Menu
2019-09-07T11:22:12-03:00
Estadão Conteúdo
Guerra comercial

Trump volta a atacar Fed e cita corte do compulsório bancário na China

Presidente dos EUA escreveu no Twitter que as tarifas impostas sobre a China têm funcionado e feito com que o gigante asiático precise de programas de estímulo para a economia

7 de setembro de 2019
11:22
Donald Trump
Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, voltou a criticar o Federal Reserve (Fed, o banco central americano) pelo Twitter na madrugada deste sábado. Em seu perfil na rede social, ele também afirmou que as tarifas impostas sobre a China têm funcionado e feito com que o gigante asiático precise de programas de estímulo para a economia.

"A China acaba de implantar um grande programa de estímulo. Com todas as tarifas que ELES estão pagando aos EUA, bilhões e bilhões de dólares, eles precisam!", escreveu Trump. "Enquanto isso, nosso Federal Reserve (Fed, o banco central americano) se senta e não faz NADA!", completou.

Trump se referiu ao anúncio do Banco do Povo da China (PBoC, o BC chinês), que informou na sexta-feira que reduzirá os compulsórios bancários em 0,50 ponto porcentual. Para bancos menores, o PBoC cortará o compulsório em 1 ponto porcentual, com o objetivo de impulsionar empréstimos para empresas pequenas e do setor privado.

O presidente norte-americano vem tentando pressionar o Fed a cortar juros mais agressivamente.

Comentários
Leia também
DINHEIRO QUE PINGA NA SUA CONTA

Uma renda fixa pra chamar de sua

Dá para ter acesso a produtos melhores do que encontro no meu banco? (Spoiler: sim).

diante da crise

Anac aprova reequilíbrio de R$ 1,27 bilhão para quatro aeroportos

Terminais que foram beneficiados foram os aeroportos internacionais de Guarulhos (R$ 854,9 milhões), Brasília (R$ 184,8 milhões), Salvador (R$ 114,9 milhões) e Confins (R$ 111,1 milhões)

últimos capítulos

Centro de treinamento de pilotos da Varig vai a leilão

Funcionários, que esperam há 14 anos por uma solução para o pagamento de indenizações, querem que 80% do valor arrecadado seja rateado entre os 13 mil ex-empregados

Mudou o chefe

Novo diretor da CVM é a favor do voto plural e fim da exclusividade de autônomos

Aos 38 anos, o advogado tomou posse no cargo nesta terça-feira, 24, e participará de discussões relevantes como a reforma dos regimes de ofertas públicas

novo dia de ganhos

Ibovespa se aproxima dos 110 mil pontos com disparada de blue chips em meio à transição de Biden e vacina

Índice fecha perto das máximas, em sessão liderada por ações de administradoras de shoppings. Dólar prossegue em trajetória de queda em novembro, enquanto juros curtos sobem com IPCA-15 maior do que o esperado

Dança das cadeiras

Carlos Hamilton deixa Banco do Brasil e diretor da BB DTVM assume Relações com Investidores

Vem aí mais mudanças no Banco do Brasil. A instituição anunciou hoje a renúncia de Carlos Hamilton Vasconcelos Araújo ao cargo de vice-presidente de gestão financeira e de relações com investidores. A razão para a saída do executivo não foi informada. Leia também: OPORTUNIDADE: Confira as ações e FIIs favoritos das carteiras recomendadas das corretoras […]

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu
Advertisements

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies