Menu
2019-12-13T18:41:16-03:00
ENERGIA

Eletrobras e Ande fecham acordo sobre divisão de energia de Itaipu

Ainda de acordo com a nota, agora será possível a formalização dos contratos entre a entidade binacional e as empresas compradoras

13 de dezembro de 2019
18:39 - atualizado às 18:41
Sede da Eletrobras no Rio de Janeiro
Sede da Eletrobras no Rio de Janeiro - Imagem: Divulgação

Depois de ter um acordo cancelado em agosto por ter criado um conflito político no Paraguai ao ter os termos divulgados, Eletrobras e Ande, a empresa de energia do Paraguai, fecharam acordo para garantir a divisão do volume e do preço de energia entre os dois países, mas os detalhes seguem em sigilo.

De acordo com nota de Itaipu, subsidiária da Eletrobras, "a contratação da potência por quatro anos dá maior previsibilidade ao planejamento das duas entidades compradoras e assegura à usina binacional os recursos necessários para seu adequado funcionamento e, por consequência, para a estabilidade no fornecimento de energia elétrica a ambos os países", afirma a hidrelétrica.

Ainda de acordo com a nota, agora será possível a formalização dos contratos entre a entidade binacional e as empresas compradoras, os quais foram aprovados em reuniões do Conselho de Administração de Itaipu e da Diretoria Executiva, ad referendum da Ande e da Eletrobras.

Com o acordo Itaipu informa que poderá também pagar royalties e despesas de exploração, "nas quais estão inseridos gastos com desenvolvimento social, entre eles as duas pontes internacionais entre Brasil e Paraguai a serem custeadas pela entidade binacional", informou.

De acordo com a empresa, o resultado das tratativas não provocará aumento na tarifa de energia em qualquer um dos dois países.

Comentários
Leia também
CUIDADO COM OS ATRAVESSADORES

Onde está o seu iate?

Está na hora de tirar os intermediários do processo de investimento para deixar o dinheiro com os investidores

pandemia no país

Brasil acumula 4,4 milhões de casos e 135 mil mortes por covid-19

Nas últimas 24 horas, foram registrados 858 óbitos pela covid-19, totalizando 135.793 mortes

seu dinheiro na sua noite

A bolsa consegue se sustentar sem anabolizante?

O canadense Ben Johnson assombrou o mundo ao cruzar a linha de chegada dos 100 metros rasos com a marca de 9 segundos e 79 centésimos nas Olimpíadas de 1988, recorde mundial. A consagração durou pouco. Dias depois ele foi pego no exame antidoping e perdeu a medalha de ouro conquistada nos Jogos de Seul. […]

dinheiro para o acionista

EDP Brasil paga R$ 353,5 milhões em dividendos e juros sobre capital próprio em 23 de setembro

Do total, R$ 236 milhões serão pagos na forma de juros sobre capital próprio e R$ 117,5 milhões em dividendos

follow-on na área

Oferta de ações da Suzano detidas pelo BNDESPar pode movimentar R$ 6,1 bi sem lote adicional

Data estimada da oferta é para 2 de outubro. A princípio, serão oferecidos 125,18 milhões de papéis da Suzano; lote adicional pode levar valor a R$ 7,4 bilhões

lista da forbes

Bilionário Joseph Safra desbanca Lemann em ranking dos mais ricos

Pódio dos bilionários brasileiros é completado por Eduardo Saveri, cofundador do Facebook, com fortuna estimada em R$ 68 bilhões; veja lista

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements