômicos, sociais e culturais

18 de setembro de 2019
11:52 - atualizado às 16:24
Outros países
Imagem: Shutterstock

Quando você busca uma nova empresa para investir, muito provavelmente irá procurar alguns aspectos que a diferenciem no mercado. Qual a sua situação política e econômica? Como as outras pessoas veem suas atividades?

Na hora de escolher um país para investir, o processo costuma ser o mesmo. O grupo do Banco Mundial selecionou alguns critérios que levam uma empresa a investir em um determinado local, como a disponibilidade de recursos naturais, mercados, eficiência produtiva e ativos estratégicos.

E para facilitar o trabalho de quem busca uma nova aventura para o dinheiro, o U.S News & World Report  selecionou alguns parâmetros utilizados pelo Banco Mundial e criou o ranking dos melhores países para se investir em 2019.

Método

Após uma pesquisa de percepção global feita com mais de 21 mil pessoas, onde os entrevistados analisaram mais de 65 aspectos nacionais, a entidade selecionou os países mais bem pontuados entre 7 mil executivos e empreendedores.

A pontuação foi dividida em oito categorias: corrupção, dinamismo, estabilidade econômica, espírito empreendedor, cenário fiscal favorável, inovação, mão-de-obra especializada, expertise tecnológica e dinamismo.

Em comparação com o ano passado, a lista de 2019 tem algumas surpresas. Enquanto em 2018 o TOP 5 era composto por Filipinas, Indonésia, Polônia, Malásia e Singapura, neste ano nenhum dos países aparece nas primeiras posições.

Nesta edição do ranking, nosso vizinho Uruguai ocupa a primeira posição, seguido pela Arábia Saudita, foco de tensão em torno do petróleo nos últimos dias. Na terceira posição, a Costa Rica representa a América Central. O Grão-Ducado de Luxemburgo e a Índia fecham o top 5.

Mesmo com os recentes turbilhões políticos e econômicos enfrentados nos últimos anos, o Brasil também aparece na lista. Na vigésima posição, o país ainda se destaca pela sua cultura acessível e sua colocação como um dos principais polos turísticos mundiais.

Os melhores países para se investir

 

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Dificuldades À vista?

Deputados falam em reduzir medidas de ajuste fiscal do texto da PEC do auxílio

Embora defenda celeridade na análise da proposta, Albuquerque admite que o texto pode ser enxugado

escolha da CEO

Investir no Brasil: se correr o bicho pega, se ficar o bicho come

Confira uma seleção de matérias feita pela CEO do Seu Dinheiro, Marina Gazzoni

Efeitos da pandemia

PEC do auxílio aprovada no Senado prevê abater R$ 100 bi da dívida pública

Pelos cálculos do governo, a necessidade de financiamento da dívida pública federal (DPF) neste ano é de R$ 1,469 trilhão, valor que aumentou por causa do maior volume de títulos de curto prazo que o governo precisou emitir para conseguir captar recursos

Resolvendo pendências

STF: Petrobras não precisa se sujeitar à Lei das Licitações

Nos últimos anos, a Suprema Corte tem dado decisões relativas a Petrobras que consideram o cenário de livre competição em que opera a estatal.

Pacote fiscal aguardado

EUA: Senado aprova extensão de aumento de auxílio-desemprego

A emenda prevê a extensão da duração dos benefícios federais a desempregados, mas reduz seu valor semanal, em comparação com o projeto de lei aprovado pela Câmara dos Representantes no sábado passado

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies