IPCA + 8% e outros títulos ‘premium’: receba as melhores ofertas de renda fixa no seu WhatsApp

Cotações por TradingView
2019-04-04T15:55:57-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Primeira visita

Presidente argentino chega ao Brasil para reuniões com Bolsonaro

Apesar de não ter participado da cerimônia de posse de Bolsonaro, argentino chega agora acompanhado de um time importante de ministros

16 de janeiro de 2019
6:51 - atualizado às 15:55
Presidente da Argentina, Mauricio Macri
Presidente da Argentina, Mauricio Macri - Imagem: shutterstock

O presidente Argentina, Mauricio Macri, vem ao Brasil nesta quarta-feira, 16, para discutir pautas-bombas da região com o presidente Jair Bolsonaro.

Apesar de não ter participado da cerimônia de posse de Bolsonaro - com a desculpa de que estava de férias na Patagônia -, o argentino chega agora acompanhado de um time importante de ministros.

Estão entre elas Nicolás Dujovne (Economia), Dante Sica (Produção), Jorge Faurie (Relações Exteriores), Oscar Aguad (Defesa), Patricia Bullrich (Segurança), Germán Gravano (Justiça e Direitos Humanos), além de Fulvio Pompeo (secretário de Assuntos Estratégicos).

Nas reuniões da equipe econômica, dinamização do comércio bilateral, situação do Mercosul e negociações do bloco com outros países são temas que vão predominar nos debates. A ideia é buscar iniciativas que possam aumentar a integração e a produção em ambos os países, segundo uma fonte do governo argentino.

O governo Macri também quer ampliar as exportações para o Brasil, já que a Argentina apresenta déficits comerciais com o País. O intercâmbio comercial entre as duas maiores economias do Mercosul está longe de seu melhor momento. No ano passado, somou US$ 26 bilhões, o que significa uma queda de 34% em relação aos US$ 39,6 bilhões registrados em 2011, ano recorde.

Na mesa de debates, deverá aparecer ainda o acordo de livre-comércio entre Mercosul e União Europeia, que vem sendo negociado há 20 anos, e a possibilidade de novas parcerias com outros países e blocos. A intenção é integrar o Mercosul globalmente.

Entre as equipes dos Ministérios de Defesa, Segurança e Justiça, as conversas se concentrarão no combate ao crime organizado (o que deverá incluir trâmites mais ágeis nas fronteiras) e à corrupção. Ainda na pauta elaborada pela Argentina constam os assuntos energia nuclear, desenvolvimento da indústria de satélites e espacial. A situação da Venezuela também deve ser abordada no encontro entre os dois presidentes.

Unasul

Outro ponto é a criação de um novo bloco para substituir a União das Nações Sul-Americanas (Unasul). O governo brasileiro acredita que o bloco está “praticamente encerrado” e vai propor o uso de fóruns já existentes no Mercosul para substituir a organização em áreas como infraestrutura e questões de fronteira. Segundo fontes, o Brasil é “simpático” à ideia de criar um novo bloco para substituir a Unasul, mas prefere não “duplicar esforços”, por isso vai sugerir usar instâncias que já existem.

O Brasil já foi consultado por países como Chile e Colômbia sobre a possibilidade de criação de um novo bloco em substituição à Unasul (que poderia se chamar Pró-Sul).

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

App da Pi

Aplique de forma simples, transparente e segura

ENGORDANDO OS PROVENTOS

Este fundo imobiliário que tem empresa do Magazine Luiza como inquilina prevê pagar dividendos maiores nos próximos meses — veja quem é

28 de novembro de 2022 - 11:50

O fundo em questão pode pagar até R$ 0,78 por cota nos próximos meses, segundo o teto do guidance divulgado no último relatório gerencial

DE OLHO NAS REDES

Adeus, Nubank: não se engane com os resultados do trimestre, ação ainda é furada e esta outra fintech é capaz de ‘vencer’ o roxinho, alerta Empiricus — descubra

28 de novembro de 2022 - 11:14

Analistas da Empiricus destacam que o Nubank usou uma nova metodologia para calcular a inadimplência e esse detalhe faz toda diferença; entenda

LEVANTANDO DINHEIRO

Grupo Casino faz oferta secundária de ações para levantar R$ 2,7 bilhões para vender sua fatia no Assaí (ASAI3)

28 de novembro de 2022 - 10:50

Problemas financeiros constantes obrigaram o grupo francês a vender sua parte no Assaí (ASAI3), em negócio previsto pelo mercado

MAIS E MAIS PROBLEMAS

Protocolo Aave (AAVE) suspende empréstimos em criptomoedas e bitcoin (BTC) vê preços estabilizarem com crise na China; acompanhe

28 de novembro de 2022 - 10:37

O Aave é o maior protocolo de lending do Ethereum e somando os efeitos do bloqueio aos problemas de liquidez da FTX, as criptomoedas terão dias difíceis pela frente

DANÇA DAS CADEIRAS

Sai Roberto, entra Roberto: Braskem (BRKM5) anuncia troca de CEO a partir do ano que vem; veja quem ocupará o cargo

28 de novembro de 2022 - 10:23

A Novonor, acionista controladora da empresa, indicou Roberto Bischoff como substituto de Simões. A nomeação do executivo ainda deverá ser submetida à aprovação do Conselho

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies