Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-12-05T10:02:22-03:00
Estadão Conteúdo
IH, RAPAZ

Nem chineses vão pagar carne cara, afirma CNA

Preços médios da carne bovina importada pela China saíram de US$ 4.600 por tonelada para US$ 5.200 por tonelada, com picos próximos aos US$ 6 mil por tonelada

5 de dezembro de 2019
9:02 - atualizado às 10:02
Embalagem de carne bovina
Imagem: Shutterstock

O preço da carne bovina chegou a um nível que até mesmo os chineses não estão dispostos a pagar, o que deve provocar um recuo no valor, inclusive no Brasil, segundo a Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA).

Os preços médios da carne bovina importada pela China saíram de US$ 4.600 por tonelada para US$ 5.200 por tonelada, com picos próximos aos US$ 6 mil por tonelada. "São valores recordes que nem os chineses estão dispostos a pagar. Por isso, haverá o ajuste", disse o superintendente técnico da CNA, Bruno Lucchi.

Mas o presidente da CNA, João Martins, alertou que os preços não voltarão aos patamares passados. "Ninguém espera que voltem os preços de 60 dias atrás", disse Martins em evento de balanço anual da entidade, em Brasília. A própria ministra da Agricultura, Tereza Cristina, disse ao jornal O Estado de S. Paulo que o preço da carne não volta ao patamar anterior.

No período citado por Martins, a arroba do boi em São Paulo subiu cerca de 45%, de uma média de R$ 160 para R$ 230, e boa parte desse reajuste chegou ao varejo. A disparada ocorreu depois do aumento das importações chinesas, da redução na oferta brasileira e do crescimento do consumo no mercado interno.

De acordo com o presidente da CNA, o ajuste será feito pelo consumidor e pelo mercado. Ele lembrou que o avanço favorece os pecuaristas, já que os preços estavam "achatados e o custo de produção em alta". Além do aumento nas importações chinesas, a redução na oferta brasileira e o crescimento do consumo no mercado interno motivaram a disparada no preço da carne bovina.

Lucchi afirmou que não há possibilidade de falta de carne no mercado interno, pois o volume exportado do produto em novembro, pico das vendas, correspondeu a 22% a 23% da oferta total. "Se tomarmos esse volume como base, vamos exportar 28% da produção em 2020. Mas a capacidade de reação do pecuarista é grande e vamos ter aumento na oferta", explicou.

As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

Bilionário X Bitcoin

“Eu realmente não ligo para o bitcoin (BTC)”, afirma CEO do JP Morgan, que vê potencial de crescimento de até dez vezes para o preço da criptomoeda

Em entrevista ao jornal Times of India, Jamie Dimon mostrou que segue com ceticismo em torno do mercado de criptomoedas

Federal reserve

Dirigente do Fed vê economia próxima de atingir nível para início de tapering

Evans disse a instituição irá concentrar esforços no sentido de gerar inflação sustentável que seja consistente com sua meta oficial

Exile on Wall Street

Felipe Miranda: uma recomendação simples e direta para comprar agora; confira

Às vezes, a gente conta história, se mete a falar de filosofia, apresenta uma teoria com o intuito de demonstrar um ponto. E, às vezes, não tem nada disso. Seguimos a via mais direta nesta segunda-feira. Se aparecer uma oportunidade simples e eficiente, você deve aproveitá-la sem tergiversar.  Difícil entender a preferência de algumas pessoas […]

Mercados Hoje

Recuperação do petróleo e do minério de ferro puxam Ibovespa para o campo positivo, mas NY limita os ganhos

A semana está recheada de números importantes para o mercado, mas a segunda-feira começa no vermelho para o Ibovespa

Bitcoin (BTC) hoje

O que mexe com o preço do bitcoin (BTC) hoje: criptomoedas se recuperam após susto com China e analista da Bloomberg ajusta expectativas para o mercado até o final do ano

Assim como ó gosto duvidoso em sequências de filmes, a história da China contra o bitcoin não anima mais os fãs

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies