Menu
2019-04-04T13:51:50-03:00
Seu Dinheiro
Seu Dinheiro
Relação instável

Trump sinaliza fortalecimento de laços com a China além dos 90 dias acordados no G-20

Presidente americano disse que os desfechos das negociações com Pequim devem começar a valer em breve

4 de dezembro de 2018
13:49 - atualizado às 13:51
Donald Trump, presidente dos EUA, e Xi Jinping, presidente da China
Donald Trump, presidente dos EUA, e Xi Jinping, presidente da China - Imagem: Shutterstock

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, sinalizou que as negociações comerciais com a China já estão em andamento e poderão prolongar por um período superior aos 90 dias acordados no G-20.

As declarações foram feitas em sua conta oficial no Twitter nesta terça-feira, 4.

"As negociações com a China já começaram. A menos que sejam estendidas, elas terminarão em 90 dias a partir da data de nosso maravilhoso e muito caloroso jantar com o presidente Xi na Argentina", destacou Trump.

O mandatário ainda ressaltou que a "China deve começar a comprar produtos agrícolas e mais imediatamente", mas complementou afirmando que o "presidente Xi e eu queremos que esse acordo aconteça, e ele provavelmente acontecerá". E acrescentou: "Quando pessoas ou países vêm atacar a grande riqueza de nossa nação, eu quero que eles paguem pelo privilégio de fazê-lo. Será sempre a melhor maneira de maximizar nosso poder econômico. Estamos agora recebendo bilhões de dólares em tarifas".

Trégua de 90 dias

No G-20, os EUA concordaram em congelar o plano de aumentar de 10% para 25% a tarifa imposta a uma cesta de produtos chineses que soma cerca de de U$$ 200 bilhões em exportações para o país.

Em contrapartida, a China se comprometeu em aumentar a importação de produtos agrícolas e industriais dos EUA.

As negociações entre ambos os países segue nesse período.

*Com Estadão Conteúdo

Comentários
Leia também
Um self service diferente

Como ganhar uma ‘gorjeta’ da sua corretora

A Pi devolve o valor economizado com comissões de autônomos na forma de Pontos Pi. Você pode trocar pelo que quiser, inclusive, dinheiro

Explica direito isso aí...

Procon-SP cobra explicações de Gol, Azul, Latam e mais 7 aéreas sobre cancelamentos, remarcações e reembolsos na pandemia

As empresas têm até o dia 10 de maio para responderem questionamentos sobre sua política de comercialização de passagens no período

Melhorias no ar

Azul divulga projeções e aposta em recuperação total no início de 2022

A companhia aérea foi a única das Américas a aumentar seu caixa em 2020 e aposta em um Ebitda de cerca de R$ 4 bilhões no próximo ano

Podcast Tela Azul

CASH3: Conheça a Méliuz, sua estratégia de cashback e saiba por que esta ação tech está bombando

Em entrevista para o Podcast Tela Azul da Empiricus, Lucas Marques, COO da Méliuz, conta sobre a onda da estratégia de cashback e como ela funciona. É falado também do atual foco da companhia em Growth, e dos planos futuros. Entenda o que é o “jabutiCAC”, jargão que surgiu nesta edição.

Desceu redondo

Na Ambev, a venda de cerveja garantiu o happy hour no primeiro trimestre

A Ambev reportou forte crescimento na receita líquida e no lucro no primeiro trimestre, impulsionada pelas vendas de cerveja no Brasil

cardápio dos balanços

Balanços de Copel, Braskem, Azul e outros mexem com o mercado nesta quinta; veja os destaques

Só no Ibovespa, foram ao menos cinco companhias que revelaram os resultados do primeiro trimestre entre esta quarta e quinta; desempenho mexe com os papéis das companhias

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies