Menu
2019-06-21T11:51:09-03:00
Estadão Conteúdo
Não tá fácil para os hermanos

PIB da Argentina apresenta contração de 5,8% na comparação anual no 1º trimestre

Resultado veio ligeiramente pior do que o esperado por analistas consultados pela Trading Economics

19 de junho de 2019
18:34 - atualizado às 11:51
Peso argentino
Peso argentino - Imagem: Shutterstock

A recessão econômica na Argentina teve continuidade nos três primeiros meses deste ano, um período que configurou o quarto semestre consecutivo de declínio econômico, de acordo com informações do Instituto Nacional de Estatísticas e Censos (Indec) do país.

O Produto Interno Bruto (PIB) mostrou que a economia argentina apresentou contração de 5,8% no primeiro trimestre em relação ao mesmo período de 2018, e recuou 2,0% na comparação com os três meses imediatamente anteriores.

O resultado veio ligeiramente pior do que o esperado por analistas consultados pela Trading Economics.

Na comparação anual do primeiro trimestre, a expectativa era de que o PIB argentino apresentasse contração de 5,7%. Já em relação ao quarto trimestre de 2018, analistas esperavam recuo de 0,8%.

Comentários
Leia também
INVISTA COMO UM MILIONÁRIO

Sirva-se no banquete de investimentos dos ricaços

Você sabe como ter acesso aos craques que montam as carteiras dos ricaços com aplicações mínimas de R$ 30? A Pi nasceu para colocar esses bons investimentos ao seu alcance

Meme bilionário

O que está por trás da valorização de 500% do Dogecoin em uma semana?

O projeto levou várias pessoas a ficarem milionárias, mas pode fazer muita gente perder dinheiro daqui para frente

Chama o doutor

Após desconto em IPO, ações da Mater Dei estreiam em queda na B3

A situação atual do mercado e a fila de companhias de saúde prontas para abrirem o capital prejudica a rede de hospitais

mudanças na estatal

Conselho confirma general indicado por Bolsonaro para presidir Petrobras e novos diretores

Joaquim Silva e Luna assume o cargo então ocupado por Roberto Castello Branco Branco, demitido porque Bolsonaro estava insatisfeito com política de preços

Só a Vale salva

Tá difícil viver de renda: empresas cortaram R$ 38 bilhões em dividendos na pandemia

Muitas companhias optaram por distribuir menos dinheiro aos acionistas e preservar o caixa durante a crise econômica

Varejo em ebulição

Renner vai às compras? Varejista avalia oferta de ações e mexe com todo o setor

A rede de varejo de moda prepara captação de até R$ 4,5 bilhões com a emissão de novas ações na B3 e de olho em aquisições, diz site Brazil Journal

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies