Menu
2019-04-04T14:15:16-03:00
Estadão Conteúdo
Guerra comercial

EUA e China retomam negociações no comércio, mas grandes divergências continuam

Delegação chinesa, liderada pelo vice-premiê Liu He, planeja oferecer um grande aumento nas compras de produtos agrícolas e de energia dos EUA

29 de janeiro de 2019
7:26 - atualizado às 14:15
guerra comercial
Imagem: Shutterstock

Delegações dos Estados Unidos e da China retomam nesta quarta-feira em Washington as negociações sobre comércio, mas as indicações iniciais são de que os dois lados continuam bastante divididos, o que sugere um trabalho duro para se chegar a um acordo antes do prazo de 1º de março.

A delegação chinesa, liderada pelo vice-premiê Liu He, planeja oferecer um grande aumento nas compras de produtos agrícolas e de energia dos EUA, bem como reformas modestas em suas políticas industriais, segundo pessoas na China ligadas ao assunto. Mas Pequim contestará a demanda americana de grandes mudanças estruturais na economia chinesa, de acordo com as fontes.

As demandas incluem o corte de subsídios para favorecer indústrias, bem como do apoio regulatório e de outros auxílios para companhias chinesas, especialmente estatais.

Funcionários dos EUA, por sua vez, dizem que um rascunho do documento apresentando os termos precisa ainda ser compilado. Nesta segunda-feira, o secretário do Tesouro, Steven Mnuchin, disse esperar "progresso significativo" no diálogo desta semana.

As conversas podem ser ofuscadas pelas ações desta segunda-feira dos EUA contra a chinesa Huawei. Promotores federais acusaram a empresa de violar sanções americanas contra o Irã e de roubar segredos comerciais de uma parceira de negócios dos EUA. O governo do presidente Donald Trump diz que o caso da Huawei é independente do diálogo sobre comércio, mas em dezembro o próprio Trump disse que poderia usar o caso da diretora financeira da empresa, Meng Wanzhou, como moeda de troca na disputa. Detida no Canadá, Meng tenta judicialmente evitar uma extradição para os EUA.

Comentários
Leia também
UMA OPÇÃO PARA SUA RESERVA DE EMERGÊNCIA

Um ‘Tesouro Direto’ melhor que o Tesouro Direto

Você sabia que existe outro jeito de investir a partir de R$ 30 em títulos públicos e com um retorno maior? Fiz as contas e te mostro o caminho

após relatório da inflação

Retomada indica que País está acima da média de emergentes, diz Campos Neto

Presidente do BC disse que a autoridade monetária tem posição de “absoluta tranquilidade” em relação à inflação e afirmou não acreditar que a alta nos preços de alimentos neste ano possa impactar a inflação em 2021

De olho no e-commerce

Vinci Partners assina joint venture com Fulwood para desenvolver até R$ 1 bilhão em galpões logísticos

Recursos serão captados por fundo imobiliário inicialmente não negociado em bolsa; motivação é o desenvolvimento do e-commerce na pandemia

saída da crise

Analistas e BC têm se surpreendido com números melhores da atividade, diz Kanczuk

Banco Central atualizou nesta quinta no Relatório Trimestral de Inflação (RTI) sua projeção para o Produto Interno Bruto (PIB) em 2020. A expectativa para a economia este ano passou de queda de 6,4% para retração de 5,0%

MERCADO DE TRABALHO

Nos EUA, pedidos de auxílio-desemprego sobem 4 mil na semana, a 870 mil

Resultado ficou acima da expectativa dos analistas, que previam 850 mil solicitações na última semana

retomada econômica

Sem Petrobras e Vale, lucro das empresas deve crescer 14% em 2021

Análise foi feita pelo BTG e compara as perspectivas sobre os resultados de 2019; expectativa melhorou em relação ao relatório anterior

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements