Menu
Nicholas Sacchi
Crypto News
Nicholas Sacchi
Dados da Bolsa por TradingView
2018-09-28T18:48:09-03:00
Criptomoedas

Os volantes mais birutas do mundo disputam mais uma corrida maluca

Coinbase, a queridinha dos Estados Unidos, resolveu atualizar sua política de listagem de tokens para incluir mais ativos.

28 de setembro de 2018
18:48

Trabalhar no desenvolvimento de um negócio nunca é tarefa fácil. Digo isso porque me lembro bem do desafio de quando assumi essa área na exchange de cripto em que trabalhei.

São inúmeras variáveis a serem consideradas, como metas para a equipe de vendas, definição de estratégias de marketing, discussões de pautas sobre conteúdos para mídias sociais, campanhas para atrair novos clientes, elaboração de conteúdo educacional e por aí vai…

Em um mercado novo, recheado de novas oportunidades, todo mundo quer pegar uma fatia do bolo. Prova disso foi o grande número de exchanges que surgiram de um ano para cá.

Destacar-se frente aos concorrentes muitas vezes é uma tarefa árdua. Mais ainda quando se trata de concorrência no espaço internacional.

Quanto mais representatividade a sua exchange tem no mercado, mais projetos vão querer ter seus tokens listados em sua plataforma de negociação. Afinal, com um grande volume de clientes, você tem tudo de que o mercado mais precisa: liquidez.

Para as exchanges, a listagem é um baita negócio. Listar seu token numa exchange de grande volume vai te custar alguns milhões de dólares. É o preço que se paga para gerar fluxo de negociação no seu ativo.

E num mercado fragmentado como o de criptoativos, quanto mais exchanges listarem o seu token, melhor.

Pois é justamente nesse contexto que a Coinbase, a queridinha dos Estados Unidos, resolveu atualizar sua política de listagem de tokens.

A empresa anunciou nesta semana, em seu perfil no Twitter, que “o novo processo de listagem nos permitirá adicionar rapidamente a maioria dos ativos digitais que atendem aos nossos padrões e seguem as legislações locais”.

Um baita negócio para a startup, que é a porta de entrada de grande parte dos investidores americanos no mundo cripto. Atualmente, a Coinbase tem apenas cinco criptos listadas: bitcoin, litecoin, ethereum, ethereum classic e bitcoin cash.

Num mercado global, com exchanges do mundo todo listando uma variedade cada vez maior de ativos, quem não se adequar vai ficar para trás.

Como sugeri no título do texto, é uma verdadeira corrida maluca…

Comentários
Leia também
ENCRUZILHADA FINANCEIRA

Confissões de um investidor angustiado

Não vou mais me contentar com os ganhos ridículos que estou conseguindo hoje nas minhas aplicações. Bem que eu queria ter alguém extremamente qualificado – e sem conflito de interesses – para me ajudar a investir. Só que eu não tenho o patrimônio do Jorge Paulo Lemann. E agora?

O FISCAL ENLOUQUECEU

Com furo no teto, XP e BTG já esperam que a Selic suba 1,5 ponto percentual na próxima semana

A corretora também reviu suas projeções para o câmbio, inflação e PIB deste e do próximo ano

E-commerce de pneus

Cantu Store não se assusta com a farra fiscal e registra pedido de IPO na CVM

A companhia paranaense conta com 26 filiais em 17 unidades federativas e quatro centros de distribuição, além de duas marcas próprias

SEU DINHEIRO NA SUA NOITE

Guedes diz que fica, o puxadinho do teto de gastos e outros destaques do dia

Pelo menos um dos temores do mercado teve um desfecho nesta sexta-feira (22) — Paulo Guedes segue sendo o ministro da Economia, e o país não vai passar o fim de semana na incerteza. Após as baixas recentes na equipe econômica, mas o capitão do navio continua firme. Diante de tantas incertezas e a confirmação […]

SUPEROU AS EXPECTATIVAS

Hypera (HYPE3) inicia temporada de balanços com alta de 50% na receita líquida — veja os destaques da farmacêutica no terceiro trimestre

Apoiadas pelo portfólio cada vez maior de medicamentos e pelas vendas aquecidas, outras linhas do balanço também deixaram para trás as projeções

FECHAMENTO DA SEMANA

‘Fico’ de Guedes não apaga mau humor do mercado com furo no teto de gastos e Ibovespa despenca na semana; dólar volta a R$ 5,70

O principal índice da bolsa brasileira fechou o dia em queda de 1,34%, aos 106.296 pontos — longe das mínimas, mas no menor nível desde novembro de 2020. Na semana, a queda foi feia, e o Ibovespa recuou mais de 7%.

Carregar mais notícias
Carregar mais notícias
Fechar
Menu

Usamos cookies para guardar estatísticas de visitas, personalizar anúncios e melhorar sua experiência de navegação. Ao continuar, você concorda com nossas políticas de cookies