Menu
Dados da Bolsa por TradingView
2019-09-11T08:51:51-03:00
Estadão Conteúdo
soltou o verbo

Trump defende taxa de juros a ‘zero ou menos’ nos EUA

É a primeira vez que o presidente americano, ao menos recentemente, aponta o nível a que ele quer que a taxa chegue

11 de setembro de 2019
8:51
Donald Trump
Em uma sequência de duas publicações no Twitter, Trump argumentou que, como os EUA têm "a grande moeda, poder e balanço de ativos" e "nenhuma inflação", deviam pagar sempre a taxa mais baixa.Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, defendeu nesta quarta-feira que o Federal Reserve (Fed, o banco central do país) corte a taxa básica de juros para "zero ou menos". "Devíamos então começar a refinanciar a nossa dívida. O custo com juros poderia ser trazido muito para baixo, enquanto ao mesmo tempo se prolonga o prazo (de vencimento da dívida)", acrescentou.

As críticas do mandatário à condução da política monetária americana e os seus chamados por cortes de juros são recorrentes, mas trata-se da primeira vez, ao menos recentemente, que ele aponta o nível a que ele quer que a taxa chegue. Em ao menos uma ocasião recente, Trump falou em uma tesourada de 100 pontos-base, "mas não de uma vez só". Hoje, o juro básico do Fed está na faixa entre 2,00% e 2,25%.

Em uma sequência de duas publicações no Twitter, Trump argumentou que, como os EUA têm "a grande moeda, poder e balanço de ativos" e "nenhuma inflação", deviam pagar sempre a taxa mais baixa.

"É só a ingenuidade (do presidente do Fed Jerome) Powell e do Federal Reserve que não nos permite fazer o que outros países já estão fazendo. Uma oportunidade única na vida que estamos perdendo por causa de 'cabeças de vento'", encerrou.

O Fed realiza a sua próxima reunião de política monetária em 17 e 18 de setembro, com o anúncio da decisão no segundo dia.

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

Leão faminto

Carga pesada: Impostômetro atinge a marca de R$ 1,5 trilhão

Monitoramento da Associação Comercial de São Paulo mostra que, no ano passado, marca foi atingida somente no dia 28 de setembro

Muita calma nessa hora

Tem Vale Gás? Petrobras diz que não há definição sobre participação em programas sociais

Manifestação vem depois que o presidente Jair Bolsonaro disse em entrevista que a estatal tem R$ 3 bilhões em reservas para custear ajuda

Clube do Livro

Batalhas sem arma: Em “Cripto Wars”, Jim Rickards explica guerras cambiais e agora, com criptomoedas

Autor, conhecido também por suas previsões certeiras sobre o bitcoin, fala de como a tecnologia mudou as estratégias financeiras dos países

RUMO AO MILHÃO

O primeiro e mais importante investimento para quem atingir o primeiro milhão (ou ir além)

Por mais que você busque o conforto e a segurança de uma promessa de retorno garantido, digo, com convicção, que o único investimento com retorno garantido em longo prazo é aquele feito em educação

Ventos contrários

Renova Energia não consegue “proteção” contra minoritários da própria empresa

Empresa perdeu ação no TJ-SP que tentata impedir os acionistas de produzirem provas contra a empresa, relativas à investigação sobre desvio de recursos

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies