A AÇÃO QUE ESTÁ REVOLUCIONANDO A INFRAESTRUTURA DO BRASIL E PODE SUBIR 50%. BAIXE UM MATERIAL GRATUITO

2019-10-14T14:10:22-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Dados da CNI

Indústria tem queda no custo industrial, mas perde competitividade

Retração nos custos não foi o suficiente para manter a atividade aquecida e a indústria perdeu competitividade no primeiro trimestre

12 de junho de 2019
11:41 - atualizado às 14:10
indústria-brasileira
Indústria brasileira - Imagem: José Cruz/Agência Brasil

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) divulgou nesta quarta-feira (12) o estudo Indicador de Custos Industriais, que teve uma queda de 1% no primeiro trimestre de 2019. A comparação tem como base o quarto trimestre de 2018 e, segundo a entidade, é a maior retração no indicador desde o segundo trimestre de 2016, quando caiu 1,3%.

Segundo a CNI, a queda foi puxada pelos custos dos produtos intermediários, tanto domésticos como importados. As quedas superaram as altas nos custos tributário, com capital de giro e com energia. Esse foi o nono trimestre seguido que o custo de energia para a indústria apresentou alta, crescendo 1,0%.

Competitividade

A retração nos custos não foi o suficiente para manter a atividade aquecida e a indústria perdeu competitividade no primeiro trimestre. Segundo o estudo, a característica foi sentida tanto no mercado doméstico como no externo. O mercado doméstico apresentou uma retração no preço dos manufaturados importados, em reais, superando a queda dos custos industriais e tornando os importados mais baratos.

No mercado externo, o preço dos produtos manufaturados dos Estados Unidos caiu mais do que no Brasil, com as exportações brasileiras ficando muito caras.

"A queda dos custos industriais também não representou um aumento da lucratividade no trimestre, pois o preço dos produtos manufaturados no Brasil acompanhou a queda dos custos", diz o estudo.

"Para enfrentar a crise e a competição com os importados, a indústria repassou a redução de custos para os preços", avalia o gerente-executivo de Pesquisas da CNI, Renato da Fonseca, em nota divulgada pela entidade.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Quem é a Pi

Uma plataforma de investimentos feita para ajudar a atingir seus objetivos por meio de uma experiência #simples, #segura, #acessível e #transparente.

FRIGORÍFICOS

JBS (JBSS3) é a ação de alimentos favorita do BofA, mas banco vê menor potencial de alta para o papel; ainda vale a pena comprar?

18 de agosto de 2022 - 14:54

Analistas revisaram para baixo o preço-alvo do papel, para R$ 55, devido à expectativa de queda nas margens da carne bovina dos EUA, correspondente a 40% das vendas da empresa

TRIO DE PESO

3R (RRRP3), PetroRecôncavo (RECV3) e Prio (PRIO3) voltam a brilhar e potencial de valorização pode ultrapassar 200%

18 de agosto de 2022 - 14:26

Itaú BBA retomou a cobertura das três petroleiras brasileiras com recomendação da compra; saiba o que cada uma delas tem de mais atrativo

DE MARCHA RÉ

Sem força, bitcoin (BTC) cai em semana fraca; atualização do ethereum (ETH) foi ‘descoberta’ e deve afetar preços das criptomoedas

18 de agosto de 2022 - 13:40

O mercado “descobriu” o que o The Merge fará com o ethereum e abriu uma janela de oportunidade, segundo analista

PARA QUEM QUER DESCONTO

Órama elege trio de fundos imobiliários como os mais baratos e rentáveis do mercado de FIIs — veja quais são os ativos e confira o ranking completo

18 de agosto de 2022 - 12:48

Para auxiliar os investidores que estão em busca de oportunidades para diversificar a carteira de FIIs, a Órama liberou a edição de agosto do “Quem tá barato?”

QUE FORTUNA!

LeBron James renova com o Los Angeles Lakers e torna-se o atleta mais bem pago da história da NBA; confira o novo pódio dos jogadores mais bem remunerados de todos os tempos

18 de agosto de 2022 - 12:13

LeBron James deixa Kevin Durant para trás; veja quem completa o pódio dos jogadores mais bem remunerados da história da NBA

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies