Menu
2018-12-20T11:21:28-02:00
Bruna Furlani
Bruna Furlani
Jornalista formada pela Universidade de Brasília (UnB). Fez curso de jornalismo econômico oferecido pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Tem passagem pelas editorias de economia, política e negócios de veículos como O Estado de S.Paulo, SBT e Correio Braziliense.
Reino Unido decide ir com calma...

Medo à vista: Banco da Inglaterra é mais cauteloso e mantém juro básico

Instituição prefere continuar com juros no mesmo patamar diante da intensificação das discussões sobre o Brexit e da desaceleração da economia mundial

20 de dezembro de 2018
11:21
Bandeiras do Reino Unido e da União Europeia
Imagem: shutterstock

Ao contrário da postura mostrada pelo FED ontem que anunciou uma alta de 25 pontos-base, o Banco da Inglaterra (BoE, na sigla em inglês) optou por ser mais cauteloso e manter o juro básico em 0,75%. A decisão foi unânime e já era esperada também por uma boa parcela dos analistas estrangeiros.

Na ata, o banco explica que a intensificação das incertezas causadas por conta da retirada do Reino Unido da União Europeia no chamado Brexit e a crescente preocupação diante das tensões e desaceleração das economias mundiais foram os principais motivos para a manutenção da taxa. O documento destaca também que o BoE deve esperar que o cenário fique mais claro no próximo ano para voltar a considerar novos aumentos.

Ainda sim, o Banco da Inglaterra destaca que tem interesse em aumentar as taxas de juros nos próximos três anos para fazer com que saída do país da União Europeia não gere desordem ou problemas maiores. A instituição já havia alertado anteriormente que se não houvesse um acordo para o Brexit, isso poderia gerar uma recessão imediata e que poderia ser pior do que a crise de 2008.

Comentários
Leia também
A REVOLUÇÃO 3.0 DOS INVESTIMENTOS

Que pi… é essa?

Eu decidi sair do banco, mas não queria entrar em uma enrascada. Bem, acredito que eu tenha encontrado um portal para fugir dessa Caverna do Dragão das finanças. E cá estou para explicar essa descoberta.

ESTRADA DO FUTURO

As ações de tecnologia estão caras ou baratas? Saiba como os analistas fazem as contas

Com o tempo, a análise dessas empresas migrou da abordagem de tradicional para um modelo de probabilidades e grandes números

Pandemia

Número de óbitos por covid-19 passa de 434 mil; casos passam de 15,5 milhões

Mais de 2 mil mortes e 67 mil novos casos foram registrados nas últimas 24 horas

Polui menos

Petrobras bate recorde de vendas de diesel S-10

Impacto ambiental do derivado é menor

Acabou a mamata?

Congresso reage a supersalários da cúpula do governo

Medida beneficia diretamente o presidente Jair Bolsonaro e seu vice, Hamilton Mourão

Vieram fortes

Commodities e dólar em alta turbinam lucros de exportadoras no 1º trimestre

Expectativa é de efeito positivo sobre o PIB, mas comportamento desigual das empresas de capital aberto preocupa analistas

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies