Menu
O melhor do Seu Dinheiro
Victor Aguiar
Dados da Bolsa por TradingView
2019-11-16T12:45:26-03:00
Seu Dinheiro no sábado

MAIS LIDAS: O jovem bilionário do Facebook

16 de novembro de 2019
12:45
Selo O Melhor do Seu Dinheiro; investimentos
Imagem: Montagem Andrei Morais / Shutterstock

20 de janeiro de 2010: essa é a data da minha primeira postagem no Facebook. Nada muito inspirador, eu estava só reclamando do clima chuvoso. Nos meses seguintes, todas as minhas interações tratavam de joguinhos on-line — aparentemente, eu era um grande fã de FarmVille.

Acessar o túnel do tempo das redes sociais é revelador. É natural que, com a passagem dos anos, nossa personalidade e nossos gostos se transformem — e isso fica muito claro ao comparar o Victor de 2010 e o Victor de 2019. Mas essas postagens antigas também mostram como o próprio Facebook mudou de lá para cá.

Dia após dia, semana após semana, mês após mês: a rede social foi se metamorfoseando, oferecendo mais e mais funcionalidades — e ganhando um espaço cada vez maior na vida das pessoas. Não à toa, meu perfil no site vai completar 10 anos.

Essa capacidade irresistível de prender a atenção as pessoas — e, obviamente, fazer dinheiro a partir desse magnetismo — alçou o Facebook ao status de gigante global do setor de tecnologia. A empresa possui um valor de mercado de US$ 550 milhões, ficando atrás apenas de Microsoft, Apple, Amazon e Google.

E, como todos sabem, o fundador do Facebook, Mark Zuckerberg, é hoje um dos homens mais ricos do mundo. Mas ele não criou a rede social sozinho: lá em 2004, o brasileiro Eduardo Saverin foi um de seus sócios na concepção do projeto que, anos mais tarde, se tornaria o fenômeno global que conhecemoss.

Saverin e Zuckerberg se desentenderiam no futuro, mas o fato de o brasileiro ter participado da criação do site garantiu a ele uma fatia minoritária na empresa — e, com isso, o jovem de 37 anos já acumula uma fortuna de mais de US$ 10 bilhões.

A história de Saverin, dos tempos de camaradagem com Zuckerberg aos projetos pós-Facebook, foi o texto mais lido do Seu Dinheiro nesta semana. Para saber tudo sobre a trajetória do brasileiro, é só acessar nossa matéria especial, escrita pela Naiana Oscar.

Ah, mas antes, confira o material publicado hoje pela Bruna Furlani. Ela é uma especialista no mercado de criptomoedas e está indicando as melhores corretoras estrangeiras para quem quer investir nesse tipo de ativo lá fora.

Veja as 5 notícias mais lidas da semana:

1 - Como o Facebook tornou Eduardo Saverin o mais jovem entre os bilionários brasileiros

2 - Diretor da Vale é flagrado orientando funcionários a não entregar documentos à Justiça sobre barragem

3 - Ouro de tolo? Saiba por que grandes fundos agora esperam a queda do metal

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

IPO adiado

Bluefit: nem desconto de 20% garante estreia da rede de academias na bolsa

Inicialmente estimado em R$ 600 milhões, IPO da rede de academias de baixo custo agora deverá ter o valor reduzido e envolver apenas investidores institucionais, como fundos e fundações

Tensão EUA-China

Executiva da Huawei detida no Canadá em 2018 volta à China após acordo com os EUA

Confinada à cidade de Vancouver há quase três anos, onde havia sido presa sob acusação de fraude, CFO da Huawei, Meng Wangzhou, protagonizou incidente diplomático entre Canadá, EUA e China

o melhor do seu dinheiro

Mercados na semana: O destino da Evergrande, uma análise da Vale e seis ações indicadas por analistas

A semana que termina nos mercados foi marcada pela incerteza quanto ao futuro da incorporadora chinesa Evergrande e seus desdobramentos sobre a economia global. A crise na empresa, que tem um passivo oscilando à beira da insolvência, é consequência do aperto monetário e regulatório sobre o setor promovido pelo governo chinês desde o final do […]

Estimativas

Carrefour (CRFB3) divulga projeção para Atacadão e estima R$ 100 bi em vendas em 2024

A projeção de vendas brutas da rede no exercício social que se encerrará em 31 de dezembro de 2021 é de R$ 60 bilhões

PODCAST MESA PRA QUATRO

Da Conga até o Tik Tok: Gretchen conta de sua carreira artística e como administra seu dinheiro

Aos 60 anos, Gretchen relata sobre sua independência financeira e histórias de família e de carreira

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies